Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Coronavírus: Paulo Gustavo é homenageado em manifestações contra Bolsonaro

'Vítima dessa política genocida', definiu Mônica Martelli; Samantha Schmütz e Maria Ribeiro também lembraram do amigo, morto pela Covid-19

Por Da Redação 31 Maio 2021, 12h04

As manifestações contra Jair Bolsonaro levaram milhares de pessoas às ruas em várias cidades do país neste sábado (29), num protesto em que a multidão também pediu a aceleração na vacinação contra o coronavírus no Brasil. Morto em decorrência da doença no último dia 4 de maio, Paulo Gustavo foi lembrado por amigas, como Mônica Martelli, Samantha Schmütz e Maria Ribeiro.

Covid: Paes libera roda de samba e música ao vivo em bares e restaurantes

As três levaram cartazes com mensagens contra o presidente e lembravam da morte de Paulo, hoje um símbolo da luta contra o negacionismo de Bolsonaro, que atrasou o início da vacinação em todo o país. Em São Paulo, Samantha empunhava um cartaz com os dizeres: “Por Paulo Gustavo e por todas as 459 mil vítimas”; Maria Ribeiro, no Rio, escreveu ‘Paulo Gustavo para sempre’, e Mônica, visivelmente emocionada e também na Avenida Paulista, levava a seguinte mensagem: “Paulo Gustavo, 500 mil brasileiros mortos, genocídio”. A atriz publicou um post com sua foto na manifestação e um desabafo contundente, veja:

View this post on Instagram

A post shared by Mônica Martelli (@monicamartelli)

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade