Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Barbara Burgos Por Barbara Burgos, astróloga

A Lua Cheia em Libra e a importância do outro

A Lua cheia da última terça dá o tom de nosso comportamento frente a uma próxima semana de novos desafios. As parcerias formadas aqui serão fundamentais

Por Barbara Burgos Atualizado em 13 Maio 2020, 18h07 - Publicado em 10 abr 2020, 18h36

A Lua que se fez cheia na terça-feira última, em Libra, trouxe à tona nossa necessidade de estabelecer parcerias em contraponto ao individualismo, representado pelo Sol em Áries. Quem privilegiou o “nós” acima do “eu” ganha agora muitos pontos neste momento tão delicado. Relações que se fortalecem pelos próximos dias valerão ouro, mas ouro mesmo! Por isso é tão importante colocar a razão acima de qualquer coisa, obviamente sem perder a ternura. A razão a que me refiro aqui é aquela despida do ego e da sensação de “já ganhou”, é a razão comandada por Saturno, pé no chão suficiente para antever problemas e pensar em soluções de médio prazo que a (agora) estreita visão não consegue alcançar.

Nada de sentir-se mal caso o seu cérebro não esteja correndo no pace de costume. O ajuste mental diante de uma situação de crise demanda tempo, não há regras. Também é uma forma de luto. Luto pelas expectativas, pelo que não deu tempo de viver e pelas metas inalcançáveis que muita gente vinha colocando para si, como métrica de sucesso financeiro ou pessoal. Hora de parar de querer ver tanto à frente e começar a olhar lateralmente. No que o José pode me ajudar e vice-versa? Tenho esta matéria-prima/dom/conhecimento que a Helena precisa, vamos propor uma troca? Falo de Saturno e do médio prazo porque Urano, que representa força oposta, está aí clamando por mudança, para que paremos de resistir a velhos hábitos e começarmos a fluir na onda da informação, da eletricidade.

Pessoas físicas e jurídicas que prestaram atenção neste movimento que começou há cerca de uma década agora transitam entre os dois mundos, o que está desaparecendo e o que está tomando seu lugar. E é nesta tecla que quero bater hoje: quem está ao seu lado e que já tem esta visão? Não se acanhe em nenhum momento de pedir auxílio, um telefonema pode mudar a sua direção.

Friso isso porque a energia parceira desta Lua cheia ficará em alta até o dia 22, mas já nesta terça, dia 14 até dia 17 seremos desafiados de muitas maneiras pelo Sol quadrando Plutão e Jupiter, dois dos quatro planetas que estavam juntos e ativos no céu no momento da decretação oficial da pandemia, em Janeiro. Ou seja, um novo capítulo da mesma estória surgirá, nos provocando, atiçando aquilo em nós que tentamos esconder, medo, raiva, solidão, extremos. Razão sobre a emoção aqui de novo, você não gostaria de estar contando com alguém? Então comece agora e torne a sua jornada mais plena de trocas, quem doa logicamente recebe.
Seguimos.

Continua após a publicidade

Publicidade