SHOWS

Craque da guitarra

Impulsionado pelo sucesso ao lado de Dave Matthews, Tim Reynolds se exibe pela primeira vez no Rio

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Amigo e parceiro do violonista sul-africano Dave Matthews, com quem dividiu o palco em diversas ocasiões e gravou dois discos acústicos ? Live at Luther College e Live at Radio City Music Hall ?, o guitarrista e violonista Tim Reynolds cultiva, desde os anos 80, seu projeto mais pessoal, um trio batizado de TR3. Instrumentista de talento com 35 anos de estrada, esse alemão radicado nos Estados Unidos já foi indicado duas vezes ao Grammy, uma pelo CD Big Whiskey and the GrooGrux King, da Dave Matthews Band, e outra por Kundalini Bonfire, trabalho com Matthews no qual demonstra sua habilidade nas cordas.

Foi apenas em 2009, no entanto, depois de se mudar para o estado americano da Carolina do Norte e se unir ao baixista Mick Vaughn e ao baterista Dan Martier, que Reynolds se viu preparado para gravar o primeiro álbum-solo: em Radiance, além de empunhar a guitarra, também se arrisca nos vocais. Influenciado por ícones do instrumento, como Carlos Santana e Jimi Hendrix, ele passeia nesse projeto autoral por gêneros como rock, jazz, blues, reggae e ritmos latinos. Pela primeira vez no Rio, com sua formação de trio, o músico apresenta na Miranda o resultado do duplo From Space and Beyond, lançado em 2011. Além da bluesy Do You Wanna, o grupo desfia covers de expoentes da música, em um amplo arco sonoro que engloba James Brown, King Crimson e Focus. Do Led Zeppelin, pinçaram Whole Lotta Love, numa levada progressiva.

Tim Reynolds Trio. 16 anos. Miranda (200 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa, ☎ 2239-0305. Sexta (1º), 22h. R$ 160,00. Bilheteria: 12h/18h (dom. e seg.); 10h/21h (ter. a qui.); a partir das 10h (sex.). IC. www.mirandabrasil.com.br.

Fonte: VEJA RIO