ROTEIRO DA SEMANA

Shows

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

ALMIR GUINETO. Há onze anos sem lançar um disco, o sambista criado no Salgueiro, fundador do grupo Fundo de Quintal, mostra ao vivo as canções do CD Cartão de Visita. O álbum marca o retorno de Guineto para o Rio, depois de uma temporada no interior paulista. No repertório há faixas autorais, como Mãe Iemanjá, em parceria com Babalu, e sucessos. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Quinta (12), 19h30. R$ 50,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a qua.); a partir das 15h (qui. e sex.). TT. www.rivalpetrobras.com.br.

BANDA DO SÍNDICO. Ideia do trompetista Silvério Pontes e do saxofonista Tinho Martins, o grupo reúne amigos que faziam parte da antiga Banda Vitória Régia ? que acompanhava Tim Maia. Além dos dois, a formação traz Paulinho Braga (bateria), Adriano Gifonni (baixo), Toca Delamare (teclados) e, nos vocais, Bruno Maia. No repertório, canções de Tim. 18 anos. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Sábado (14), 22h. R$ 50,00. www.studiorj.org.

BOB DYLAN. Leia em Veja Rio Recomenda. 15 anos. Citibank Hall (3?093 lugares). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra. Informações, ☎ 0300 7896846 (9h/21h). Domingo (15), 20h. R$ 550,00 (poltrona) a R$ 800,00 (camarote e cadeira Vip). Bilheteria: 12h/20h (seg. a sáb.); a partir das 12h (dom.). Cc: todos. Cd: R e V. TM. Estac. (R$ 5,00). → www.ticketsforfun.com.br. www.citibankhall.com.br.

CARLOS LYRA. Ao lado de Fernando Merlino (teclado), Dirceu Leite (sax, flauta e clarinete) e Ricardo Costa (bateria), o compositor de clássicos da bossa nova como Minha Namorada, Primavera e Lobo Lobo abre uma série dedicada ao gênero. Na apresentação, Lyra desfia declarações ao Rio, como Em Tempo, Eu Te Amo..., Carioca da Algema, uma parceria com Millôr Fernandes, Y-Panema e E Era Copacabana. Também está prevista a inédita Na Batucada. 14 anos. Teatro Sesc Ginástico (513 lugares). Avenida Graça Aranha, 187, Centro, ☎ 2279-4027. Terça (10), 19h. R$ 20,00. Bilheteria: a partir das 13h (ter.).

CHARLIE BROWN JR. A banda formada em Santos completa vinte aos de carreira. Para comemorar, Chorão, Champignon, Marcão, Thiago Castanho e Graveto apresentam o DVD Música Popular Caiçara, em um espetáculo recheado de hits como O Coro Vai Comê, Proibida pra Mim e Te Levar. 15 anos. Citibank Hall (3?093 lugares). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra. Informações, ☎ 0300 7896846 (9h/21h). Sábado (14), 20h. R$ 90,00 (pista) a R$ 150,00 (camarote). Bilheteria: 12h/20h (seg. a sex.); a partir das 12h (sáb.). Cc: todos. Cd: R e V. TM. Estac. (R$ 5,00). → www.ticketsforfun.com.br. www.citibankhall.com.br.

CRIOLO. Escoltado por uma competente banda, o rapper paulista entoa faixas do disco Nó na Orelha. Ao lado de Daniel Ganjaman (teclados), Marcelo Cabral (baixo), Guilherme Held (guitarra), Maurício Alves (percussão), Thiago França (sax tenor e flauta), Hugo Hori (sax barítono), Anderson Quevedo (trompete), DJ Dan Dan (voz) e Sérgio Machado (bateria), Criolo exibe canções como Não Existe Amor em SP, Sucrilhos e Grajauex. B-Negão e os DJs da festa Phunk! completam a noite. 18 anos. Fundição Progresso (4?000 pessoas). Rua dos Arcos, 24, Lapa, ☎ 2220-5070. Sábado (14), 23h. R$ 70,00. Bilheteria: 15h/18h (seg. a sex.); a partir das 15h (sáb.). → www.fundicaoprogresso.com.br.

EMICIDA. A festa Xarpi, que promove a cultura de rua, convida o rapper paulista, entre outros representantes do gênero: Rael da Rima, a dupla Numa Margem Distante, o quarteto Cartel MCs, MC Leonel e DJs convidados. Emicida despontou na cena hip-hop paulistana em 2011, com faixas carregadas de crítica social, como Rua Augusta, Sorrisos e Lágrimas, Triunfo e Eu Gosto Dela. 18 anos. Circo Voador (2?000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. → Sábado (14), 22h30. R$ 60,00 (1º lote) a R$ 80,00 (2º lote). Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); 12h/0h (sex.); a partir das 21h30h (sáb.). IC. www.circovoador.com.br.

