TEATRO

Ecos latino-americanos dos anos 70

Textos escritos por Augusto Boal no exílio são adaptados para o palco no Oi Futuro

Por: Rafael Teixeira

MARINA ANDRADE/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Entre 1971 e 1976, exilado em Buenos Aires devido à repressão da ditadura militar brasileira, o diretor, dramaturgo e ensaísta Augusto Boal (1931-2009) escreveu uma série de pequenas histórias sobre o cotidiano da época na América Latina. Esses textos, publicados no jornal O Pasquim, ícone da imprensa nanica nos anos de chumbo, ganham o palco na comédia Crônicas de Nuestra América, estreia de quinta (21) no Oi Futuro Flamengo. Theotonio de Paiva assina a adaptação dos textos, compilados no livro homônimo lançado por Boal em 1977. No elenco estão Adriana Schneider, Clara de Andrade, Carmen Luz, Henrique Manoel Pinho, Larissa Siqueira e Lucas Oradovschi. A direção é de Gustavo Guenzburger (70min). 14 anos.

Oi Futuro Flamengo (63 lugares). Rua Dois de Dezembro, 63, Flamengo, ☎ 3131-3060, ? Largo do Machado. → Quinta a domingo, 20h. R$ 20,00. Bilheteria: a partir das 14h (qui. a dom.). Até 28 de setembro. Estreia prometida para quinta (21).

Fonte: VEJA RIO