Designer de joias faz sucesso após vencer processo contra Farm

Leia na coluna Beira-mar

Willian Farias

 (Antônio Ribeiro/Divulgação)

Ele não é expoente de nenhum movimento das artes, mas chamou especial atenção na última edição da ArtRio, na semana passada. O designer de joias Willian Farias, carioca radicado na Suíça, foi tratado como herói pelos colegas. Explica-se: há três anos, Farias deu entrada num processo por plágio contra a Farm, titã da moda carioca, e ganhou a causa. A grife foi condenada a pagar 20 000 reais de indenização por copiar o desenho de um colar (a peça original, de ouro, custava quase 4 000 reais, enquanto a cópia, de latão, era vendida por 69 reais). “Acho até que o valor pelo dano moral foi baixo. Na Europa, essa cifra seria muito mais alta”, alfineta. “Mas estou muito feliz. Várias pessoas vieram me agradecer pela coragem, foi um ganho para todos nós. No meio de tanta coisa que não funciona no Brasil, olha aí uma que deu certo!”

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s