SHOWS

Duas vozes, um violão

Ao lado da cantora Anna Setton, e dedilhando o único instrumento no palco, Toquinho canta no Miranda

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

Marcos Alves / Ag. O Globo
(Foto: Redação Veja rio)

Violonista virtuoso, parceiro de Vinicius de Moraes (1913-1980), Toquinho acrescentou a esses predicados a voz suave para desenvolver longa carreira-solo, que já soma mais de quatro décadas. De volta ao Rio, o músico paulista optou por um formato de apresentação diferente do que trouxe em suas visitas anteriores. Vai explorar o palco aconchegante do Miranda com um espetáculo de voz e violão, ao lado apenas da jovem cantora paulista Anna Setton - com quem gravou duas faixas do recém-lançado Quem Viver, Verá. ?Em uma casa menor, tenho mais contato com o público e o instrumento ganha espaço no palco?, diz.

Seu talento nas cordas promete aparecer bastante nos espetáculos de sexta (6) e sábado (7), com repertório que também prevê composições clássicas. Ao lado de Anna Setton, ele interpreta as recentes Romeu e Julieta e Quem Viver, Verá, além de um novo arranjo para Carinhoso, de Pixinguinha. Sem invencionices, aparecem ainda os sucessos Tarde em Itapoã, Caderno e, claro, Aquarela. ?Vou cantar essa até morrer?, confessa. No palco, Toquinho é democrático: acha que o público tem força para mudar o rumo do show e, por isso, não entra em cena com a lista de músicas fechada. ?Não imponho nada à plateia, busco me conciliar com ela?, conta. Esse respeito aos fãs também o mantém distante de novos estilos e tecnologias musicais. Seu caminho é o do aprimoramento técnico constante, cultivado em religiosas três horas diárias de estudo de violão. ?Renovação é prática?, conta.

Toquinho. 16 anos. Miranda (225 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa, ☎ 2239-0305. Sexta (6) e sábado (7), 21h30. R$ 180,00 a R$ 240,00. Bilheteria: 14h/20h (seg. a qui.); a partir das 14h (sex. e sáb.). IC. www.mirandabrasil.com.br.

Fonte: VEJA RIO