ROTEIRO DA SEMANA

Shows

Confira os melhores shows e concertos que vão rolar na cidade nesta semana

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

ADRIANA CALCANHOTTO. A cantora e compositora apresenta Micróbio Vivo, show decorrente do seu mais recente álbum, Micróbio do Samba, o primeiro trabalho em que ela se dedica a esse gênero musical. Acompanhada por Alberto Continentino (baixo), Domenico Lancellotti (bateria) e Pedro Sá (violão, guitarra e cavaquinho), Adriana desfia sambas próprios, além de sucessos de Lupicínio Rodrigues e Paulinho da Viola. Abre a noite a cantora Thais Gulin, apresentando seu último álbum, ôÔÔôôÔôÔ. 18 anos. Circo Voador (2?000 lugares). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. Sábado (10), 22h. R$ 40,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); 12h/0h (sex.); a partir das 14h (sáb.). IC. www.circovoador.com.br.

ARY DIAS E FERNANDO MOURA. Pela primeira vez em uma gravação conjunta, a dupla de experientes músicos apresenta CosmeDamião. No repertório, doze faixas instrumentais e uma, Afro Bebê, com surpreendente desempenho vocal de Dias, percussionista baiano que ganhou notoriedade no conjunto A Cor do Som. Empolgado por dividir os trabalhos com o pianista Moura, ele inventou um novo instrumento: o "caixambor", estrutura de madeira com dois tambores típicos, o africano djembê e o turco derbak. Além de temas próprios, o repertório traz uma original versão de Água de Beber, clássico de Tom e Vinicius. 18 anos. Sala Funarte Sidney Miller (225 lugares). Rua da Imprensa, 16 (Palácio Capanema), térreo, Centro, ☎ 2279-8104. Terça (6), 18h30. R$ 20,00. Bilheteria: a partir das 15h (ter.)

BETO GUEDES. No ano em que Clube da Esquina completa quarenta anos, o cantor e compositor relembra sucessos do rock rural como Sol de Primavera, Amor de Índio, O Sal da Terra e Feira Moderna. Ele sobe ao palco na companhia de Esdras Ferreira (bateria), Enéias Xavier (baixo), Ian Guedes (guitarra) e Cláudio Faria (teclados). 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Sexta (9) e sábado (10), 19h30. R$ 70,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a qui.); a partir de 15h (sex. e sáb.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

CARLOS SALES. Assim é o nome do álbum de estreia do baterista de Mauricio Baia como cantor. Empunhando um violão e um ukulele, ele sobe ao palco ao lado de Nando Duarte (violão e guitarra), Vig (bateria), Pedro Mibielli (violino), Jorge Ailton (baixo) e Pedro Augusto (piano) para desfiar Primavera, Subiu no Altar e Por Você, entre outras canções autorais. 14 anos. Solar de Botafogo (180 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2543-5411. Quinta (8), 21h30. R$ 40,00. Bilheteria: 16h/22h (seg. a qua.); a partir das 16h (qui.). IC. www.solardebotafogo.com.br.

FAGNER. Antes de lançar seu próximo trabalho, o cearense excursiona pelo país relembrando os maiores sucessos dos seus quarenta anos de carreira. Na companhia de Cristiano Pinho (guitarra), Lu de Souza (guitarra e violões), Marcus Vinnie (teclados), Michel Higor (teclados e acordeon), André Carneiro (baixo) e Rick de La Torre (bateria), ele não deixa faltar Borbulhas de Amor, Noturno, Deslizes e Canteiros, entre outras. 16 anos. Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Sábado (10), 22h. R$ 70,00 (setor 4) a R$ 140,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a sex.); a partir das 12h (sáb.). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

FLOGGING MOLLY E BROTHERS OF BRAZIL. A banda californiana, pela primeira vez no Brasil, é conhecida pelas animadas performances no palco. Liderados por Dave King, seis músicos se revezem entre guitarra, baixo, bateria, violino e bandolim, em repertório que mescla rock e música celta. A abertura da noite fica a cargo da dupla Brothers of Brazil, formada pelos irmãos Supla e João Suplicy. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Terça (6), 20h. R$ 160,00. Bilheteria: 15h/21h (seg.); a partir das 15h (ter.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

JAIME ALEM. O compositor, arranjador e violonista, que por mais de duas décadas foi o diretor artístico dos shows de Maria Bethânia, lança o resultado de seu primeiro trabalho-solo, Dez Cordas do Brasil. Com João Carlos Coutinho (acordeom), João Bustamante (violoncelo), Bruno Aguilar (contrabaixo) e Reginaldo Vargas (percussões), Alem explora as variações da viola, tocando temas de várias regiões brasileiras. A cantora Nair Cândia, parceira antiga, é a convidada da noite. Livre. Espaço Cultural Eletrobras Furnas (192 lugares). Rua Real Grandeza, 219, Botafogo, ☎ 2528-5166. Sábado (10), 20h. Grátis. Distribuição de senhas uma hora antes.

