SHOWS

Shows e concertos

Confira os melhores shows e concertos que vão rolar na cidade nesta semana

Por: Lais Botelho e Rafael Cavalieri

Alcione

A turnê foi batizada de Eterna Alegria, mesmo nome do mais recente disco da cantora. Tanto no show como no CD, a sambista não abandona o romantismo de clássicos como A Loba, mas ganham espaço canções de arranjos animados, a exemplo das recém-chegadas Magia do Palco e Pontos Finais. 16 anos.

Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Sexta (22), 22h. R$ 80,00 (balcão e setor 3) a R$ 200,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a qui.); a partir das 12h (sex.). Estac. c/manobr. (R$ 30,00). IR. www.vivorio.com.br.

Alexandra Nicolas

Maranhense como Alcione, a atração do texto acima, a cantora vem ao Rio mostrar o disco Festejos, com composições de Paulo César Pinheiro. No repertório encontram-se belos temas, a exemplo de Lavadeira, uma parceria de Pinheiro com Wilson das Neves, e Balacoxê de Iaiá. 16 anos.

Teatro Rival (458 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Terça (19), 19h30. R$ 50,00. Bilheteria: 15h/21h (seg.); a partir das 15h (ter.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

Arthur Dutra

No lançamento do projeto Itinerário Imaginário, composto de dois discos e um livro, o compositor e vibrafonista conta com a participação do cantor e violonista Zé Renato, do baterista Tutty Moreno, do saxofonista Zé Nogueira, do baixista Bruno Aguilar e da cantora Beth Dau. 16 anos.

Solar de Botafogo (160 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2543-5411. Terça (19) e quarta (20), 21h30. R$ 50,00. Bilheteria: 15h/21h (seg.); a partir das 15h (ter. e qua.). IC. www.solardebotafogo.com.br.

Baú do Raul

Projeto nascido em 1992 para homenagear Raul Seixas (1945-1989), o Baú do Raul vai outra vez reunir artistas para interpretar seus clássicos. Nesta edição, com a banda Os Panteras, que tocava com Raul nos primórdios (quando ele ainda era conhecido como Raulzito), Maria Gadú canta A Maçã, o Ira! defende Pai Nosso da Terra, Ana Cañas ganhou Medo da Chuva e a Nação Zumbi encerra a noite, que será registrada em DVD, dando seu toque ao clássico Sociedade Alternativa. 18 anos.

Fundição Progresso (3?000 pessoas). Rua dos Arcos, 24, Lapa, ☎ 3212-0800. Terça (19), 22h30. R$ 100,00 (pista, 3º lote). Bilheteria: 12h/14h e 15h/20h (seg.); a partir das 11h (ter.). www.fundicaoprogresso.com.br.

Bruna Moraes

A cantora paulista de 19 anos apresenta canções autorais de seu primeiro álbum, Olho de Dentro, lançado no fim do ano passado. No show, além das próprias músicas, uma interessante versão para Sem Fantasia, de Chico Buarque. Livre.

Teatro Eva Herz (178 lugares). Avenida Senador Dantas, 45, Centro, ☎ 3916-2600. Quinta (21) e sexta (22), 19h30. Sábado (23), 20h. R$ 40,00. Bilheteria a partir de 17h (qui. a sáb). IC.

Daniel Boaventura

Formado na escola dos musicais, o ator e cantor empresta a voz a composições clássicas norte-americanas. Aparecem no programa de standards My Way e The Lady Is a Tramp, além de Sittin? on The Dock of the Bay, pérola do suingue assinada por Otis Redding (1941-1967). 12 anos.

Theatro Net Rio ? Sala Tereza Rachel (704 lugares). Rua Siqueira Campos, 143 (Shopping dos Antiquários), sobreloja, ☎ 2147-8060 e 2148-8060. Terça (19) e quarta (20), 21h. R$ 100,00 (balcão) e R$ 150,00 (plateia e frisas). Bilheteria: 10h/22h (seg.); a partir das 10h (ter. e qua.). IR. www.theatronetrio.com.br.

Elza Soares

A pedido do público, a cantora de voz inconfundível volta ao palco do Rival com sua homenagem a Lupicínio Rodrigues (1914-1974). No repertório, clássicos da dor de cotovelo, a exemplo de Se Acaso Você Chegasse, Ela Disse-me Assim e Nervos de Aço. 16 anos.

