SHOWS

Um tributo à Divina

Teresa Cristina e Áurea Martins voltam ao Imperator para relembrar Elizeth Cardoso

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

Studio Prime/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Dona de carreira longeva, Áurea Martins começou na Rádio Nacional e, cantando na noite, conquistou a admiração de colegas como Elizeth Cardoso (1920-1990). Foi com naturalidade, portanto, que Teresa Cristina convidou a primeira para celebrar a segunda. Juntas, as duas se apresentaram em outubro do ano passado na inauguração da exposição A Divina, com fotos, vídeos, figurinos e outros objetos ligados a Elizeth. Agora, na sexta (7), voltam a dividir o palco para marcar o encerramento da mostra no Imperator. Em duo, elas defendem Pressentimento e Barracão - esta, um clássico que tem emocionante gravação da homenageada, ao lado de Jacob do Bandolim, registrada em 1968 no Teatro João Caetano. Áurea também interpreta, sozinha, Mundo Melhor e Canção da Volta. 16 anos.

Imperator - Centro Cultural João Nogueira (1?500 lugares). Rua Dias da Cruz, 170, Méier, ☎ 2596-1090. Sexta (7), 21h. R$ 30,00. Bilheteria: 13h/20h (seg. a qua.); 13h/21h30 (qui.); a partir das 13h (sex.). IC. www.imperator.art.br.

Fonte: VEJA RIO