LEBLON JAZZ FESTIVAL. Leia em Veja Rio Recomenda. Livre. Palco Vizta Bar (Avenida Delfim Moreira, 630, Hotel Marina Palace, ☎ 2172-1089). Quinta (8), 21h: Gilson Peranzzetta, R$ 50,00. Palco Esch Café (Rua Dias Ferreira, 78 A, ☎ 2512-5651). Sexta (9), 22h: Companhia Estadual de Jazz, R$ 40,00. Palco Dias Ferreira (Rua Dias Ferreira, na altura da Praça Cazuza). Sábado (10), 13h: Monte Alegre Hot Street Jazz Band; 14h: Joel Ferreira e Quarteto com Lica Tito; 15h30: Quinteto Nuclear; 17h: Dibigode; 18h30: Bondesom; 20h: Iconoli; 21h: Mulatu Astatke. Grátis. Informações: www.leblonjazzfestival.com.br.

LEO GANDELMAN. Vip Vop, novo disco do saxofonista, interrompe um jejum de oito anos sem um trabalho inédito. Ao lado de Serginho Trombone, David Feldman (piano), Rafael Barata (bateria) e Alberto Continentino (baixo), ele mostra novidades como Sinal Vermelho, Nêgo Tá Sabendo e Luz Azul. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Quinta (8), 19h30. R$ 50,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a qua.); a partir das 15h (qui.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

NÃO DE OITO, EMICIDA E KAMAU. Formada pelos amigos de colégio Cohen (guitarra, violão e voz), Toca Mamberti (guitarra), Rafa Rodrigues (bateria), Nando Vicencio (baixo) e Careca (percussão e voz), a banda paulista apresenta o seu primeiro disco, Um Dia que Já Vem, lançado pelo selo Laboratório Fantasma, do rapper Emicida, e produzido pelo badalado Daniel Ganjaman (o mesmo de Criolo). O próprio Emicida e o colega Kamau são os convidados da noite para desfiar junto ao grupo faixas como Beats, Agradeço e Nada, entre outras autorais. 18 anos. Studio RJ (300 lugares). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Quinta (8), 22h. R$ 40,00. Bilheteria: a partir das 21h (qui.). www.studiorj.org.

MARTINHO DA VILA. Som da Serra é o nome do espetáculo que o sambista apresenta ao lado da Banda Sinfônica Campesina Friburguense, sob a batuta de Marcus Almeida. No repertório, arranjos orquestrados para os maiores sucessos de Martinho, a exemplo de Ex-Amor e Mulheres. Ainda divide o palco com o cantor o violonista Gabriel de Aquino. Livre. Teatro Oi Casa Grande (926 lugares). Avenida Afrânio de Melo Franco, 290, Leblon, ☎ 2511-0800. Segunda (5), 20h. R$ 80,00. Bilheteria: 15h/19h30 (dom.); a partir das 15h (seg.). Cc: todos. Cd: todos. IC. Estac. no Shopping Leblon (R$ 4,00 por duas horas).

MPB DE BRAÇOS ABERTOS. Promovido pela rádio MPB FM, o evento reúne três grandes shows seguidos: abre a noite Maria Gadú, com o espetáculo Mais Uma Página. Além da recente Axé Acappella, aparecem hits como Shimbalaiê. Lenine dá sequência à festa com o repertório do disco Chão, no qual captou sons da cidade para compor as faixas. Aparecem, entre outras, Envergo Mas Não Quebro e Isso É Só o Começo. Encerra a programação Ana Carolina, com o espetáculo Ensaio de Cores, baseado no disco homônimo. Os sucessos Garganta e Quem de Nós Dois dividem espaço com as recentes Simplesmente Aconteceu e Problemas. 18 anos. Fundição Progresso (4?000 pessoas). Rua dos Arcos, 24, Lapa, ☎ 2220-5070. Sábado (10), 23h. R$ 30,00 (pista) e R$ 160,00 (pista premium). Bilheteria: 15h/18h (seg. a sex.); a partir das 15h (sáb.). → www.fundicaoprogresso.com.br.

MUMUZINHO. O pagodeiro lança seu primeiro disco, Dom de Sonhar. No repertório, Curto Circuito, Te Amo e Se Eu Tivesse Poder, todas emplacadas nas rádios. No palco, Mumuzinho é acompanhado por uma banda de nove músicos. 16 anos. Imperator ? Centro Cultural João Nogueira (1?500 lugares). Rua Dias da Cruz, 170, Méier, ☎ 3259-1998. Quinta (8), 21h. R$ 40,00 (plateia) e R$ 60,00 (mezanino). Bilheteria: 14h/20h (ter. e qua.); a partir das 14h (qui.). www.imperator.art.br.

