ROTEIRO DA SEMANA

Shows

Por: Rafael Sento Sé - Atualizado em

BANGALAFUMENGA. Sob o comando do cantor e guitarrista Rodrigo Maranhão, do percussionista Thiago Sabatto e do baixista Dudu Fuentes, o conjunto transforma a noite num Carnaval fora de época. Releituras de sucessos do pop rock nacional são incrementadas por um time de percussionistas. Depois da bem-sucedida versão para Lourinha Bombril, a turma volta a atacar de Paralamas do Sucesso com Uma Brasileira, parceria de Herbert Vianna e Carlinhos Brown. 18 anos. Fundição Progresso (4?000 pessoas). Rua dos Arcos, 24, Lapa, ☎ 2220-5070. Sexta (21), 23h59. R$ 40,00. Bilheteria: 15h/18h (seg. a qui.); a partir de 15h (sex.). →

BETH MARQUES. Canções inéditas de Roque Ferreira e Zé Paulo Becker são os principais chamarizes do novo disco da cantora. Bordadeira traz ainda composições de Aldir Blanc, Braguinha, Paulo César Pinheiro, Dorival Caymmi e Chico Buarque. 18 anos. Espaço Cultural Sérgio Porto (300 lugares). Rua Humaitá, 163, Humaitá, ☎ 2266-0896. Quinta (20), 21h. R$ 20,00.

BRASOV. Formado por Daniel Vasquez (saxofone), Ricardo Dias Gomes (teclado), Fabiano Krieger (guitarra) Felipe Rocha (voz e trompete) e Rafael Rocha (bateria), o conjunto mostra o rock performático com influências de música cigana e do Leste Europeu. Depois, os DJs Plínio Profeta e Alê Youssef comandam a festa Coqueluxe. 18 anos. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Sábado (22), 23h. R$ 50,00.

CASUARINA. Um dos grupos de maior sucesso da Lapa, o quinteto lança Trilhos/Terra Firme com catorze sambas próprios. Reverenciam ainda Paulinho da Viola e Délcio Carvalho, parceiro do bandolinista do conjunto, João Fernando. Daniel Montes (violão de 7 cordas), Gabriel Azevedo (pandeiro e voz), João Cavalcanti (tantã e voz) e Rafael Freire (cavaquinho e vocais) completam a formação. Livre. Teatro João Caetano (1?222 lugares). Praça Tiradentes, s/nº, Centro, ☎ 2332-9257. Quinta (20), 21h. R$ 40,00 (balcão simples) e R$ 50,00 (plateia e balcão nobre). Bilheteria: 14h/18h (ter. e qua.); a partir das 14h (qui.). IC.

COPAFEST. Leia em Veja Rio Recomenda. 18 anos. Copacabana Palace (276 lugares). Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 291, Copacabana, ☎ 2548-7070. Quinta (20), 21h30; sexta (21) e sábado (22), 21h. R$ 60,00 (sex.) e R$ 80,00 (qui. e sáb.). Bilheteria: 10h/18h (seg. a qua.); a partir de 12h (qui. a sáb.). Estac c/manobr. (R$ 15,00) TT. → www.copafest.com.br

CUT COPY. Expoente da nova e boa geração de bandas australianas, o quarteto mistura rock e música eletrônica com forte influência do synthpop dos anos 80. O cantor Dan Whit­ford, o guitarrista Tim Hoey, que também assina as programações eletrônicas, o baixista Ben Brow­ning e o baterista Mitchell Dean Scott põem o público para dançar ao som de sucessos da carreira e do recém-lançado Zonoscope. Antes e depois do espetáculo, os DJ da festa I Love Pop aquecem a pista. 18 anos. Circo Voador (2?000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. → Sábado (22), 23h. R$ 160,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); até 0h (sex.); a partir de 21h (sáb.). IC. www.circovoador.com.br.

ELISA LUCINDA. A poetisa de verve performática também canta, e bem. Desde os tempos da peça Parem de Falar Mal da Rotina, ela já soltava a voz levemente rouca. Agora mistura poemas e música num show que tem canções do conterrâneo capixaba Sérgio Sampaio e de outros compositores como Vitor Ramil, Zé Ramalho, Noel Rosa e Jards Macalé. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Sexta (21) e sábado (22), 19h30. R$ 55,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a qui.); a partir de 15h (sex. e sáb.). TT. www.rivalpetrobras.com.br.

GLÓRIA BONFIM. Além do tom de voz peculiar, a principal marca da cantora baiana são as canções da umbanda e do candomblé. Apenas um santo forte explica sua trajetória profissional. Na época em que era doméstica, foi trabalhar na casa da cavaquinista Luciana Rabello e do compositor Paulo César Pinheiro, qua acabaram descobrindo seu talento. Lançado pelo selo Quitanda, de Maria Bethânia, Anel de Aço, seu novo disco, traz composições do ex-patrão. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Quinta (20), 19h30. R$ 60,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a qua.); a partir de 15h (qui.). TT. www.rivalpetrobras.com.br.