Teatro Rival (458 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Sexta (22) e sábado (23), 20h. R$ 90,00 (setor B), R$ 100,00 (setor A e mezanino). Bilheteria: 15h/21h (seg. a qui.); a partir das 15h (sex.); a partir das 16h (sáb.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

Eric Gales

Pela terceira vez no Brasil, o guitarrista, um craque do blues contemporâneo americano, interpreta músicas próprias como Sign of the Storm, single de seu primeiro disco, The Eric Gales Band. Na abertura, o talentoso guitarrista gaúcho Cristiano Crochemore, acompanhado pela banda Blues Groovers, mostra as faixas de Freeman Blues, seu disco mais recente. 16 anos.

Teatro Rival (458 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Quinta (21), 19h30. R$ 120,00 (pista) e R$ 180,00 (mezanino). Bilheteria: 15h/21h (seg. a qua); a partir das 15h (qui.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

Los Sebosos Postizos

O quarteto principal da Nação Zumbi, Jorge Du Peixe (voz), Lucio Maia (guitarra), Dengue (baixo) e Pupillo (bateria), se uniu a Chiquinho (teclados), da banda Mombojó, e Gustavo Da Lua (percussão) para montar o projeto que presta homenagem a Jorge Ben Jor. Clássicos do cantor, a exemplo de Os Alquimistas Estão Chegando e Rosa, Menina Rosa, ganham nova roupagem ao vivo. 18 anos.

Circo Voador (2?000 lugares). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. Sexta (22), a partir das 22h. R$ 80,00. Desconto de 50% com a apresentação do e-flyer ou 1 quilo de alimento não perecível. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); a partir de 12h (sex.). IC. www.circovoador.com.br.

Marcos Oliveira

Conhecido pelo personagem Beiçola na série A Grande Família, o ator estrela o espetáculo Noite de Canções, em que dá a voz a Alvorada e Rosa Morena, entre outros clássicos da MPB. 18 anos.

Teatro Café Pequeno (80 lugares). Avenida Ataulfo de Paiva, 269, Leblon, ☎ 2294-4480. Quinta (21), 20h. R$ 40,00. Bilheteria: a partir das 16h (qui.).

Marcos Suzano Trio

Craque do pandeiro, que também se arrisca ao microfone, Suzano se apresenta ao lado de Alex Meirelles (teclados) e Maurício Negão (guitarra) em espetáculo onde se fundem música eletrônica e ritmos afro-brasileiros. 12 anos.

Sala Funarte Sidney Miller (207 lugares). Rua da Imprensa, 16, Centro, ☎ 2279-8601. Quarta (20) 18h30. Grátis. Distribuição de senhas a partir das 18h.

Mart?nália

A cantora passeia pelo repertório de seu DVD recém-lançado, Mart?nália Em Samba. No programa, Acreditar, Mas Quem Disse que Eu Te Esqueço e Sorriso Negro. 12 anos.

Sala Funarte Sidney Miller (207 lugares). Rua da Imprensa, 16, Centro, ☎ 2279-8601. Quinta (21) e sexta (22) 18h30. Grátis. Distribuição de senhas a partir das 18h.

Nocturno

A apresentação marca o lançamento do clipe de A Nova Ordem, single de Precisamos Aprender a Navegar do Caos, o último álbum do grupo carioca de rock psicodélico. 16 anos.

Solar de Botafogo (160 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2543-5411. Quinta (21), 21h. R$ 50,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a qua.); a partir das 15h (qui.). IC. www.solardebotafogo.com.br.

Orquesta Criôla

Indicada no 25º Prêmio da Música Brasileira de 2014 com o álbum Subúrbio Bossanova, a orquestra comandada pelo craque dos sopros Humberto Araújo leva sua gafieira contemporânea à Lapa. 18 anos.

Bar Semente (150 lugares). Rua Evaristo da Veiga, 149, Lapa, ☎ 2507-5188 e 99781-2451. Sexta (22), 22h. Bilheteria: a partir das 19h (sex.). R$ 30,00.

Rita Benneditto

Com a banda Cavaleiros de Aruanda, a cantora passeia por seu mais emblemático disco, Tecnomacumba, de 2066, enquanto se prepara para o lançamento de Encanto, o próximo trabalho. 16 anos.