FREJAT. Canções do disco-solo A Felicidade Bate à Sua Porta recheiam a apresentação. Ao lado de Mauricio Barros (teclados e vocais), Billy Brandão (guitarra e vocais), Bruno Migliari (baixo e vocais) e Marcelinho da Costa (bateria e vocais), o ex-guitarrista do Barão Vermelho entoa sucessos autorais, como Amor pra Começar, Segredos e hits alheios, como o que dá nome ao disco, uma composição de Gonzaguinha. 16 anos. Miranda (225 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa, ☎ 2239-0305. Quinta (12), 22h. R$ 160,00 a R$ 500,00. Bilheteria: 14h/20h (seg. a qua.); a partir das 14h (qui.). IC. www.mirandabrasil.com.br.

IMAGINATION e LEEE JOHN. Comandada por Leee John, a banda emplacou sucessos como Just an Ilusion, In the Heart of the Night e Changes no começo dos anos 80. Embora o trio original tenha se desfeito em 1995, o líder continua interpretando seu repertório recheado de soul, disco e funk ao lado de Paul Jones (bateria), Clint Williams (baixo), John Myers (guitarra), John Watson (teclado), Malika Faye e Lorrian Briscoe (vocais). 16 anos. Vivo Rio (4?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, ☎ 2272-2900. Sexta (13), 22h. R$ 90,00 (setor 3) a R$ 230,00 (camarote). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

JULIA BOSCO. Tempo, o primeiro álbum-solo da afinada filha de João Bosco, é uma fusão de referências de MPB, soul e jazz, com músicas autorais assinadas ao lado de Fabio Santanna. No show, a cantora de voz suave exibe faixas como Curtição, Na Oração e Carta para uma Amiga ao lado de Fabio Santanna (guitarra e efeitos), Bruno Migliari (baixo), Luiz Hiroshi (teclados), Marcelinho da Costa (bateria), Ronaldo Silva (percussão), Marlon Sette e José Bigorna (sopros). Com participação de João Bosco. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Quarta (11), 19h30. R$ 45,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. e ter.); a partir das 15h (qua.). TT. www.rivalpetrobras.com.br.

LEMBRANDO CAZUZA. Sob curadoria de Marcelo Castello Branco, a série presta homenagem ao cantor e compositor Cazuza (1958-1990). Jorge Vercillo encerra a programação lembrando os sucessos do poeta. Toda a renda será revertida para a Sociedade Viva Cazuza. 12 anos. Teatro Fashion Mall (474 lugares). Estrada da Gávea, 899, loja 213, São Conrado, ☎ 3322-2495. Terça (10), 20h30. R$ 60,00.

LETUCE. Depois do elogiado Plano de Fuga pra Cima dos Outros e de Mim, o casal de namorados Letícia Novaes e Lucas Vasconcellos divulga novo disco. Manja Perene traz mais baladas de arranjos interessantes, mas de letras não tão caprichadas quanto as do trabalho de estreia. Ao vivo, eles costumam fazer deliciosas versões para pagodes românticos. Depois, o DJ Janot comanda sua famosa festa Panelinha. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Sexta (13), 22h30. R$ 20,00. www.studiorj.org.

MARCOS VALLE E STACEY KENT. Da segunda geração da bossa nova, o cantor, compositor e pianista é cultuado na Europa e no Japão e já teve músicas registradas por uma lista de estrelas que vai de Elis Regina a Sarah Vaughan. Ao lado da cantora americana, estrela do jazz e estudiosa fã de música brasileira, Valle apresenta repertório que passeia por jazz, pop e bossa nova. Entre as músicas previstas estão Summer Samba (Samba de Verão), If You Went Away (Preciso Aprender a Ser Só) e The Face of Love (Seu Encanto). Miranda (225 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa, ☎ 2239-0305. Sexta (13) e sábado (14), 22h. R$ 160,00 a R$ 400,00. Bilheteria: 14h/20h (seg. a qui.); a partir das 14h (sex e sáb.). IC. www.mirandabrasil.com.br.

MARIA GADU. Depois de rodar o Brasil ao lado de Caetano Veloso, a cantora volta ao Rio para o primeiro espetáculo de seu segundo álbum-solo, Mais uma Página, lançado no fim de 2011. Das catorze faixas, oito são assinadas por Gadu, ao lado de nomes como Ana Carolina e Edu Krieger. Estão no programa as inéditas No Pé do Vento e Like a Rose, além de uma releitura de Oração do Tempo, de Caetano. Lenine é convidado para cantar em Quem?, e Marcos Rodrigues aparece em A Valsa. 16 anos. Vivo Rio (4?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, ☎ 2272-2900. Sábado (14), 22h. R$ 80,00 (setor 3) a R$ 160,00 (camarote). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

MARIANNA LEPORACE. Depois de doze anos de produção, sai do forno Interior, o nono álbum da cantora. Ela interpreta temas como a inédita Navegantes, de seu irmão Fernando Leporace, e Vento Bravo, de Edu Lobo e Paulo César Pinheiro. Acompanham Marianna Emerson Mardhine (baixo e violão), Felipe Poli (violão), Guilherme Hermolin (flauta) e Mauricio Detoni (voz). 16 anos. Centro Cultural Justiça Federal (120 lugares). Avenida Rio Branco, 241, Centro, ☎ 3261-2550. ? Cinelândia. Terça (10), 20h. R$ 30,00. Bilheteria: a partir das 15h (ter.).

NOVÍSSIMOS. De encontros musicais caseiros entre amigos de infância nasceu o projeto que reúne Alberto Americano (cavaquinho e violão), Chico Cabral (percussão), David Rosenblit (teclado), Diogo Acosta (sopros), Felipe Larrosa Moura (bateria), Lupa Maia (baixo) e Marcelo de Lamare (voz, violão e guitarra). No repertório, composições autorais como Estrada de Terra, Pra Cima e Mania. 14 anos. Solar de Botafogo (160 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2541-1941. Segunda (9), 21h30. R$ 40,00. www.solardebotafogo.com.br.

OLIVIA E FRANCIS HIME. O casal sobe ao palco para apresentar faixas do álbum Almamúsica, a primeira parceria musical em 46 anos de união, lançado em 2011. No programa de voz (dela) e piano (dele) entram canções que percorrem a história da música brasileira, como O que Será (À Flor da Pele), Morena do Mar e Risque, além da chanson Du Soleil Plein la Tête. 16 anos. Casarão Ameno Resedá (250 pessoas). Rua Bento Lisboa, 4, Catete, ☎ 2556-2427. Segunda (9) e terça (10), 20h. R$ 60,00 (mesa) e R$ 40,00 (pista). Bilheteria: a partir das 14h (seg. e ter.). Cc: todos. Cd: todos. IR.

SINGLE PARENTS E TIPO UÍSQUE. Unrest, disco de estreia da banda paulista de rock Single Parents, abastece o repertório de uma das apresentações da noite. O grupo é formado por Fernando Dotta (voz, guitarra e violão), Anderson Lima (baixo) e Rafael Farah (bateria). Depois de participar do festival Lollapalooza, em São Paulo, a banda carioca Tipo Uísque completa o programa desfiando canções próprias com letras em inglês, como Eyes for Eyes e Fight It. 18 anos. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Quarta (11), 21h30. Grátis. www.studiorj.org.

SOMBRINHA. Atração do Projeto Samba & Outras Coisas, promovido pelo Sesi, o cantor e compositor é um dos fundadores do grupo Fundo de Quintal e o autor de sucessos como Malandro Sou Eu e Fogo de Saudade. Livre. Teatro Sesi (350 lugares). Avenida Graça Aranha, 1, Centro, ☎ 2563-4163, ? Cinelândia. Sexta (13), 12h30. Grátis. Retirada de senhas uma hora antes.

THURSTON MOORE. Líder da recém-extinta banda nova-iorquina Sonic Youth, o músico foi considerado pela revista Rolling Stone um dos 100 guitarristas mais importamntes do mundo do rock. Em sua quinta passagem pelo Brasil, desta vez sem os companheiros de trinta anos, Moore apresenta faixas do terceiro álbum-solo, Demolished Thoughts, produzido por Beck. Quem abre o concerto é o americano Kurt Vile, ao lado do conjunto The Violators. 18 anos. Circo Voador (2?000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. → Sexta (13), 23h30. R$ 140,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); a partir das 12h (sex.). IC. www.circovoador.com.br.

ZÉ RENATO. Em fértil carreira-solo, após a trajetória no grupo vocal Boca Livre, o cantor e compositor lançou doze discos, entre eles sensíveis tributos a Zé Keti e Sílvio Caldas, mas nenhum composto exclusivamente de canções próprias. Recém-lançado, o autoral Breves Minutos empresta canções para a apresentação. Zé Renato divide o palco com Rômulo Gomes (baixo), Tutty Moreno (bateria), Arthur Dutra (vibrafone) e Zé Nogueira (sopros). Espaço Cultural Eletrobrás Furnas (192 lugares). Rua Real Grandeza, 219, Botafogo, ☎ 2528-4334. Sexta (13), 20h. Grátis. Distribuição de senhas uma hora antes.

