música

Veja quais são os principais shows da semana no Rio

Lista de atrações tem o retorno de Simone Mazzer ao Rival, o novo disco do duo Letuce e o DVD dos Titãs. Confira os demais destaques

Por: Rafael Cavalieri

Simone Mazzer
Voz potente e carisma: Simone Mazzer se apresenta no Teatro Rival (Foto: Alexandre Moreira)
  • Natural de Brasília, o sambista desembarca no Rio para apresentar Capricha na Pimenta, seu segundo trabalho. No repertório, canções autorais como Chegamos Juntos e Mais Sujo que Lixão são intercaladas com clássicos do samba, a exemplo de E o Mundo Não se Acabou, do baiano Assis Valente, e Conversa de Botequim, pérola de Noel Rosa.
    Saiba mais
  • Carioca radicada em Minas Gerais, a cantora lança seu terceiro disco: Meu Ziriguidum. Espere por composições novas como Lenda das Matas e Musas, além de uma releitura de Conto de Areia, eternizada na   voz de Clara Nunes.
    Saiba mais
  • Trata-se de um espetáculo inédito da cantora. Acompanhada apenas pelo violonista Ronaldo Rayol, a diva, aos 86 anos, lança o disco Ângela à Vontade em Voz e Violão. Entre uma história e outra, contada para a plateia em clima intimista, ouvem-se sucessos populares de todos os tempos, como As Rosas Não Falam, Esse Cara e Retalhos de Cetim.
    Saiba mais
  • Atração do projeto Multiplicidade, o duo carioca formado por A.PAX e A.DES usa sintetizadores e bateria eletrônica em apresentação baseada na trilha de games como Snake e Astromash (também o nome do projeto).
    Saiba mais
  • Liderado por Rodrigo Maranhão, o badalado bloco exibe em seu ensaio, com a energia habitual, versões para clássicos da música brasileira. A trupe sobe ao palco à 0h30.
    Saiba mais
  • O coletivo carioca de cantores e compositores se reveza no palco apresentando repertório autoral.
    Saiba mais
  • Coube ao curador a missão de encerrar a atual temporada do projeto Bossa Nova in Concert. Acompanhado por Dilma Oliveira, Chamon passeia por clássicos do gênero em apresentação intimista.
    Saiba mais
  • Ao lado de Guto Goffi (bateria), Rene Rossano (guitarra), Odeid (baixo) e George Fonseca (teclados), o músico se alterna na voz e no saxofone para relembrar hits eternizados com o Kid Abelha, como Te Amo pra Sempre e Eu Tive um Sonho, além de parcerias com Cazuza, a exemplo da emblemática Brasil, que teve ainda Nilo Romero na composição.
    Saiba mais
  • O guitarrista de New Orleans, Estados Unidos, traz seu quarteto, formado por Gautier Laurent (contrabaixo), Johannes Muller (saxofone) e Jean-Marc Robin (bateria), para interpretar canções dos discos I See You e Meeting.
    Saiba mais
  • O bandolinista celebra na quarta (7) a premiação do Grammy Latino para o CD Samba de Chico, de inspiradas versões instrumentais para a obra de Chico Buarque. No dia anterior, ele divide o Trio Mundo com Guto Wirtti (contrabaixo) e Marcelo Caldi (sanfona). Sesc Ginástico. Avenida Graça Aranha, 187, Centro. Terça (6), 19h30. R$ 20,00. Espaço Sesc. Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana. Quarta (7), 20h30. R$ 20,00.
    Saiba mais
  • O pianista apresenta, ao lado dos amigos e parceiros Ney Conceição (baixo) e Erivelton Silva (bateria), o espetáculo Speed Samba Jazz. No repertório, Round Midnight, de Thelonius Monk, Take Five, de Paul Desmond, e Tico-Tico no Fubá, de Zequinha de Abreu.
    Saiba mais
  • Com mais de dez anos de estrada, o cantor e compositor, filho da cantora Jane Duboc e do guitarrista americano Jay Vaquer, angariou uma base sólida de fãs. Ao vivo, ele mostra seu mais recente trabalho, Canções de Exílio, guiado pelo pop rock. Imperator — Centro Cultural João Nogueira (724 lugares). Rua Dias da Cruz, 170, Méier, ☎ 2596-1090 e 2597-3897. Sexta (2), 21h. R$ 50,00. Bilheteria: 13h/20h (ter. a qui.); a partir das 13h (sex.). IR. www.imperator.art.br.
