ROTEIRO DA SEMANA

Shows e concertos

- Atualizado em

CARLOS MALTA. Um virtuose com a flauta, saxes e outros instrumentos de sopro, o músico é o primeiro convidado da série Sesi Jazz In Festival, que promoverá cinco apresentações ao ar livre no Parque dos Patins, na Lagoa. Com quase quarenta anos de carreira, Malta presta homenagem à sua grande fonte de inspiração, Elis Regina, com músicas do disco Pimenta, dedicado à cantora. Em releituras jazzísticas, ele passeia por temas consagrados na voz da Pimentinha, como Aquarela do Brasil, Nada Será Como Antes, Águas de Março, O Bêbado e O Equilibrista e Chovendo na Roseira. Livre. Espaço Victor Assis Brasil (Parque dos Patins) (200 lugares). Avenida Borges de Medeiros, s/nº, Lagoa, ☎ 2511-5947. Sábado (31), 18h. Grátis.

EDDIE. A banda pernambucana apresenta o resultado de um ano e meio de trabalho, em seu quinto disco, Veraneio, produzido por BiD. De uma mistura curiosa de punk rock, surf music, frevo, reggae e samba saíram Delírios Espaciais, uma visita dançante à década de 70, Tanta Coisa Na Vida, balada sobre o amor e o cotidiano, e Você Quer Ir Frevar, com jeito de samba antigo. Como os outros trabalhos da banda, o CD é independente. Fábio Trummer (guitarra e voz), Urêa (percussão e voz), Andret (trompete, teclados e samplers), Kiko (bateria) e Rob (baixo) mostram as novas faixas, além de canções de Carnaval no Inferno, de 2008, e Metropolitano, de 2006. 18 anos. Teatro Rival Petrobras (705 lugares). Rua Álvaro Alvim, 33, Cinelândia, ☎ 2240-4469, ? Cinelândia. Sábado (31), 23h30. R$ 50,00. Bilheteria: 15h/21h (seg. a sex.); a partir das 15h (sáb.). TT. www.rivalpetrobras.com.br.

GIPSY KINGS. Originário de assentamentos no sul da França, o grupo cigano estourou no fim da década de 80 com a música Bamboleo e já vendeu mais de 14 milhões de cópias em pouco mais de vinte anos de carreira. A apresentação integra a turnê mundial do último trabalho, Roots, indicado ao Grammy. No repertório, novidades dividem espaço com hits marcantes como Djobi Djoba, Volare e a já citada Bamboleo. 15 anos. Citibank Hall (3?093 lugares). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra. Informações, ☎ 0300 7896846 (9h/21h). Terça (27), 23h. R$ 90,00 (plateia superior) a R$ 450,00 (camarote setor I e cadeira vip). Bilheteria: 12h/20h (sáb. a seg.); a partir das 12h (ter.). Cc: todos. Cd: R e V. www.ticketsforfun.com.br. www.citibankhall.com.br.

JELLO BIAFRA. Estrela punk da banda Dead Kennedys, conhecida nas décadas de 70 e 80 por unir ativimos político e sátira deslavada, o cantor e compositor tem mais de três décadas de carreira, mas demorou um bocado a engrenar com uma banda própria. Em 2009, ao lançar The Audacity of Hype ao lado do quarteto The Guantanamo School of Medicine, ele consolidou a carreira pós-Dead Kennedys. De volta ao Rio, depois de fazer no mesmo Odisseia uma apresentação elogiada em 2010, o roqueiro passeia por hits do Dead Kennedys, como Holliday in Camboja e California Übber Alles, e canções do novo projeto, a exemplo de The Terror Of Tiny Town, Three Strikes e Electronic Plantation. 18 anos. Teatro Odisseia (700 lugares). Rua Mem de Sá, 66, Lapa, ☎ 2266-1014. Quarta (28), 20h. R$ 65,00. Cc: todos. Cd: todos. www.ticketbrasil.com.br/evento/jello-rj.www.matrizonline.com.br.

JOÃO ASSIS BRASIL. O pianista se apresenta no projeto Samba & Outras Coisas, promovido pelo Sesi Cultural na hora do almoço. Além de falar sobre sua trajetória, no repertório, que vai de Chiquinha Gonzaga a Michel Legrand, presta tributo a colegas de instrumento tocando choro, bossa, samba e jazz. Livre. Teatro Sesi (350 lugares). Avenida Graça Aranha, 1, Centro, ☎ 2563-4163, ? Cinelândia. Sexta (30), 12h30. Grátis (senhas distribuídas uma hora antes).

JOÃO BOSCO. Ao lado de Kiko Freitas, um dos melhores bateristas do país, Nelson Faria (guitarra) e Ney Conceição (baixo), o cantor e compositor apresenta as faixas do mais recente disco, Não Vou para o Céu, Mas Já Vivo no Chão, lançado em 2010. Completam o programa sucessos do porte de Memória da Pele, Desenho de Giz e Papel Machê. 16 anos. Casarão Ameno Resedá (250 pessoas). Rua Bento Lisboa, 4, Catete, ☎ 2556-2427. Segunda (26), 20h. R$ 80,00 (mesa) e R$ 40,00 (pista). Bilheteria: a partir das 12h (seg.). Cc: todos. Cd: todos. IR.

JOE COCKER. Em quarenta anos de carreira o astro inglês já gravou vinte álbuns de estúdio, quatro ao vivo, vendeu milhões de cópias em todo o mundo e coleciona troféus. Consagrado em 1968, interpretando um sucesso de John Lennon e Paul McCartney, With a Little Help from My Friends, emendou no ano seguinte o hit Lady Delta, de Leon Russell. Entre as releituras famosas na voz de Cocker estão músicas de Stevie Wonder, George Harrison e Bob Dylan. Para apresentar seu último trabalho, Hard Knocks, lançado em 2010, o cantor de voz rouca visita o Rio. No repertório, os fãs podem esperar With a Little Help from My Friends, You Can Leave Your Hat On e Unchain My Heart, além das novidades. 16 anos. HSBC Arena (10?000 lugares). Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 3401, Jacarepaguá, ☎ 3035-5200. Domingo (1º), 20h30. R$ 100,00 (cadeira nível 3) a R$ 380,00 (cadeira premier). Cc: todos. Bilheteria: 10h/18h (seg. a sáb.); a partir das 10h (dom.). IC. Estac. (R$ 15,00).

LEMBRANDO CAZUZA. Sob curadoria de Marcelo Castello Branco, o festival presta homenagem ao cantor e compositor Cazuza (1958-1990), revelado na banda Barão Vermelho. Em uma série de apresentações, músicos como Leo Jaime, Leoni e Jorge Vercillo lembrarão seus sucessos. Toda a renda será revertida para a Sociedade Viva Cazuza. Leo Jaime abre os trabalhos, com músicas próprias, além dos hits Exagerado e Eu Preciso Dizer que Te Amo. 12 anos. Teatro Fashion Mall (474 lugares). Estrada da Gávea, 899, loja 213, São Conrado, ☎ 3322-2495. Terça (27), 20h30. R$ 60,00.

LÍNOX. O cantor e compositor carioca lança seu novo CD, Me Gustan las Possibilidades, em uma noite temática que vai evocar a atmosfera dos cabarés dos anos 30. Ao lado de Lancaster (baixo), Humberto Barros (teclado), Walter Villaça (cordas) e Thiaguinho Silva (bateria), Línox apresenta canções como Crendice e Palavras Chaves. 18 anos. Erotika (150 lugares). Rua Prado Junior, 63, Copacabana, ☎ 2275-4899. Quarta (28), 22h. R$ 50,00.

LULA QUEIROGA. De volta ao palco para divulgar seu último disco, Todo Dia É o Fim do Mundo, o cantor e compositor pernambucano divide a apresentação com Yuri Queiroga (guitarra), Tostão Queiroga (bateria), Lucky Luciano (baixo), Thiago Hoover (guitarra), Lucas dos Prazeres (percussão) e Jean Pierre (teclados). No programa, Se Não For Amor Eu Cegue, parceria com Lenine, e Poeira de Estrelas, que no CD conta com a participação de Vitor Araújo e Marcelo Jeneci. 18 anos. Circo Voador (2?000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. → Sexta (30), 23h30. R$ 60,00. Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); a partir das 12h (sex.). IC. www.circovoador.com.br.

MARCELO DELACROIX. Próxima atração da série Gauchada Sul Generis, o cantor, compositor e violonista mostra na cidade o repertório de seus dois CDs, Marcelo Delacroix e Depois do Raio, vencedores do Prêmio Açorianos de Música na categoria melhor disco de MPB. Ele é acompanhado por Nico Bueno (baixo), Nicola Spolidoro (violão), Giovane Berti (percussão) e Pedrinho Figueiredo (sax e flauta). Teatro II do CCBB (158 lugares). Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Terça (27), 12h30 e 19h. R$ 6,00. Bilheteria: a partir das 9h (ter.). → www.bb.com.br/cultura.

MICHAEL BUBLÉ. Crooner pop, o canadense que estourou em 2003 com o disco que leva seu nome já vendeu mais de 30 milhões de álbuns e venceu três Grammy ? o último troféu, de 2011, foi pelo álbum Crazy Love, que inspira a visita ao Rio. Com pitadas de (algum) jazz e (muito) pop, o intérprete desfia ao vivo Home, Haven?t Met You Yet e a música de trabalho Holywood, além de releituras dos clássicos Cry Me a River, Feeling Good e Always On My Mind. 16 anos. HSBC Arena (10?000 lugares). Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 3401, Jacarepaguá, ☎ 3035-5200. Sábado (31), 21h30. R$ 220,00 (cadeira nível 3) a R$ 700,00 (cadeira premier). Cc: todos. Bilheteria: 10h/18h (seg. a sex.); a partir das 10h (sáb.). Estac. (R$ 15,00).

MV BILL, EMICIDA E FLORA MATOS. Noitada de rap na Lapa. Além da adesão ao gênero, os três artistas têm em comum a língua afiada. O rapper e escritor carioca apresenta sucessos de Causa e Efeito, como Noite, Soldado do Morro e Falso Profeta. O paulista Emicida despontou na cena do rap em 2011, com um repertório carregado de crítica social que inclui Rua Augusta, Sorrisos e Lágrimas, Triunfo e Eu Gosto Dela. Debochada e irreverente, também de São Paulo, Flora Matos traz Pretin, indicada a hit do ano no MTV Video Music Brasil 2011, e faixas de seu primeiro álbum gravado em estúdio, como Pai de Família, Meu Caminho e um remix de Véu da Noite, da conterrânea Céu. 18 anos. Fundição Progresso (1?500 pessoas). Rua dos Arcos, 24, Lapa,

☎ 2220-5070. Sexta (30), 23h. R$ 60,00. Bilheteria: 15h/18h (seg. a qui.); a partir das 15h (sex.). → www.fundicaoprogresso.com.br.

NAÇÃO ZUMBI. Surgido nos anos 90, o grupo mudou o cenário da música pop brasileira. Para celebrar essa trajetória, a banda gravou em sua terra natal o DVD Nação Zumbi ao Vivo no Recife, e promete repetir a animação da apresentação nesta volta à Lapa. O público vai ouvir, e cantar junto, músicas como Maracatu Atômico, Da Lama ao Caos e Meu Maracatu Pesa uma Tonelada. 18 anos. Circo Voador (2?000 pessoas). Arcos da Lapa, s/nº, Lapa, ☎ 2533-0354. → Sábado (31), 23h30. R$ 60,00 (1º lote) a R$ 80,00 (2º lote). Bilheteria: 12h/19h (ter. a qui.); 12h/0h (sex.); a partir das 12h (sáb.). IC. www.circovoador.com.br.

NANA CAYMMI. Comemorando 70 anos de vida e cinquenta de carreira, a intérprete passeia por clássicos da MPB. Tom Jobim será contemplado em Por Causa de Você, Só em Teus Braços e Outra Vez. O pai, Dorival Caymmi, ela homenageia em Dora, Nem Eu, Só Louco, Marina e João Valentão. Completam o programa canções de compositores como Vinicius e o mexicano Agustín Lara. 16 anos. Vivo Rio (2?000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, ☎ 2272-2900. Sábado (31), 22h. R$ 50,00 (setor 3) a R$ 170,00 (camarote A). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

PAULA FERNANDES. Fenômeno da música sertaneja, a mineira de Sete Lagoas já tinha carreira consistente, mas estourou ao aparecer ao lado de Roberto Carlos no especial de fim de ano do astro, exibido na Rede Globo, em 2010. Desde então, seu repertório sentimental ganhou público. De volta ao Rio, ela divulga o DVD Paula Fernandes ao Vivo, baseado no trabalho de estúdio Pássaro de Fogo. Não faltarão Meu Eu em Você e Jeito de Mato, além da participação de Leonardo, em Tocando em Frente, e de Vitor e Léo em Não Precisa. 15 anos. Citibank Hall (3?336 lugares). Avenida Ayrton Senna, 3000 (Shopping Via Parque), Barra. Informações, ☎ 0300 7896846 (9h/21h). Sexta (30) e sábado (31), 22h. R$ 80,00 (mesa lateral) a R$ 280,00 (camarote). Bilheteria: 12h/20h (dom. a qui.); a partir das 12h (sex. e sáb.). Cc: todos. Cd: R e V. www.ticketsforfun.com.br. www.citibankhall.com.br.

ROGER WATERS. Leia em Veja Rio Recomenda. 14 anos. Estádio Olímpico João Havelange ? Engenhão (55?036 lugares). Rua Arquias Cordeiro, s/nº, Engenho de Dentro, ☎ 4003-5588. Quinta (29), 21h. R$ 180,00 (superior oeste) a R$ 600,00 (pista prime). Bilheteria oficial (Citibank Hall, Avenida Ayrton Senna, 3000, rampa externa do shopping Via Parque, Barra da Tijuca): 12h/20h; a partir das 12h (qui.). www.ticketsforfun.com.br.

SONORIDADES. Ao longo de março, o jornalista e escritor Nelson Motta, responsável pela programação do festival, faz um mapeamento musical das novidades brasileiras. Próxima atração, o compositor e produtor de Pernambuco DJ Dolores mostra seu som cheio de beats que misturam efeitos eletrônicos e acústicos, em mixagens de Gilberto Gil e Tribalistas. Ao lado do guitarrista Robertinho do Recife e Jorge Mautner, o músico encerra a temporada do projeto. 14 anos. Oi Futuro Ipanema (120 lugares). Rua Visconde de Pirajá, 54, Ipanema, ☎ 3201-3010, ? General Osório. Sexta (30) e sábado (31), 21h. R$ 20,00. www.oifuturo.org.br.

VERÃO DO MORRO. Na quinta edição, e no outono, a programação traz duas atrações de peso. Na sexta (30) entra em cena Seu Jorge, munido do repertório de Músicas para Churrasco ? Volume 1. As recém-chegadas Doida e Vizinha dividem espaço com as conhecidas Burguesinha, Chega de Swing e São Gonça. Depois da apresentação tem Festa Americana, embalada por hits das décadas de 80 e 90. No sábado (31), Nando Reis mostra as faixas de MTV ao Vivo Bailão do Ruivão Nando Reis e Os Infernais. O ex-titã faz um gostoso passeio por músicas alheias, de Could You Be Loved, de Bob Marley, a Lindo Balão Azul, de Guilherme Arantes. Depois, os DJs Luizinho e Mario Mamede comandam a Festa Coordenadas, com groove, soul, black e rock. A subida de bondinho está incluída no valor do ingresso. 18 anos. Morro da Urca (2?500 lugares). Avenida Pasteur, 520, Urca, ☎ 2546-8450. Sexta (30) e sábado (31), 22h. R$ 142,00 (2º lote para sexta) a R$ 160,00 (3º lote para sábado). IR. www.veraodomorro.com.br

ZUCCHERO. O italiano, natural de Reggio Emilia, ganhou o apelido de Zucchero (açúcar, em português) ainda na época da escola, dado por uma professora. Há mais de vinte anos na estrada, o cantor e compositor contabiliza mais de 50 milhões de cópias vendidas de hits cantados em inglês e em italiano, como Senza una Donna, seu primeiro sucesso. A versatilidade de estilos de Zucchero rendeu parcerias com Luciano Pavarotti, Sting, Eric Clapton e James Taylor. A apresentação no Rio faz parte da turnê do último álbum, Chocabeck, e incluirá Diamante, Diavolo in Me, You?re So Beautiful. 16 anos. Vivo Rio (2 000 lugares). Avenida Infante Dom Henrique, 85, Aterro do Flamengo, ☎ 2272-2900. Quarta (28), 22h. R$ 90,00 (setor 3) a R$ 350,00 (camarote A). Estac. c/manobr. (R$ 20,00). IR. www.vivorio.com.br.

EM CARTAZ

GAL COSTA. Esta temporada na Lagoa é a primeira empreitada de fôlego assumida pela intérprete desde 2010, quando o lançamento da caixa Gal Total, com sua obra completa até então, inspirou uma turnê nacional. Nas onze faixas de Recanto, com canções compostas por Caetano Veloso, sua voz impecável e precisa, indissociável de hinos tropicalistas como Divino, Maravilhoso, Baby e Vapor Barato, aparece sobreposta a tramas eletrônicas, trabalhadas em softwares de sonorização ? uma tentativa de Veloso de mostrar a amiga em um contexto completamente renovado. Estão no programa, entre outras, Miami Maculelê, mistura inusitada da batida funk carioca com percussão baiana e base eletrônica, a monótona Recanto Escuro, a primeira do disco, Tudo Dói e a melódica Mansidão. 16 anos. Miranda (225 lugares). Avenida Borges de Medeiros, 1424 (2º piso), Lagoa. Quinta (29), sexta (30) e sábado (31), 22h. R$ 400,00 a R$ 800,00. Bilheteria: 14h/20h (seg. a qua.); a partir das 14h (qui. a sáb.). IC. www.mirandabrasil.com.br. Até sábado (31).

PEDRO LUÍS E CONVIDADAS. Associado a bem-sucedidos projetos musicais, como o do grupo A Parede e o Monobloco, e envolvido em produções de vários artistas, o cantor e compositor carioca lançou seu primeiro álbum-solo, Tempo de Menino, em 2011. Na nova casa no Catete, Pedro Luís resgata sucessos antigos, como Miséria S.A. (gravada pelo Rappa), Tá? (gravada por Mariana Aydar), Nas Estrelas (parceria com Sérgio Paes) e Incêndio, da época da Banda Urge, da qual fez parte nos anos 80. Sempre ao lado de um convidado, ele abre a série de apresentações ao lado da sambista Teresa Cristina. 16 anos. Casarão Ameno Resedá (250 pessoas). Rua Bento Lisboa, 4, Catete, ☎ 2556-2427. Domingo (1º), 20h. R$ 100,00. Cc: todos. Cd: todos. IR.

CONCERTOS

DUO RITMATA. Rachel Castro, flautista, e Roberto de Brito, violonista, tocam um repertório que inclui Bartók, Pixinguinha e Piazzolla, entre outros. Centro Cultural Midrash (90 lugares). Rua General Venâncio Flores, 184, Leblon, ☎ 2239-1800. Domingo (1º), 11h. R$ 20,00. Bilheteria: a partir das 10h (dom.). DUO TOCATA DOIS. Os músicos Roberto Velasco (violão) e Rubens Küffer (flauta doce) integram a dupla. O repertório é formado por composições do violonista, como Alla Carybé, Viola de Vidro e Rio Zaire. Baukurs Cultural (30 lugares). Rua Goethe, 15, Botafogo, ☎ 2246-6242. Sexta (30), 20h. R$ 35,00. Bilheteria: a partir das 13h (sex.).

HELEN HEINZLE, VIVIANE SOBRAL E LEONARDO LAGRECA. A soprano, a pianista e o baixo-barítono se juntam na próxima apresentação do programa Sala de Concerto, da Rádio MEC, gravado ao vivo e aberto ao público. Autores espanhóis compõem o repertório. Rádio MEC -- Estúdio Sinfônico Maestro Alceu Bocchino (70 lugares). Praça da República, 141-A, Centro, ☎ 2117-7853, ? Central. Sexta (30), 17h. Grátis.

MÚSICA NO MUSEU. Duas apresentações do projeto ocupam o Museu da República nesta semana. Na quarta (28), a flautista Odette Ernest Dias e o oboísta Noel Devos tocam Beethoven, Bach e Jolivet. Já no domingo (1°), o saxofonista Michel Nirenberg e a pianista Priscila Bonfim se juntam em torno de obras de Ricardo Tacuchian, Nivaldo Ornelas e Heitor Villa-Lobos, entre outros. Museu da República (80 lugares). Rua do Catete, 153, Catete, ? Catete. Quarta (28), 12h30; domingo (1º), 11h30. Grátis. Informações, ☎ 2233-6711.

ORQUESTRA PETROBRAS SINFÔNICA. O conjunto dá prosseguimento à série Mestre Athayde, que promove concertos em igrejas do Rio. Desta vez, o spalla Felipe Prazeres lidera o octeto de cordas da Opes. O programa passa por obras de Felix Mendelssohn e Max Bruch. Paróquia Nossa Senhora da Conceição (400 lugares). Rua Conde de Bonfim, 987, Tijuca. Sábado (31), 16h. Grátis. Informações, ☎ 2551-5595.

ORQUESTRA SINFÔNICA BRASILEIRA. Leia em Veja Rio Recomenda. Teatro Odylo Costa Filho (1000 lugares). Rua São Francisco Xavier, 524, Maracanã (Câmpus da Uerj), ☎ 2334-0681, ? Maracanã. → Sábado (31), 16h. Grátis. Senhas distribuídas uma hora antes do concerto. VENTOS DO RIO. Indicado na edição do ano passado do Grammy Latino como autor da melhor composição clássica, o carioca Sérgio Roberto de Oliveira tem seus temas apresentados pelo trio de flautas formado por Maria Carolina Cavalcanti, Maycon Lack e Rudi Garrido. Centro de Referência da Música Carioca (200 lugares). Rua Conde de Bonfim, 824, Tijuca, ☎ 3238-3831. Quinta (29), 19h30. R$ 1,00. Bilheteria: a partir das 17h30 (qui.).

Fonte: VEJA RIO