SHOWS

Jam session de forró

Kiko Horta, no acordeão, comanda o arrasta-pé moderno em novo espaço na Gamboa

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Palco de expressivas transformações, muitas ainda por vir, a Zona Portuária ganhou, no último dia 12, um novo centro cultural: o Garagem Gamboa. Trata-se de um anexo do Galpão Gamboa, espaço dedicado às artes cênicas, dirigido pelo produtor Fernando Libonati e pelo ator Marco Nanini, que se tornou um polo de produções de alto nível na cidade. Sob curadoria de Cesar Augusto e Bel Kurtz, a programação da nova casa abriu seus trabalhos com Domenico Lancellotti e a banda Tono, seguidos pelo espetáculo musical Noites Dançantes, do ator Marcos de Oliveira. No domingo (27), quem sobe ao palco é o acordeonista Kiko Horta, à frente do projeto Forró do Mercado. Ele é escoltado por Carlos Cachaça (bandolim e guitarra), Marcelo Mimoso (voz), Bruno Abreu (percussão), Alexandre Maionese (flauta), Luiz Flávio Alcofra (violão), Ivan Machado (baixo) e Rodrigo Scofield (bateria).

Kiko Horta tem bons serviços prestados à cena musical carioca: é um dos fundadores do Cordão do Boitatá. Fenômeno do Carnaval de rua, o grupo também se notabilizou por interpretar repertórios populares típicos de outras datas festivas, como a festa junina e, no fim do ano, o pastoril. Na antiga sede do Cordão, na Rua do Mercado, começaram há quatro anos os bailes de ?free-baião?, animadas noitadas de forró. O clima livre daquelas apresentações será recriado na Gamboa. No repertório cabe de tudo, de interpretações para clássicos do jazz, como ?Round Midnight, de Thelonious Monk, a choros e composições autorais dos integrantes do conjunto.

Kiko Horta e Forró do Mercado. 18 anos. Garagem Gamboa (120 pessoas). Rua da Gamboa, 277, Centro, ☎ 2516-5929. Domingo (27), 21h30. R$ 20,00.

Fonte: VEJA RIO