GUITANE. Vertente criada pelo guitarrista belga Django Reinhardt, o manouche, ou jazz cigano, é a especialidade do trio formado por Carol Panesi (violino), Pedro Araújo (guitarra cigana) e Pedro Aune (baixo acústico). Em cartaz às quartas. Livre. Brasserie Rosário (96 lugares). Rua do Rosário, 34, Centro, ☎ 2518-3533/ 3033. Quarta (19), 18h30. Grátis.

IVOR LANCELLOTTI. Lançado pela cantora Marisa Gatta Mansa num festival da TV Tupi de 1972, Estrada abriu os caminhos para que Elizeth Cardoso e Clara Nunes gravassem outras canções de sua autoria. Filho do badalado baterista Domenico, Ivor lança Ivor Lancellotti em Boas e Más Companhias, disco de sambas gravado com a participação de músicos das bandas Fino Coletivo, da qual faz parte seu outro filho, o cantor e compositor Alvinho, e Semente. É seu primeiro discos após treze anos. 14 anos. Solar de Botafogo (160 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2541-1941. Quarta (19), 21h30. R$ 40,00.

JARDS MACALÉ. Com quase 35 anos de belos serviços prestados à música popular, o cantor e compositor é a próxima atração do projeto MPB 12h30. No repertório, parcerias com Vinicius de Moraes (O Mais-q-Perfeito), Torquato Neto (Sim Não) e Waly Salomão (Anjo Exterminado). Livre. Centro Cultural Light (194 lugares). Avenida Marechal Floriano, 168, Centro, ☎ 2211-7295. → Quarta (19), 12h30. Grátis (distribuição de senhas uma hora antes).

JULIO IGLESIAS. Com 300 milhões de cópias vendidas, o cantor romântico foi o primeiro a receber um disco de diamantes do Guinness Book por bater o recorde de vendas no maior número de idiomas. Ao todo gravou em doze línguas, até mesmo em japonês e mandarim. Volta ao país para lançar 1, em que regravou quinze sucessos da carreira, entre os quais El Día que Me Quieras, Manuela e Un Canto a Galícia. 16 anos. Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, ☎ 2272-2900. Segunda (17), 21h. R$ 200,00 (frisas e setor 3) a R$ 600,00 (VIP premium). Bilheteria: a partir de 12h (seg.). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR.

LEO GANDELMAN. Um dos nomes mais festejados da música instrumental brasileira, o saxofonista lidera um quinteto que tem ainda Serginho do Trombone, Alberto Continentino (baixo), Renato Calmon (bateria) e David Feldman (piano). O repertório traz duas parcerias de Gandelman com Feldman, além de composições de Edu Lobo, Baden Powell, Nelson Jacobina e Zequinha de Abreu. 18 anos. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Terça (18), 21h30. R$ 50,00.

MARCIA CASTRO. Da nova geração da cena baiana off-axé, a cantora de voz doce está a caminho do segundo disco. Ao lado de Rovilson Pas­coal (guitarra e violões), Magno Vito (contrabaixo) e Michele Abu (percussão, bateria e guitarra), antecipa parte do novo repertório e mostra as canções do elogiado Pecadinho, sua estreia. 14 anos. Solar de Botafogo (160 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2541-1941. Terça (18), 21h30. R$ 40,00.

MANU SANTOS. Vencedora da 2ª Mostra de Novos Talentos do Carioca da Gema, a cantora que já fez parte do grupo Seresta Moderna lança Nossa Alegria, com samba e outros ritmos brasileiros. 18 anos. Centro Cultural Carioca (200 lugares). Rua do Teatro, 37, Centro, ☎ 2252-6468, ? Carioca. Segunda (17), 20h. R$ 30,00. Cd: R e V.

MÔNICA SALMASO. Interpretações seguras e voz grave fizeram da cantora uma das intérpretes mais aclamadas da atualidade. Escoltada por Teco Cardoso (sopros) e Nelson Ayres (piano), Mônica lança Alma Lírica Brasileira com obras de Heitor Villa-Lobos (Melodia Sentimental), Tom Jobim e Vinicius de Moraes (Derradeira Primavera) e J. Cascata e Leonel Azevedo (Lábios que Beijei). As três constam do programa ao lado de outras que fizeram sucesso na carreira. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Terça (18) e quarta (19), 19h30. R$ 60,00. Bilheteria: 15h/21h (seg.); a partir de 15h (ter. e qua.). TT.

MONIQUE KESSOUS. Depois de dois discos feitos de forma independente, a cantora, de timbre semelhante ao de Marisa Monte, assinou com a Sony e lançou no ano passado o disco homônimo, com produção de Rodrigo Vidal, o mesmo que apresentou Maria Gadú. Com exceção de Sonhos, de Peninha, e Bloco do Prazer, frevo gravado por Nara Leão que fez sucesso na voz de Gal Costa, o restante do repertório é todo autoral. Depois, os DJs da Dancing Cheetah assumem as carrapetas. 18 anos. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Quinta (20), 23h. R$ 50,00.