EM CARTAZ

JUCA CHAVES. Dono de um estilo irreverente, o músico leva modinhas, trovas e causos à Barra. Entre os maiores sucessos de Chaves estão Por Quem Sonha Ana Maria? e Take Me Back to Piauí. 14 anos. Teatro dos Grandes Atores ? Sala Vermelha (396 lugares). Avenida das Américas, 3555, Barra (Shopping Barra Square), ☎ 3325-1645. Sexta (13) e sábado (14), 21h; domingo (15), 20h. R$ 70,00 (sex. e dom.) e R$ 80,00 (sáb.). Bilheteria: a partir das 15h (sex. a dom.). Cc: D e M. Cd: R. IC. Estac. (R$ 4,00 por duas horas).

CONCERTOS

ORQUESTRA SINFÔNICA BRASILEIRA. Chefe do naipe de violas da OSB, Gabriel Marin é o solista da apresentação, com regência de Roberto Minczuk. Ele executa o Concerto para Viola, Opus Póstumo, de Béla Bartók. Completam o programa a Sinfonia Nº 25 em Sol Menor, KV 183, de Mozart, e a Sinfonia Nº 5 em Mi Bemol Maior, Op. 82, de Jean Sibelius. Espaço Tom Jobim (500 lugares). Rua Jardim Botânico, 1008, Jardim Botânico, ☎ 2274-7012. Quinta (12), 20h. R$ 40,00 e R$ 60,00. Bilheteria: 14h/18h (seg. a sex.).

ORQUESTRA SINFÔNICA E CORO DO THEATRO MUNICIPAL. Três obras sacras de Mozart integram o repertório: Laudate Dominum de Vesperae Solennes de Confessore, KV 339, Ave Verum, KV 618, e o Réquiem, KV 626. Esta última será executada em sua versão integral, completada após a morte do compositor austríaco pelo discípulo Süssmayr. Silvio Viegas é o regente. Igreja de Nossa Senhora da Candelária (1?500 lugares). Praça Pio X, s/nº, Centro. Quinta (12), 18h30. Grátis. Informações, ☎ 3211-7000.

OSB ÓPERA & REPERTÓRIO. O conjunto se apresenta com regência de Pablo de Leon, um dos seus spallas. O repertório inclui a Suíte de Árias e Danças Antigas: Suíte 3, de Ottorino Respighi, as Bachianas Brasileiras N º 4, de Heitor Villa-Lobos, e As Quatro Estações Portenhas, de Astor Piazzolla, inspirada no tema de Vivaldi. Espaço Tom Jobim (500 lugares). Rua Jardim Botânico, 1008, Jardim Botânico, ☎ 2274-7012. Terça (10), 20h. R$ 40,00 e R$ 60,00. Bilheteria: 14h/18h (seg. a sex.).

PIGMALIÃO. A ópera do francês Jean-Philippe Rameau tem direção musical do cravista Marcelo Fagerlande e direção cênica da coreógrafa Márcia Milhazes. Oito músicos, quatro cantores líricos e três bailarinos participam da encenação. O tenor André Vidal vive Pigmalião, escoltado pelas cantoras Luisa Suarez, Paloma Lima e Carol De Comi. Centro Cultural Banco do Brasil ? Teatro II (155 lugares). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Quinta a domingo, 19h. R$ 6,00. Até 13 de maio. Estreia prometida para quinta (12). Bilheteria: a partir das 9h (ter. a dom).

QUARTETO COLONIAL. Doriana Mendes (soprano), Daniela Mesquita (meio-soprano), Geilson Santos (tenor) e Luiz Kleber Queiroz (barítono) apresentam obras de Alberto Nepomuceno, Heitor Villa-Lobos e João Guilherme Ripper, entre outros. Academia Brasileira de Letras ? Teatro R. Magalhães Jr. (280 lugares). Avenida Presidente Wilson, 203, Centro, ☎ 3974-2500. Quinta (12), 18h. Grátis.

SEXTETO RIO. Eduardo Monteiro (flauta), Victor Astorga (oboé), Marcio Costa (clarineta), Antônio Augusto (trompa), Ariane Petri (fagote) e Flávio Augusto (piano) compõem o grupo que é a próxima atração do projeto Eternos Modernos. Temas de Francisco Mignone e Radamés Gnattali estão previstos. Centro Cultural Banco do Brasil ? Teatro II (155 lugares). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Terça (10), 12h30 e 19h. R$ 6,00. Bilheteria: a partir das 9h (ter.).

Fonte: VEJA RIO