Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Fernanda Paes rebate crítica de Mario Frias a vibrador: ‘Macho limitado’

Atriz publica texto para contra-atacar ironia do secretário da Cultura à sua vida sexual e é bloqueada por ele

Por Cleo Guimarães Atualizado em 25 set 2020, 12h48 - Publicado em 25 set 2020, 12h46

Pouco mais de um mês depois de defender a masturbação feminina em uma entrevista e contar que tem um vibrador em casa – e chegou a quebrá-lo por excesso de uso -, Fernanda Paes Leme foi ironizada pelo secretário da Cultura, Mario Frias. Ele concluiu que a atriz tem “uma vida muito solitária” por usar o acessório. Fernanda usou suas redes para rebater o comentário de Frias sobre sua vida sexual. “Me admira que essa pessoa, num cargo que exige tamanha responsabilidade, tenha tirado um momento do seu dia para lamentar a minha perda e minha solidão”, começa a artista no texto.

Mário? Que Mário?

Ela publicou um thread no Twitter no qual diz que, “ao contrário dos membros do governo”, leva muito a sério a Covid-19 e a vida das pessoas, para em seguida afirmar que não se importa com a opinião de Frias. “Eu juro que não me incomoda o que você acha de mim. Primeiro, porque a gente não se conhece (ufa), segundo porque eu não acho que você tenha conhecimento real de algo. Somo a sua opinião a tantas outras, descartáveis, bobas, inseguras”, diz. “Mas então por que eu decidi fazer esse post? Porque além de um bom vibrador, expor macho fragilizado e limitado também me dá prazer”, finaliza. Frias bloqueou a atriz.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Veja abaixo as publicações de Fernanda:

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade