COMER E BEBER 2012

Carta ao leitor

- Atualizado em

carta-ao-leitor-abre.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

"O Rio civiliza-se." Pomposa como convinha à época de seu surgimento, a frase cunhada pelo jornalista Figueiredo Pimentel (1869-1914) virou bordão para saudar profundas reformas realizadas no começo do século XX. Era o tempo do bota-abaixo: os cortiços deram lugar à abertura da Avenida Central, atual Rio Branco, e à construção do Theatro Municipal, da sede da Biblioteca Nacional, entre outros prédios imponentes. Pois o bonde da mudança está passando mais uma vez, 100 anos depois. Vêm aí a Copa do Mundo e a Olimpíada, para citar apenas uma parte dessa intensa agenda. A necessária preparação para os grandes eventos, além do bom curso da história, está transformando a cara da cidade ? e a gastronomia carioca, recheada de novidades, acompanha o processo. Com mais de 1?000 endereços e um rigor profundo nas informações publicadas, a edição especial "Comer & Beber" é o retrato desse Rio que busca a excelência. Cada um dos nossos quarenta jurados, todos especialistas na arte de saborear a boa mesa, foi orientado a visitar os candidatos (alguns deles retornaram, mais de uma vez, ao mesmo estabelecimento). Em paralelo, e durante três longos meses, a equipe de reportagem varou madrugadas, apurando e conferindo obsessivamente os dados de 430 restaurantes, 313 bares, 241 lojas de comidinhas e 38 de vinho. Tamanho esforço é recompensado pela convicção de que restaurateurs, chefs e outros personagens do meio valorizam o nosso prêmio como se fosse um Oscar. E que o leitor, nas páginas da revista, ou nas versões para iPad e aplicativo de celular, vai consultar-nos por um ano inteiro. Boa leitura e bom apetite.

Maurício Lima

Fonte: VEJA RIO