MÚSICA PARA TODO MUNDO. A primeira edição do festival elegeu quatro artistas para assinar um contrato com o selo Oi Música. Nevilton e Pedro Morais foram escolhidos pelo público, enquanto Wado e Bárbara Eugênia, pela curadoria do evento. Os quatro se apresentam em duas noites de shows ? os eleitos do público na quinta (8) e os dos especialistas na sexta (9) ?, ao lado de nomes como a banda londrina Molotov Jukebox, Céu, Tono, Criolo, Qinho, Luisa Malta e MV Bill. 18 anos. Circo Voador (2?000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. Quinta (8) e sexta (9), a partir das 20h. Grátis (até 21h30); R$ 80,00 (a partir das 21h30). Bilheteria: 12h/19h (ter. e qua.); a partir das 12h (qui. e sex.). IC. www.circovoador.com.br.

NANA CAYMMI. Comemorando 70 anos de vida e cinquenta de carreira, a intérprete passeia por clássicos da MPB. Tom Jobim será contemplado em Por Causa de Você, Só em Teus Braços e Outra Vez. O pai, Dorival Caymmi, é homenageado em Dora, Nem Eu, Só Louco, Marina e João Valentão. 16 anos. Miranda (200 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa, ☎ 2239-0305. Sexta (9) e sábado (10), 21h30. R$ 100,00 a R$ 150,00. Bilheteria: 14h/20h (seg. a qui.); a partir das 14h (sex. e sáb.). IC. www.mirandabrasil.com.br.

NEVER SHOUT NEVER. O nome da banda americana é, na verdade, um codinome para o líder Christofer Drew Ingle, que começou a fazer sucesso sozinho, por meio da rede social MySpace. Só em 2011, para o lançamento de Time Travel, Ingle se juntou a Taylor MacFee (baixo) e Hayden Kaiser (bateria). No repertório, entre outras faixas da breve carreira, aparece o principal single, Bigcitydreams. 16 anos. Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Sexta (9), 22h. R$ 120,00 (pista, 1º lote) a R$ 250,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a qui.); a partir das 12h (sex.). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

NOVAS ESQUINAS. A série festeja os quarenta anos de lançamento do disco Clube da Esquina, trabalho que revelou os talentos de Milton Nascimento, Wagner Tiso, Lô Borges, Beto Guedes e Toninho Horta, entre outros. A cada encontro, um membro do grupo sobe ao palco com um representante da nova geração influenciado pela turma. Na terça (6), Lô Borges convida o compositor e cantor e Leo Minax, mineiro radicado na Europa. Completam o time no palco Paula Santoro (voz), Rafael Vernet (piano), Guto Wirtti (contrabaixo) e Rafael Barata (bateria). Livre. Centro Cultural Banco do Brasil ? Teatro II (158 lugares). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Terça (6), 12h30 e 19h. R$ 6,00. Bilheteria: a partir de 9h (ter.). → www.bb.com.br/cultura.

PATRICE E ED MOTTA. O cantor e compositor afro-germânico convida Ed Motta para uma noite dedicada à black music, com um repertório recheado de soul e funk. Dá sequência à noite a festa Blax, inspirada nos bailes dos anos 70. 16 anos. Casarão Ameno Resedá (250 lugares). Rua Bento Lisboa, 4, Catete, ☎ 2556-2427. Sábado (10), 22h30. R$ 50,00 (pista). Bilheteria: 14h/22h (seg. a sex.); a partir das 14h (sáb.). IR. www.casaraoamenoreseda.com.br.

PAULO BOCA DE CANTOR. O ex-Novos Baianos lança seu novo disco, Forró do Boca, uma compilação das apresentações que faz pelo país. No repertório aparecem clássicos do ritmo nordestino, além de faixas autorais, como Se Seu Luiz Tivesse Vivo (uma homenagem a Luiz Gonzaga em parceria com Luiz Caldas) e o bem-humorado Xote Cardiovascular. 16 anos. Casarão Ameno Resedá (250 lugares). Rua Bento Lisboa, 4, Catete, ☎ 2556-2427. Sexta (9), 22h30. R$ 40,00 (pista). Bilheteria: 14h/22h (seg. a qui.); a partir das 14h (sex.). IR. www.casaraoamenoreseda.com.br.