    Saiba mais
  • Sozinho no palco com seu violão, o músico intercala versões e covers de Bob Dylan, Radiohead e Legião Urbana com poemas no show Multiversos. Tocha Acesa, parceria inédita com Cazuza, é uma das surpresas.
    Saiba mais
  • Não faltam casos no mundo da música. Jack e Meg White permanecem no The White Stripes mesmo após o divórcio. O mesmo não aconteceu com o Sonic Youth, desfeito com a separação de Thurston Moore e Kim Gordon. Letícia Novaes e Lucas Vasconcellos figuram na primeira lista: o fim do relacionamento em 2013 não acabou com o Letuce. A cumplicidade nos estúdios e no palco continua e deu mais frutos em Estilhaça, o terceiro disco do duo. Disponível on-line, o álbum terá sua versão física lançada na quinta (20), no Circo Voador. No repertório, faixas dos trabalhos anteriores dividem espaço com novidades, a exemplo de Quero Trabalhar com Vidro, e Love Is Magick, de Raul Seixas.
    Saiba mais
  • O cantor de voz aveludada é o primeiro convidado da série Na Batida do Samba, idealizada por Haroldo Costa.
    Saiba mais
  • O funkeiro é a principal atração da festa Quebrando a Banca. Os megahits Os Caras do Momento e Não me Deixe Sozinho, cujo clipe é uma divertida superprodução, estão garantidos.
    Saiba mais
  • De volta ao palco da Cinelândia a pedidos, a cantora de voz poderosa defende ao vivo as faixas do seu elogiado disco Férias em Videotape. Depois do show, com participação de Jards Macalé, entra em cena a pista de dança animada pelo DJ Rodrigo Penna. Surpresas: também atores e cantores, Johnny Hooker e Adriano Garib participam do show
    Saiba mais
  • Branco Mello (voz e baixo), Paulo Miklos (voz e guitarra), Tony Bellotto (guitarra) e Sergio Britto (voz, teclado e baixo), os quatro remanescentes do grupo, voltam à lona na Lapa com a turnê do DVD Nheengatu ao Vivo. Canções recentes dividem o repertório com hinos dos anos 80, a exemplo de Jesus Não Tem Dentes no País dos Banguelas, Diversão, Televisão e a balada Sonífera Ilha. Outro ícone daquela década, o cantor Toni Platão (ex-Hojerizah) abre os trabalhos. 18 anos. Circo Voador (2 000 lugares). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. Sábado (9), a partir das 22h. R$ 120,00. Desconto de 50% com a apresentação de 1 quilo de alimento não perecível. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); 12h/0h (sex.); a partir das 14h (sáb.). www.circovoador.com.br.
    Saiba mais
  • No CD Saudades do Raul, a banda celebra os 70 anos de Raul Seixas (1945-1989). As músicas do roqueiro ganham toques de bossa nova e jazz. 
    Saiba mais
  • Dupla virtuosa, Yamandu, no violão de sete cordas, e Guto, no contrabaixo e no baixolão, voltam ao Rio para apresentar o disco Bailongo, lançado no ano passado. Nele, os gaúchos, amigos de infância, relembram o clima dos antigos festejos dos pampas em composições autorais como Dandy e O Baile do Zé Pitoco.
    Saiba mais
  • Em 2016, Acontecivento, primeiro disco do cantor, compositor e violeiro, completa qua­renta anos. A turnê que desembarca no Rio e terá a luxuosa participação de Cátia de França é uma prévia dos festejos pela data — e uma oportunidade para relembrar clássicos como Forró de Surubim e Esta Mata Serenou. Mas não se trata apenas de uma apresentação saudosista, já que Xangai lança até o fim deste ano seu novo trabalho, batizado com seu nome. A apresentação de abertura está nas mãos do coletivo do Recife Tambores de Olokun, enquanto o encerramento fica com o forró de Mariana Mello.
    Saiba mais

Fonte: VEJA RIO