Imperator ? Centro Cultural João Nogueira (642 lugares). Rua Dias da Cruz, 170, Méier, ☎ 2596-1090 e 2597-3897. Quinta (21), 21h. R$ 60,00 (pista) e R$ 70,00 (plateia sentada). Bilheteria: 13h/20h (ter. e qua.); a partir das 13h (qui.). IC. www.imperator.art.br.

Roberta Miranda

Dona do título de rainha da música sertaneja, a cantora volta ao Rio para comemorar 25 anos de carreira. No repertório, a inédita Quem Sentiu, parceria com Alcione, além de clássicos eternos do gênero, como A Majestade, o Sabiá. 16 anos.

Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Sábado (23), 22h. R$ 100,00 (setor 4) a R$ 200,00 (camarote A e setor VIP). Bilheteria: 12h/21h (seg. a sex.); a partir das 12h (sáb.). Estac. c/manobr. (R$ 30,00). IR. www.vivorio.com.br.

Wazzabi

Formado por Thor Madsen (guitarra e programação) e Anders Hentze (bateria), o duo instrumental dinamarquês lança no Rio o mais brasileiro dos seus trabalhos: Na Farofa. No álbum, nomes como Ava Rocha e Iara Rennó emprestam voz às canções, mas, ao vivo, sobressaem temas instrumentais como Acabou de Começar e Krøblinge. 18 anos.

Santo Scenarium (100 lugares). Rua do Lavradio, 36, Centro, ☎ 3147-9007. Terça (19) e quinta (21), 20h. R$ 30,00. www.santoscenarium.com.br.

CONCERTOS

Banda Sinfônica do Exército

Próxima atração do projeto Domingo no Municipal, o concerto é uma homenagem da banda militar ao Dia do Soldado (25 de agosto). Regido pelo maestro Benito Juarez, o conjunto exibe repertório que inclui Marcha do Toreador (Georges Bizet), A Bela do Baile (Leroy Anderson) e a popular Brasileirinho (Waldir Azevedo), entre outros temas.

Theatro Municipal (2?244 lugares). Praça Floriano, s/nº, Centro, ☎ 2332-9191, ? Cinelândia. Domingo (24), 11h. R$ 1,00. Bilheteria: a partir das 10h (dom.).

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo

Em comemoração dos seus sessenta anos, o renomado conjunto desembarca no Rio para um concerto na terça (19), sob o comando de sua regente titular, a americana Marin Alsop, e com o jovem pianista russo Dmitry Mayboroda como solista convidado. A apresentação será aberta com Alvorada, da ópera Lo Schiavo, de Carlos Gomes, seguida por Concerto para Piano em Lá Menor, Op.16, de Grieg. No encerramento do programa, a Osesp executa a Sinfonia Nº 5 em Mi Menor, Op. 64, de Tchaikovsky. No dia anterior, o maestro Isaac Karabtchevsky faz palestra sobre o projeto de gravação das sinfonias de Villa-Lobos. Na sequência, a cereja do bolo: um recital do Quarteto Osesp, às 19h, no Salão Leopoldo Miguez, da Escola de Música da UFRJ. O programa duplo tem entrada franca.

Cidade das Artes ? Grande Sala (1?250 lugares). Avenida das Américas, 5?300, Barra da Tijuca, ☎ 3325-0102. Terça (19), 21h. R$ 50,00. Bilheteria: a partir das 13h (ter.).

Rio International Cello Encounter

A 20ª edição do festival, criado em 1994 como um encontro de violoncelistas, reúne instrumentistas de diversas nacionalidades em mais de setenta espetáculos espalhados pela cidade. No programa de encerramento, no próximo domingo (24), uma homenagem a Astor Piazzolla no Parque Lage, e a já tradicional "violoncelada" comandada pelo idealizador da festa, David Chew, na Igreja da Candelária.

Parque Lage (300 lugares). Rua Jardim Botânico, 414, Jardim Botânico, ☎ 3257-1840. Domingo (24), 11h. Igreja da Candelária (1?500 lugares). Praça Pio X, Centro, ☎ 2233-2324. Domingo (24), 16h. Grátis. Confira a programação completa em riocello.com.

Fonte: VEJA RIO