SHOWS

A neta de Dorival

Alice Caymmi apresenta versões em ritmo de axé para sucessos do avô, na sexta (17), no palco do Studio RJ

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

daryan dornelles/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Nascida em berço musical de ótima estirpe, ela é neta de Dorival Caymmi (1914-2008), filha de Danilo e sobrinha de Nana e Dori. Com tantas boas influências, Alice Caymmi dificilmente não sairia aos seus. De fato, a moça compõe desde os 10 anos e, em 2012, lançou o primeiro disco, batizado com seu nome e quase inteiramente autoral (uma das exceções, diga-se, era Sargaço Mar, de autoria do avô). Neste ano, no entanto, a artista resolveu investir para valer em suas origens com o show Dorivália (fusão do nome do avô com tropicália), que ela apresenta na sexta (17), no Studio RJ. "Criei esse termo antes de pensar no espetáculo e achei que ele pudesse virar algo bacana", explica ela, que aproveita para render um tributo ao centenário de nascimento do patriarca. Amante do Carnaval, a cantora se juntou aos músicos Gabriel Mayall (guitarra), Gustavo Benjão (baixo) e Marcelo Callado (bateria) e fez novos arranjos para composições de Dorival em ritmo de axé. "Pegamos as canções e as deixamos com uma pegada jovem", diz. Ao vivo, além de Mayall, Benjão e Callado, ela recebe o reforço de Thomas Harres (também na bateria) para defender um dançante repertório. Estão previstas A Preta do Acarajé, Saudade da Bahia, Maracangalha, O Mar e Minha Jangada. 18 anos.

Studio RJ (300 lugares). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, General Osório. Sexta (17), 22h. R$ 50,00. Bilheteria: a partir das 21h (sex.). www.studiorj.org.

Fonte: VEJA RIO