ROTEIRO DA SEMANA

Shows e concertos

As atrações musicais imperdíveis desta semana

Por: Rachel Sterman e Bruna Talarico - Atualizado em

ALEXIA BOMTEMPO. Filha de mãe americana (além de cantora) e de pai brasileiro, Alexia passou parte de seus 28 anos dividida entre os Estados Unidos e o Rio. Essa experiência foi fundamental para a concepção de seu segundo disco, lançado no início de 2012: I Just Happen to Be Here reúne dez das quinze composições de Caetano Veloso com letras em inglês. A cantora empresta às músicas escolhidas ? parte delas nascida no exílio do compositor em Londres, entre 1969 e 1972 ? um ar mais pop e leve. Na companhia de Alexandre Vaz (guitarra), Vig (bateria e eletrônicos) e Guila (baixo), ela desfia, entre outras, London, London e A Little More Blue. Livre. Centro Cultural Ibeu. Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 690, 11º andar, Copacabana, ☎ 3816-9458. Quinta (25), 19h. Grátis. Senhas distribuídas uma hora antes do espetáculo.

ÁUREA MARTINS. Em 2012, a cantora de longa trajetória na noite carioca comemora 72 anos de idade e quatro décadas de carreira com o lançamento de seu primeiro DVD, Iluminante, uma extensão do álbum Até Sangrar. Uma das intérpretes preferidas de Elizeth Cardoso (1920-1990), Áurea começou na Rádio Nacional. No espetáculo batizado com o mesmo nome do DVD, ela entoa sucessos de Moacyr Luz, Dona Ivone Lara e Lupicínio Rodrigues, entre outros, acompanhada por sete músicos. 14 anos. Caixa Cultural ? Teatro Nelson Rodrigues (388 lugares). Avenida República do Chile, 230, Centro, ☎ 2262-8152, ? Carioca. → Sexta (26) e sábado (27), 19h30. R$ 10,00. Bilheteria: 10h/20h (ter. a qui.); a partir das 10h (sex. e sáb.). www.caixa.gov.br/caixacultural.

BELIGERANTES. Rick Yates (voz), Ludhas Nao (guitarra), Fabiano Alano (guitarra e violão), Dande (baixo e flauta) e Lino Ayres (bateria) lançam o primeiro EP da banda, Oh Luta, com autorais que mesclam referências de MPB, rock, jazz e reggae. No repertório, Solavanco, Elvira, Melhor que o Fim e outras. Livre. Reserva + (60 lugares). Avenida Francisco Otaviano, 67, lojas E e F, Copacabana, ☎ 2227-1192. Domingo (28), 18h. Grátis.

CARLOS DAFÉ. O soulman de Vila Isabel comemora 65 anos de vida ao lado da banda formada por Doca (teclado), Felipe Cavalcanti (guitarra), Lotty (baixo), Rodrigo Revelles (sax), Diogo (trompete), Gilmar (bateria) e Jander (percussão). No repertório, uma dançante mistura de samba, choro, forró, música latina, soul e funk. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Terça (23), 19h30. R$ 45,00. Bilheteria: 15h/21h (seg.); a partir das 15h (ter.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

COMANCHES. Formado nas rodas de samba de Santa Teresa, o grupo se dedica ao ritmo, misturado a batidas eletrônicas. No show em formato de grande baile, aparecem sucessos das décadas de 60 e 70, como Praia e Sol, Bebete Vambora e Nêga do Ubaluaê, além de canções próprias. A banda é integrada por Sérgio Pascolato (voz e guitarra), Pedro Selector (baixo, trompete e voz), Robson Riva (bateria e voz) e Francisco Sartori (teclados e voz). Livre. Reserva + (60 lugares). Avenida Francisco Otaviano, 67, lojas E e F, Copacabana, ☎ 2227-1192. Sábado (27), 18h. Grátis.

CUBAN BEATS ALL STARS. O baixista, percussionista e DJ cubano Vladimir Nuñez, integrante do badalado grupo Orishas, reúne-se com Nelson Palacios e DJ Tillo para apresentar o projeto paralelo dedicado ao suingue latino mesclado a batidas eletrônicas. Integram o repertório remixes de clássicos afro-cubanos. 18 anos. Studio RJ (300 lugares). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Quarta (24), 21h30. R$ 60,00. Bilheteria: a partir das 20h30 (qua.). www.studiorj.org.

FEIST. Leia em Veja Rio Recomenda. 18 anos. Circo Voador (2?000 lugares). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. Quarta (24), 23h. R$ 280,00. Bilheteria: 12h/19h (ter.); a partir das 14h (qua.). IC. www.circovoador.com.br.

FORRÓ DE GAFIEIRA. Dois representantes do gênero se reúnem no Casarão Ameno Resedá para uma noite dançante. Perpétuo (triângulo e voz), Jorge Maçarico (sanfona) e Fernando Pé de Cão (zabumba) formam o Trio Pé de Serra, especializado em música regional nordestina, a exemplo de O Forró Está no Ar e Me Dá Teu Coração. Segunda atração da noite, o Trio Bastião é, na verdade, um quarteto formado pelos paulistas Chandler (voz), Timbaleiro (voz e sanfona), Lukinhas (voz e zabumba) e Betão (voz e triângulo). 16 anos. Casarão Ameno Resedá (250 lugares). Rua Bento Lisboa, 4, Catete, ☎ 2556-2427. Sábado (27), 22h30. R$ 40,00. Bilheteria: 14h/22h (seg. a sex.); a partir das 14h (sáb.). Cc: todos. Cd: todos. IR. www.casaraoamenoreseda.com.br.

HENRIQUE CAZES. Uma História do Cavaquinho Brasileiro é o nome do último trabalho do entusiasta do instrumento. Ao lado da cantora Anna Bello, o músico passeia pelo repertório de ícones da era do rádio e pelo trabalho de autores contemporâneos como Paulinho da Viola e Radamés Gnatalli. 14 anos. Teatro Carlos Gomes (685 lugares). Rua Pedro I, 4, Centro (Praça Tiradentes), ☎ 2232-8701, ? Carioca. → Terça (23), 19h. R$ 1,00. Bilheteria: a partir das 18h (ter.).

ISADORA. Inspirados na bailarina americana Isadora Duncan, os cariocas Bruno Cosentino (voz, violão e guitarra), Andrés Patiño (violão e guitarra), Bernardo Prata (baixo), Gabriel Carneiro (bateria) e Pedro Tié (piano e programação) apostam na sobreposição de sons. No disco A Eletrônica e Musical Figuração das Coisas, a banda traz referências buscadas nos americanos do Radiohead, no jazzista John Coltrane, nos brasileiros Tom Jobim e Dorival Caymmi, além do argentino Astor Piazzolla. 14 anos. Oi Futuro Ipanema (120 lugares). Rua Visconde de Pirajá, 54, Ipanema, ☎ 3201-3010, ? General Osório. Sexta (26) e sábado (27), 21h. R$ 20,00. Bilheteria: 15h/21h (ter. a qui.); a partir das 15h (sex.); a partir das 14h (sáb.). www.oifuturo.org.br.

IVE. Brasiliense radicada no Rio há uma década, a cantora lança seu segundo álbum, Sem Moldura, no qual as experiências vividas na Cidade Maravilhosa servem de inspiração para composições. Além dos singles Até Você Passar e Seu Olhar, aparece Nas Margens, feita em parceria com Jorge Vercillo, e Conecte-me to Play, com Isabella Taviani. A última é uma das convidadas da noite, ao lado de Flávio Venturini. A cantora é escoltada, ainda, por Marco Britto (teclado), Marco Vasconcellos (guitarra), André Vasconcellos (baixo) e Pedro Mamede (bateria). 16 anos. Miranda (200 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa, ☎ 2239-0305. Quinta (25), 21h30. R$ 40,00. Bilheteria: 14h/20h (seg. a qua.); a partir das 14h (qui.). IC. www.mirandabrasil.com.br.

JORGE VERCILLO. Há um ano em turnê pelo Brasil e pela Europa com o show Como Diria Blavatsky, Vercillo volta ao Rio para apresentar hits do álbum, a exemplo de Sensível Demais, Memória do Prazer e Nos Espelhos. 16 anos. Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Sábado (27), 22h. R$ 80,00 (pista superior e setor 3) a R$ 180,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a sex.); a partir das 12h (sáb.). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

KARLA SABAH. a vocalista do Afrodite Se Quiser, banda dos anos 80, apresenta seu novo trabalho, Amor Canalha, com composições autorais como a faixa-título, Click no Meu Link e Já É. Além das inéditas, aparecem no programa releituras dos sambas Não me Quebro à Toa e Minha, mais sucessos da jovem guarda e do tropicalismo. 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Quarta (24), 19h30. R$ 45,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. e ter.); a partir das 15h (qua.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

KEITH JARRETT. Leia em Veja Rio Recomenda. 10 anos. Theatro Municipal (2?361 lugares). Praça Floriano, s/nº, ☎ 2332-9191. Quarta (24), 21h. R$ 100,00 (galeria) a R$ 400,00 (balcão nobre e plateia). Bilheteria: 10h/18h (seg. e ter.); a partir das 10h (qua.). IC. www.theatromunicipal.rj.gov.br.

LEILA PINHEIRO CONVIDA EUTERPE. Mestra de cerimônias da série Amazônia Convida, a cantora paraense recebe, no quarto encontro do projeto, a revelação da música roraimense Euterpe. No repértório, a dupla desfia canções do disco de estreia do convidado, Batida Brasileira, uma curiosa mistura de ritmos afro-brasileiros e caribenhos, como marabaixo, naiambing e zouk. 14 anos. Centro Cultural Banco do Brasil ? Teatro II (155 lugares). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Terça (23), 12h30 e 19h. R$ 6,00. Bilheteria: a partir de 9h (ter.) → www.bb.com.br/cultura.

LENY ANDRADE E OS CARIOCAS. Ao lado da inseparável banda Os Cariocas, a cantora solta a voz em clássicos do cancioneiro nacional. Em uma viagem que vai de Cartola a bossa nova ? movimento pelo qual foi uma das responsáveis antes mesmo que ele ganhasse esse nome ?, Leny relembra Chega de Saudade, O Sol Nascerá, Dindi, Samba do Avião e Rio, entre outras pérolas. Os Cariocas atualmente são Severino Filho (piano e voz), Eloi Vicente (violão), Neil Teixeira (baixo) e Fábio Luna (bateria). 16 anos. Teatro Rival Petrobras (472 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Sexta (26) e sábado (27), 19h30. R$ 60,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a qui.); a partir das 15h (sex. e sáb.). IC. www.rivalpetrobras.com.br.

MANÁ. Com mais de 20 milhões de discos vendidos em 25 anos de estrada, Fher Olvera (voz, guitarra e gaita), Juan Calleros (baixo), Alex González (bateria, percussão e voz) e Sergio Vallín (guitarra e voz) voltam ao Rio para apresentar a turnê Drama y Luz. No repertório, uma compilação dos maiores sucessos da carreira da banda, como uma versão para Corazón Espinado, de Carlos Santana, além de Cuando Los Angeles Lloran, Vivir Sin Aire e Mariposa Traicionera, entre outras. 15 anos. Citibank Hall (3?552 lugares). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra, ☎ 4003-6464. → Terça (23), 21h30. R$ 180,00 (pista) a R$ 400,00 (camarote). Bilheteria: 12h/20h (seg.); a partir das 12h (ter.). Cc: todos. Cd: R e V. www.ticketsforfun.com.br. Estac. (R$ 7,00). www.citibankhall.com.br.

MARTN?ÁLIA. No disco mais recente, Não Tente Compreender, a filha de Martinho da Vila troca a influência do samba por pop e rock, sob a produção de Djavan. Com iluminação de Ney Matogrosso, o espetáculo traz as novas Depois Cura (Lula Queiroga), Surpresa (dela com Arthur Maia e Ronaldo Barcellos) e a faixa-título (Marisa Monte e Dadi), além dos sucessos Cabide e Ela É Minha Cara. Mart?nália é acompanhada por um sexteto. 16 anos. Miranda (200 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa, ☎ 2239-0305. Sexta (26) e sábado (27), 21h30. R$ 100,00 a R$ 240,00. Bilheteria: 14h/20h (seg. a qui.); a partir das 14h (sex. e sáb.). IC. www.mirandabrasil.com.br.

MUNDO LIVRE S/A. A apresentação do grupo pernambucano marca o lançamento da campanha Quem São os Proprietários do Brasil?, encabeçada pelo Instituto Mais Democracia. Trata-se de um levantamento dos maiores beneficiários de recursos públicos do país. Fred Zero Quatro (voz, guitarra, violão e cavaquinho), Areia (baixo), Leo D (teclados, samplers e voz), Tom Rocha (percussão e samplers) e Xef Tony (bateria e voz) desfiam suas letras de alto teor crítico ao lado da banda carioca El Efecto. 18 anos. Circo Voador (2?000 lugares). Rua dos Arcos, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. Quinta (25), 0h. R$ 10,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. e qua.); a partir das 14h (sáb.). IC. www.circovoador.com.br.

