SHOWS

Música para viagem

Duas atrações da semana, o progressivo Alan Parsons e o new age Yanni exibem seus arsenais de teclados no Vivo Rio

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

divulgaçÃo; Frank Hoensch/Redferns/Getty Images/divulgaçÃo
(Foto: Redação Veja rio)

Em comum, eles têm o gosto por sonoridades tiradas de teclados e outros instrumentos plugados. Yanni, estrela da new age (rótulo que detesta), e Alan Parsons, expoente do progressivo viajandão do final dos anos 70 (influência direta para a música nefelibata defendida por seu colega grego), apresentam-se no Vivo Rio, na quinta (27) e no domingo (30), respectivamente. Yanni volta à cidade pela terceira vez para mostrar sucessos e as faixas de Inspirato, seu mais recente disco, acompanhado por quinze músicos. Com sua receita de rock, jazz e clássico batidos no sintetizador, ele é o autor do segundo vídeo musical mais vendido da história: Live at the Acropolis, registrado em Atenas, em 1994, só perdeu para Thriller, de Michael Jackson. Outra atração estrangeira no palco do Aterro, o engenheiro de som inglês que trabalhou com Beatles (Let it Be) e Pink Floyd (The Dark Side of the Moon) emprestou o nome e o talento ao Alan Parsons Project para criar seus próprios hits. Músicas do naipe de Time, Eye in the Sky e Inside Looking Out serão lembradas ao vivo por Parsons (voz, guitarra, sintetizadores e percussão), Guy Erez (baixo), Danny Thompson (bateria), Manny Focarazzo (teclado), Alastair Greene (guitarra), P.J. Olsson (voz) e Todd Cooper (sax e voz).

Vivo Rio (2?242 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Yanni: quinta (27), 21h30. R$ 250,00 (frisa e setor 3) a R$ 700,00 (camarote A e setor premium). Alan Parsons: domingo (30), 20h. R$ 120,00 (setor 3) a R$ 380,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a qua.; sex. e sáb.); a partir das 12h (qui. e dom.). Estac. c/manobr. (R$ 30,00). IR. www.vivorio.com.br.

Fonte: VEJA RIO