COMER & BEBER

Chef revelação: Pablo Vidal (Zazá Bistrô Tropical)

- Atualizado em

Apontado como a promessa da área gastronômica na edição especial do vigésimo aniversário de VEJA RIO, Pablo Vidal vê a consagração chegar rapidamente. O jovem cozinheiro de 23 anos, indicado por quatro dos dez jurados, foi eleito a grande surpresa das caçarolas em 2011. Mineiro criado em Nova Friburgo (RJ), ele começou cedo. Aos 16 anos, matriculou-se no curso de auxiliar de cozinha do Senac. Durante o período letivo, conseguiu estágio na cozinha do Pecado, a extinta casa do mestre-cuca boliviano Checho Gonzales, seu principal mentor e ex-chef do Zazá Bistrô Tropical, posto atualmente ocupado pelo pupilo. Apreciador de vertentes diversas, ele tem uma ligeira queda pela culinária chinesa contemporânea, sobretudo a praticada pelo célebre chef Sursur Lee, dono de restaurantes no Canadá, nos Estados Unidos e em Singapura. No dia a dia à frente de forno e fogão, o que ele gosta mesmo é de inventar pratos que misturam culturas, tendências, aromas e sabores. Uma criação exemplar é o rolinho de cordeiro com couve servido sobre musseline de feijão-branco trufado, entrada que aproxima sua natal Minas Gerais da Itália e da tradição gastronômica daquele país. Outra é o namorado com frutos do mar, pirão thai e cozido de batata-baroa, leite de coco e coentro, uma fórmula "baiano-tailandesa". São receitas agradáveis aos olhos e ao paladar, que têm ainda a contribuição da dona do negócio, Isabella Piereck, a Zazá, entusiasmada pesquisadora de ingredientes mundo afora.

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Fonte: VEJA RIO