NX ZERO. Di Ferrero (voz), Daniel Weksler (bateria), Caco Grandino (baixo), Fi Duarte e Gee Rocha (guitarra) celebram uma década de estrada com o lançamento do disco Em Comum. No palco do novo show, vídeos inéditos da banda, além de animações em LED de alta definição. Estão previstas Cedo ou Tarde, Razões e Emoções e Além de Mim, entre outras. 16 anos. Vivo Rio (4?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo, ☎ 2272-2901. Sexta (26), 22h. R$ 50,00 (pista 1º lote) a R$ 90,00 (camarote A). Bilheteria: 12h/21h (seg. a qui.); a partir das 12h (sex.). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

PÉRICLES E SAMBÔ. Para comemorar o centenário da construção que abriga a Fundição Progresso e os trinta anos do movimento cultural que a fundou, sobem ao palco o ex-vocalista do Exaltasamba, Péricles, e o grupo Sambô. Além dos sambas convencionais, aparecem no repertório do grupo clássicos do rock como Mercedes Benz, de Janis Joplin, e Rock?n Roll, de Led Zeppelin, transpostos para o ritmo. Já Péricles se dedica ao repertório do novo disco, Sensações, com as inéditas Cuidado Cupido e Linda Voz. 18 anos. Fundição Progresso (4?000 lugares). Rua dos Arcos, 24, Lapa, ☎ 2220-5070. Sexta (26), 23h. R$ 90,00. Bilheteria: 15h/18h (seg. a qui.); a partir das 15h (sex.). www.fundicaoprogresso.com.br.

RAQUEL BECKER. A cantora lança seu terceiro CD, Sou Tantas, com produção musical do maestro Luiz Brasil. Além de canções autorais, Raquel interpreta sucessos de Nando Reis, Rita Lee e Zeca Baleiro, entre outros. 16 anos. Solar de Botafogo (180 lugares). Rua General Polidoro, 180, Botafogo, ☎ 2543-5411. Sexta (26), 21h. R$ 20,00. Bilheteria: 16h/22h (seg. a qui.); a partir das 16h (sex.). IC. www.solardebotafogo.com.br.

RATOS DE PORÃO. Uma das bandas mais representativas do punk nacional comemora junto com o Circo Voador três décadas de existência. Além dos membros atuais (João Gordo, Jão, Juninho e Boka), sobem ao palco para a celebração os antigos integrantes Jabá, Betinho, Spaguetti, Mingau e Fralda. No programa não podem faltar Beber Até Morrer, Sofrer e Buracos Suburbanos, entre outras. Completam a noite a banda Serial Killer e a discotecagem de Wagner Fester e Theddy-O. 18 anos. Circo Voador (2?000 lugares). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. Sexta (26), 0h. R$ 60,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); a partir das 12h (sex.). IC. www.circovoador.com.br.

RPM. Paulo Ricardo (baixo e voz), Luiz Schiavon (teclados), Paulo P.A. (bateria) e Fernando Deluqui (guitarra) apresentam seu novo trabalho, Elektra, lançado em 2011, depois de uma pausa de 23 anos. No roteiro, as inéditas Muito Tudo, Dois Olhos Verdes e Ela É Demais, além de hits como Olhar 43 e Rádio Pirata. 15 anos. Citibank Hall (3?336 lugares). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra, ☎ 4003-6464. Sábado (27), 22h15. R$ 60,00 (mesas setor palco) a R$ 130,00 (camarote). Bilheteria: 12h/20h (seg. a sex.); a partir das 12h (sáb.). Estac. (R$ 7,00). www.ticketsforfun.com.br. www.citibankhall.com.br.

SEU JORGE. Na companhia de uma banda com onze músicos, o cantor apresenta Músicas para Churrasco ? Volume 1, como A Doida, Vizinha, A Veia e Dia de Comemorar. Já o grupo Funkieira, que abre a noite, homenageia o funk e a gafieira nacionais, entoando faixas de Gilberto Gil a Tim Maia. 18 anos. Fundição Progresso (4?000 lugares). Rua dos Arcos, 24, Lapa, ☎ 2220-5070. Sábado (27), 23h. R$ 140,00. Bilheteria: 15h/18h (seg. a sex.); a partir das 15h (sáb.). → www.fundicaoprogresso.com.br.

