Clique e assine por apenas 3,90/mês
Beira-Mar Por Blog Notícias sobre celebridades, famosos, sociedade e pessoas interessantes do Rio de Janeiro

Fernando Henrique Cardoso apresenta nova agenda para o futuro do país

"Nem tudo é podridão na política brasileira (...) O Brasil está pronto para a mensagem que dispensa marqueteiros", escreveu em seu novo livro, recém-lançado

Por Daniela Pessoa - 25 Maio 2018, 08h00

Aos 86 anos, Fernando Henrique Cardoso lançou um novo livro, com noite de autógrafos na Livraria Argumento, no Leblon. Em Crise e Reinvenção da Política no Brasil, o ex-presidente traça um diagnóstico da atual situação do país, apresenta nova agenda para o futuro da nação e afirma que “nem tudo é podridão na política brasileira”. A seguir, alguns de seus pensamentos:

“O Brasil está maduro para uma linguagem política diferente. Está pronto para a mensagem que dispensa marqueteiros, que deve ser transmitida pelo candidato com voz limpa onde for. O bom candidato pode confiar na inteligência da população (…) Há uma demanda enorme pela verdade. Não é hora de ter medo, é hora de dizer o que se pensa”

“Lula foi um mestre do ilusionismo, da fantasia. É como se o Lula pensasse: esses bocós não vão entender se eu explicar direito, então tem que ser de um jeito meio tosco. O que indicava, no fundo, um imenso desprezo pelas pessoas, sobretudo por aquelas com menos instrução. Todo político deve ser um pouco educador”

“Não se reencanta a política sem causa. As causas ligadas a direitos difusos como a defesa do meio ambiente, do consumidor, dos direitos humanos são as que encantam. Também as identitárias, de defesa dos direitos das mulheres, dos homossexuais”

Continua após a publicidade
Publicidade