Homenagem

A homenagem definitiva a Dorival Caymmi

No ano em que compositor completaria 100 anos, seus filhos Nana, Dori e Danilo repassam carreira do pai

Por: Rafael Cavalieri

Nana Dori Danilo Caymmi
Nana, Dori e Danilo Caymmi vão homenagear o pai Dorival, que completaria 100 anos em 2014 (Foto: Beti Niemeyer)

Em novembro do ano passado, na abertura do Festival Villa-Lobos, os três subiram ao palco do Theatro Municipal para dar o pontapé inicial nos festejos do centenário de Dorival Caymmi (1914-2008). Na sexta (14), Nana, Dori e Danilo Caymmi, os filhos do homenageado, repetem a dose no Vivo Rio, para encerrar em grande estilo a temporada de comemorações. Autor dos arranjos e diretor musical, Dori fez algumas mudanças no repertório.

No primeiro bloco, ele e Danilo dividem sambas clássicos, a exemplo de Vatapá. Nana, que em 2013 animou a noite com tiradas impagáveis entre uma música e outra, apresenta-se mais adiante e é a única dos três a ganhar números-­solo: à frente de um quinteto de instrumentistas encabeçado pelo violonista Dori, ela interpreta, entre outras, João Valentão. A bela Canção da Partida, com o trio, encerra o tributo. 16 anos.

Vivo Rio (2 000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. → Sexta (14), 22h. R$ 100,00 (setor 4) a R$ 200,00 (camarote A e setor vip). Bilheteria: 12h/21h (seg. a qui.); a partir das 12h (sex.). Estac. c/manobr. (R$ 30,00). IR. www.vivorio.com.br.

Fonte: VEJA RIO