VINICUS TERRA. O rapper, que já circulou pela cena undergorund da Europa e da América Latina, lança seu primeiro disco na internet. Ao lado do DJ Machintal, Thaís Villela (backing vocal), Rodrigo Ferreira (baixo) e Daniel Tot (bateria), ele apresenta as autorais Alvará de Licença e O Inverno, revelando um estilo que une a batida do rap à leveza da bossa nova. 18 anos. Studio RJ (300 lugares). Avenida Vieira Souto, 110, 1º andar, Ipanema, ☎ 2523-1204, ? General Osório. Quinta (25), 21h30. R$ 30,00. Bilheteria: a partir das 20h30 (qui.). www.studiorj.org.

CONCERTOS

CASO NO JÚRI. A opereta cômica de 1875, com libreto de W. S. Gilbert e música de Arthur Sullivan, ganha versão inédita em montagens gratuitas realizadas no Salão Histórico do Primeiro Tribunal do Júri, hoje desativado para julgamentos. Interpretada pela Orquestra Sinfônica da UFRJ, a obra será regida por Juliano Dutra. Em cena, 32 cantores ? entre eles seis solistas ? apresentam a versão brasileira de José Henrique Moreira, diretor cênico da montagem. A direção musical é de Marcelo Coutinho, professor da Escola de Música da UFRJ. Salão Histórico do Primeiro Tribunal do Júri ? Antigo Palácio da Justiça (180 lugares). Rua Dom Manuel, 29, 2º andar, Centro, ☎ 3133-3366/3368. Quarta (24) a sexta (26), 19h; sábado (27), 15h e 17h. Grátis. Senhas distribuídas meia hora antes do espetáculo.

NAOKATA TACHIBANA. O maestro japonês estudou com Isaac Karabtchevsky e já regeu orquestras como a de Toulouse e a Filarmônica de São Petersburgo. No Rio, ele apresenta, à frente da Orquestra Petrobras Sinfônica, o concerto Mestre Athayde VIII. Serão executadas a abertura da ópera A Italiana em Argel, de Rossini, a suíte Gli Uccelli, de Respighi, e a Sinfonia Nº 4 em Lá Maior, Op. 90, conhecida como Italiana, de Mendelssohn. O concerto faz parte de uma série da OPES que tem como objetivo a popularização da música clássica: aqui, contrariando a prática comum, o público é estimulado a fotografar e filmar a apresentação, para depois compartilhá-la na internet. Igreja Nossa Senhora do Monte do Carmo (450 lugares). Rua Primeiro de Março, s/n°, Centro, ☎ 2551-5595. Domingo (28), 16h. Grátis. Senhas distribuídas meia hora antes do espetáculo.

ORQUESTRA PETROBRAS SINFÔNICA. O conjunto se apresenta gratuitamente na Arena Jovelina Pérola Negra, na Pavuna, pelo projeto Metrônomo. Sob a regência de Sammy Fuks, fundador da Orquestra Sinfônica Jovem de Zacatecas, no México, a OPES executa composições de Rossini, Carlos Gomes, Guerra-Peixe, Tchaikovsky e Mendelssohn. Arena Jovelina Pérola Negra (330 lugares). Praça Ênio s/nº, Pavuna, ☎ 2886-3886. Terça (23), 15h. Grátis. Senhas distribuídas uma hora antes do espetáculo.

ROMANTISMO NO DNA DA MÚSICA BRASILEIRA. Os jovens e premiados pianistas Flávio Augusto, Patrícia Glatzl, José Carlos Vasconcelos, André Signorelli e Lígia Moreno apresentam temas que representam a influência de compositores românticos europeus no mesmo gênero brasileiro. São obras raramente executadas, de artistas como Carlos Gomes, Francisco Braga, Henrique Oswald, Brasílio Itiberê e Alberto Nepomucemo, que dividirão o programa com clássicos de Schubert, Schumann, Chopin e Listz, possibilitando ao espectador a percepção da influência internacional sobre as composições brasileiras. Espaço Cultural Furnas (192 lugares). Rua Real Grandeza, 219, Botafogo, ☎ 2528-5166. Sexta (26) e sábado (27), 20h; domingo (28), 19h. Grátis. Senhas distribuídas uma hora antes do espetáculo.

Fonte: VEJA RIO