MXPX. Liderada pelo cantor Mike Herrera, a banda de hardcore e punk rock volta à Lapa para mostrar o som furioso. A formação cristã de seus integrantes fica clara na letra de algumas das músicas pesadas. Abertura do Phonetrio. 18 anos. Circo Voador (2 000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. → Sexta (21), 23h. R$ 100,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); a partir de 12h (sex.). IC.

NEVILTON E TEREZA. Influências de Beatles, Pavement e Los Hermanos podem ser percebidas no som dançante do Nevilton. O trio de Flipi Stipp (bateria), Tiago Inforzato (baixo) e Nevilton de Alencar (guitarra) é uma das atrações do projeto Cedo e Sentado, que traz shows gratuitos. De Niterói, o quinteto Tereza traz o rock suave e redondo. 18 anos. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Terça (18), 21h30. Grátis.

OLIVER PELLET. À frente do contrabaixista Cris Julian e do baterista Victor Bertrami, o guitarrista lança Underwegs, o primeiro disco de músicas próprias. 18 anos. Santo Scenarium (120 lugares). Rua do Lavradio, 36, Centro, ☎ 3147-9007. Quinta (20), 18h30; sexta (21), 20h30. R$ 10,00. Cc: todos. Cd: todos.

ORQUESTRA DE CONGA. Além de sucessos latinos como Mambo nº 5 e Tu Mi Rosa Azul, o conjunto de quinze integrantes faz versões calientes para clássicos da MPB. 18 anos. Clube dos Democráticos (600 pessoas). Rua do Riachuelo, 91, Lapa. Informações, ☎ 9781-2451. Sexta (21), 23h30. R$ 80,00.

O RAPPA. Depois de um curto período de descanso, o grupo está de volta com sua mistura certeira de rock e reggae. Com Falcão nos vocais, faz um show para os fãs cantarem juntos sucessos como Minha Alma, Reza Vela e Pescador de Ilusões. A apresentação de sábado (22) tem ingressos esgotados. 18 anos. Marina da Glória. Avenida Infante Dom Henrique, s/nº, Aterro do Flamengo. Informações, ☎ 3139-4132. Sexta (21) e sábado (22), 23h. R$ 100,00. Ingressos à venda nas lojas Banco de Areia (Shopping Rio Sul) e South (BarraShopping, Via Parque, Nova América, Iguatemi, Ilha Plaza e Shopping Tijuca). www.ingressocerto.com.br.

THAÍS GULIN. Talento musical não falta à cantora curitibana radicada no Rio. Em ôÔÔôôÔôÔ, o segundo disco da carreira, revela-se também compositora. Ela assina, além da faixa autoral, outras quatro. O disco traz canções inéditas de Tom Zé e do namorado Chico Buarque. A próxima apresentação traz duas novidades: De Boteco em Boteco, de Nelson Sargento, e Whisky Bar, de Kurt Weill, 18 anos. Studio RJ (300 pessoas). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Sexta (21), 23h. R$ 50,00.

TUTTI. Formado por Ana Azevedo (piano), Daniel Garcia (saxofone), Lipe Portinho (contrabaixo) e André Tandeta (bateria), o grupo transita entre as músicas erudita e popular com desenvoltura. Na próxima apresentação homenageia dois mestres da música brasileira: o pianista Johnny Alf (1929-2010) e o violonista Baden Powell (1937-2000). Livre. Sala Baden Powell (508 lugares). Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 360, Copacabana, ☎ 2255-1067, ? Cardeal Arcoverde. Sexta (21), 20h. R$ 30,00.

ZÉLIA DUNCAN. Gravados no Theatro Municipal de Niterói, o CD e DVD Pelo Sabor do Gesto ? Em Cena são o registro ao vivo do mais recente disco da cantora, lançado em 2009. Ao repertório acrescentou algumas novidades, entre elas Tom do Amor, a quatro mãos com Paulinho Moska, e Borboleta, em parceria com Alice Ruiz e Arnaldo Antunes. Também merece atenção a homenagem a Roberto Carlos, que inclui Por Isso Corro Demais e uma do lado B da carreira do cantor: I Love You. 16 anos. Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, ☎ 2272-2900. Sexta (21), 22h. R$ 60,00 (setor 3) a R$ 140,00 (camarote A). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR.

EM CARTAZ

ORQUESTRA DE SOPROS DA PRO ARTE. Com direção musical de Raimundo Nicioli e Fernando Trocado, os jovens estudantes de uma das mais conceituadas escolas de música da cidade homenageiam o violonista Guinga. Cada uma das catorze músicas do repertório ganhou novo arranjo, a cargo de nomes como o flautista Carlos Malta e o contrabaixista Zeca Assumpção. Livre. Centro Cultural da Justiça Federal (140 lugares). Avenida Rio Branco, 241, Centro, ☎ 3261-2550, ? Cinelândia. Domingo (23), 19h. R$ 20,00. → www.ccjf.tfr2.gov.br.

Fonte: VEJA RIO