SANDY. A cantora retoma a turnê de Manuscrito, depois de uma pausa para as gravações do longa Quando Eu Era Vivo, no qual será protagonista ao lado de Antônio Fagundes. Aparecem no repertório Pés Cansados e Quem Eu Sou, do disco, além de releituras para Beija Eu, de Marisa Monte, e Hoje Eu Quero Sair Só, de Lenine. 16 anos. Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Domingo (11), 20h. R$ 80,00 (setor 4) a R$ 150,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a sáb.); a partir das 12h (dom.). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

VIVE LA FÊTE. Liderada pelo guitarrista Danny Mommens e o vocalista Els Pynoo, a banda belga lança seu mais recentes disco de inéditas, Produit de Belgique. Conhecidos pelo estilo que vai do eletro-rock ao pop, misturando as chanson francesas, eles sobem ao palco acompanhados por Roel Van Espen (teclados), Ben Brunin (baixo) e Gino Geudens (bateria). 18 anos. Studio RJ (300 lugares). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Sábado (10), 22h. R$ 120,00. Bilheteria: a partir das 21h (sáb.). www.studiorj.org.

CONCERTOS

CAMERATA DE SOLISTAS DA BANDA FILARMÔNICA DO RIO DE JANEIRO. Felipe Marateo Nascimento (flauta), Miller Moraes Vasconcelos (flauta), Rodrigo Herculano (oboé), Thiago Duarte (oboé), José Rua (clarineta), Cristiano Costa (clarineta), Maurício Silva (clarineta), Débora Nascimento (fagote), Deyvisson Vasconcelos (fagote), Isaque Marcelo (trompa) e Marco Vilas Bôas (trompa) interpretam obras de Beethoven e Bernard. Centro de Referência da Música Carioca (156 lugares). Rua Conde de Bonfim, 824, Tijuca, ☎ 3238-3743. Quinta (8), 19h30. R$ 1,00. Bilheteria: a partir das 18h30 (qui.).

FESTIVAL VILLA-LOBOS. Cerca de sessenta atrações constituem a programação da 50ª edição do evento, que acontece de sexta (9) até o dia 25 em diversos espaços da cidade. Destaque da primeira semana, o Quinteto Villa-Lobos comemora cinquenta anos de atividade com lançamento de DVD e Blu-ray no Theatro Municipal. A apresentação terá participação do músico Edu Lobo, parceria que evoca os dois primeiros LPs do Quinteto, de 1966, com algumas composições do artista. Formado por Antonio Carrasqueira (flauta), Luis Carlos Justi (oboé), Paulo Sérgio Santos (clarineta), Philip Doyle (trompa) e Aloysio Fagerlande (fagote), o quinteto se apresenta com apoio dos músicos Cristóvão Bastos (piano), Jorge Helder (contrabaixo) e Jurim Moreira (bateria). No repertório, Radamés Gnattali, Edino Krieger e Villa-Lobos, além de composições de Edu Lobo, sozinho ou em parceria com Capinam, Paulo César Pinheiro, Vinicius de Moraes e Chico Buarque. Confira a programação completa em www.festivalvillalobos.com.br. Theatro Municipal (2?237 lugares). Praça Floriano, s/nº, Centro, ☎ 2332-9191, ? Cinelândia. Sábado (10), 21h. R$ 10,00 (galeria) a R$ 180,00 (frisa e camarote com seis lugares). Bilheteria: 10h/18h (seg. a sex.); a partir das 10h (sáb.).

ORQUESTRA PETROBRAS SINFÔNICA. O quinto concerto da Série Djanira reúne em seu programa o Concerto N° 1 para Piano e Orquestra, Op. 15, de Brahms, e a Sinfonia N° 6 em Ré Maior, Op. 60, de Dvorák. Com regência de Isaac Karabtchevsky, a apresentação conta com participação do pianista Arnaldo Cohen, como solista. Theatro Municipal (2?237 lugares). Praça Floriano, s/nº, Centro, ☎ 2332-9191, ? Cinelândia. Sexta (9), 20h. R$ 20,00 (galeria) a R$ 576,00 (frisa e camarote com seis lugares). Bilheteria: 10h/18h (seg. a qui.); a partir das 10h (sex.).

ORQUESTRA SINFÔNICA BRASILEIRA. O conjunto se apresenta com regência do venezuelano José Luis Gomes. No programa, alusões à obra de William Shakespeare nas peças de Frederick Delius (Passeio no Jardim do Paraíso) e Edward Elgar (Falstaff). Completa o programa a Sinfonia Nº 6, de Vaughan Williams. Theatro Municipal (2?237 lugares). Praça Floriano, s/nº, Centro, ☎ 2332-9191, ? Cinelândia. Sábado (10), 16h. R$ 20,00 (galeria) a R$ 145,00 (plateia e balcão nobre). Bilheteria: 10h/18h (seg. a sex.); a partir das 10h (sáb.).

Fonte: VEJA RIO