Cachorros alegram crianças internadas em hospital na Lagoa

A pet terapia é uma técnica que pode funcionar como um tratamento complementar para várias doenças

 (Felipe Fittipaldi/Veja Rio)

Sexta é dia de bagunça no Centro Pediátrico da Lagoa. Desde julho, o projeto Pêlo Próximo leva cachorros para brincar com as crianças internadas no hospital. Segundo a psicóloga Adriana Cabana, a pet terapia é uma técnica que pode funcionar como um tratamento complementar para várias doenças. “Como consequência daquele momento de relaxamento, as crianças recebem melhor os procedimentos e os receituários e passam a interagir mais com a equipe médica”, avalia Adriana, que também trabalha com os animais de estimação no Prontobaby, na Tijuca.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s