VIAGEM

Onde comer em Lisboa, por Cristiana Beltrão

Embarque nas dicas da sócia do restaurante Bazzar e dos Bazzar Cafés pela capital portuguesa e prove muito além de bacalhaus e pastéis de belém

- Atualizado em

Quem leva você a um passeio pelas delícias típicas portuguesas e outras descobertas de Lisboa é Cristiana Beltrão, sócia do restaurante Bazzar e dos Bazzar Cafés. Novidades fresquíssimas, já que ela acaba de voltar de uma viagem à terrinha.

lisboa-1.jpg
(Foto: Redação Veja rio)
1 - A Travessa

"É um restaurante pequeno e simpático, com breve e eficiente cardápio de especialidades: porco preto, arraia, touro bravo, veado e bacalhau. No inverno, se restringe a um pequeno ambiente (como a sala de jantar da tia portuguesa de alguém); no verão, as mesas são espalhadas pelo pátio do Convento... um charme! P.S.: O couvert é uma delícia, com direito ao obrigatório queijo Serra da Estrela e uma compota de cebolas "de matar".

Travessa do Convento das Bernardas, 12, tel. 213 90 20 34 www.atravessa.com

portugal.jpg
(Foto: Redação Veja rio)
2 - Alma

"As paredes, piso, mesas e cadeiras branquíssimos desse pequenino bistrô jovem e ultra cool fazem com que o brilho dos pratos se reflita mais intensamente. A cozinha tem forte assinatura oriental. Um vinagrete irretocável regava a salada de camarões e lulinhas salteadas com chili e compota de tomates cereja; linda também era a harmonia entre o bacalhau cozido à perfeição quederretia na boca enquanto escoltava um purê de grão-de-bico com vinagrete de cebola roxa. Por trás do restaurante, o chef Henrique Sá Pessoa, que comanda um programa de gastronomia em rede nacional há 5 anos."

Calçada Marquês de Abrantes, 92/94, tel. 213 963 527 www.alma.co.pt

3 - Assinatura

"Peça o menu degustação, uma poesia que passeia por várias regiões portuguesas, do Algarve ao Alentejo, em harmonia com a carta 100% portuguesa à exceção do champagne francês. Um dos melhores pratos que já comi foi um polvo cozido por 2 horas, lentamente, com perfume delicadíssimo de ananás e batata doce. Mas, pensando bem, acho que foi o enxaréu (peixe dos Açores) com creme de milho doce, xuxu e vôngoles; ou a arrozada de rabada de touro bravo assado por três ou horas; ou... ou..."

Rua do Vale de Pereiro, 19, tel. 213 867 696. www.assinatura.com.pt

4 - Bocca

"O ambiente é puro charme, distribuído em três salões claros, com conforto e modernidade na medida. A cozinha aparente é o palco da qual jorram pratos inesquecíveis como a sardinha regada com gaspacho, com pseudo-carvão (uma espécie de crumble feito com tinta de choco defumada), inspirada nas sardinhas do Algarve. O tartare de carne vem com sorbet de hortelã e cubos levíssimos feitos de gema de ovo que se derrete na boca. Recomendo fortemente a sobremesa feita com sorvete de limão e limõezinhos confit, sobre crumble, biscoito decanela e creme de arroz doce derramado sobre tudo isso. Ai, ai..."

Rua Rodrigo da Fonseca 87, tel. 213 808 383 www.bocca.pt

5 - Cantinho do Avillez

"José Avillez já passou pelas cozinhas de Ducasse e Adrià e conquistou uma estrela Michelin para o Tavares em apenas dois anos. Seu vôo solo, o Cantinho, é simples e traz salão espartano, cadeiras díspares e ambiente de bistrô cool, priorizando a procedência e valorização de cada ingrediente em preparações simples. Uma pedida certa é a santola em creme frio com torradinha ao molho tártaro, ou a panelinha de vieiras escocesas com cogumelos, aspargos e batatas-doces orgânicas de Aljezur, no Algarve."

Rua dos Duques de Bragança, 7, tel. 211 992 369 www.joseavillez.pt

6 - Pizzaria Casanova

"Fica ao lado do Bica do Sapato. É simplérrima, ótima para famílias e super ?cool?. A pizza (como eu gosto, fininha e crocante) é considerada a melhor de Lisboa."

Avenida Infante Dom Henrique, Cais da Pedra - Armazém 7, loja B, tel. 218 877 532 www.restaurantecasanostra.com/casanova

7 - Olivier Avenida

"No almoço, engravatados e clima de big bucks. No jantar, a beautiful people lisboeta. Nesse espaço paralelo à Avenida Liberdade, mais um empreendimento com a grife Olivier (do mesmo proprietário dos já famosos Olivier, Yakuza e também do Guilty, em que os garçons dançam sobre as mesas). O cardápio é de ?novos? clássicos como salada Caesar e tartare de carne."

Hotel Tivoli Jardim. Rua Júlio César Machado, nº 7, tel. 21 317 4105 www.restaurante-olivier.com

8 - Sea Me

"Reinventando a tradicional marisqueira, num ambiente moderno e espaçoso, é misto de peixaria, sushi bar, bar de ostras e todas as brumas que sopra omar! No menu, ostras da Ria Formosa e outras do Rio Sado; um balcão de peixes fresquíssimos, grelhados ou assados; sushis de choco, carapau ou vieiras; uma estupeta (ou barriga) de atum; ou o delicioso lingueirão. Mas imbatíveis mesmo são os peixes frescos e crustáceos, que podem ser admirados de perto no limpíssimo viveiro no subsolo."

Rua do Loreto, 21, tel. 213 461 564 www.peixariamoderna.com

9 - Tasca da Esquina

"De hambúrguer de atum até uma versão de gaspacho feito com maçãs assadas, o Tasca atrai famílias que reconhecem os pratos rápidos e populares, mas os recebem com um "twist". O conceito é fácil e despojado, com jeitinho de bistrô moderno. A melhor pedida são os menus degustação, que podem ser acompanhados com o vinho da casa. Aliás, quando digo ?vinho da casa? não me refiro ao vinho simples que é servido em pichets, como na França, e sim ao rótulo próprio feito em parceria com uma grande vinícola."

Rua Domingos Sequeira, 41, tel. 210 993 939 www.tascadaesquina.com

10 - Tasquinha d?Adelaide

"O melhor da cozinha tradicional de Lisboa. A Tasca, que deve ter uma das cozinhas mais acanhadas de Portugal, faz milagres e despeja pratos tradicionais como polvo a lagareiro, paleta de cordeiro e bacalhau divinos! São apenas 26 lugares."

Rua do Patrocínio, 72, Campo de Ourique, tel. 213 962 239

CLIQUE AQUI PARA VOLTAR À AGENDA GOURMET

Fonte: VEJA RIO