Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

O que faz Iza ser considerada uma das pessoas mais influentes do mundo?

Segundo a revista americana Time, cantora “usa sua visibilidade para combater o racismo no Brasil”

Por Cleo Guimarães Atualizado em 18 jun 2021, 19h14 - Publicado em 18 jun 2021, 07h00
iza
Iza: “Sofro preconceito desde pequena, seria muita hipocrisia minha viver o que vivi e agora não falar sobre isso”, diz Rodolfo Magalhães/Divulgação

Única brasileira na lista de líderes influentes da nova geração divulgada recentemente pela revista Time, Iza diz que sua inclusão nesse seleto grupo a deixou lisonjeada, sim, mas não exatamente surpresa. “Sempre ouvi da minha mãe que meu lugar era onde eu quisesse estar”, conta a cantora de 30 anos, apresentada na publicação americana como uma pessoa que “usa sua visibilidade para combater o racismo no Brasil”.

Lilia Cabral na quarentena é só sucesso

Rafael Cardoso: o artista do dedo verde

A atitude engajada é considerada “natural” para ela. “Sofro preconceito desde pequena, seria muita hipocrisia minha viver o que vivi e agora não falar sobre isso”, diz a estrela não só da música, como dos ritmistas da Imperatriz Leopoldinense, escola da qual é rainha de bateria.

Instagram de Leticia Spiller vai ser ocupado por refugiado

Ao mestre, com carinho: Nelson Motta escreve musical sobre Tom Jobim

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade