SHOWS

Indie neozelandês

Último grito do pop rock, o grupo The Naked & Famous se apresenta no Circo Voador

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Em 2008, os colegas de faculdade Thom Powers (voz e guitarra) e Alisa Xayalith (voz) montaram uma banda. O fato de viverem em Auckland, na Nova Zelândia, não os impediu de seguir o caminho da cena independente da Europa e dos Estados Unidos. Afinal, a internet está aí para isso mesmo ? e para ajudar a transformar músicos de garagem em estrelas da noite para o dia. No repertório que os integrantes do grupo The Naked & Famous mostram ao vivo na sexta (16), no Circo Voador, rock, pop e batidas eletrônicas são combinados de um jeito que faz lembrar os americanos do MGMT.

Através da web, eles divulgaram os EPs This Machine e No Light e, já no primeiro ano de existência, conquistaram fama nacional. Powers, Alisa e o engenheiro musical Aaaron Short (programação), na turma desde o início, ganharam a companhia de Jesse Wood (bateria) e David Beadle (baixo) no fim de 2009. Em 2011, foram alçados à condição de revelação do ano, segundo a rede britânica BBC, após o lançamento do primeiro CD, Passive Me, Agressive You. E todos se mudaram para Londres.

O hit Young Blood é presença certa na apresentação, ao lado de No Way, Girls Like You e Punching in a Dream, tema incluído no game Fifa Soccer 12. Curiosidade: o nome do quinteto é inspirado na frase ?Everybody wants to be naked and famous? (Todos querem estar pelados e ser famosos), verso à moda de Andy Warhol tirado de uma canção do compositor britânico Tricky. Com suas letras em inglês, a banda de rock carioca Tipo Uísque abre a noite.

The Naked & Famous. 18 anos. Circo Voador (2?000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. → Quinta (15), 23h30. R$ 100,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); a partir das 12h (sex.). IC. www.circovoador.com.br.

Fonte: VEJA RIO