ROTEIRO DA SEMANA

Bares

Percorremos os melhores bares do Rio para avaliar os comes e bebes que você deve pedir

Por: Carolina Barbosa - Atualizado em

BARES-RESTAURANTES

GAROTA DA URCA. Com vista para a praia, tem varanda convidativa e cardápio extenso, porém sem maiores ousadias. As sugestões de tira-gosto são os pastéis de queijo, camarão e carne (R$ 16,00, oito unidades) e o bolinho de bacalhau (R$ 14,50, com seis; R$ 26,00, com doze). Para beber, não hesite: o campeão de pedidos é o chope da Brahma (R$ 6,00 a caldeireta).

Avenida João Luiz Alves, 56, lojas A e B, Urca, ☎ 2541-8585/9990 (140 lugares). 12h/1h (sex. e sáb. até 2h30). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 1982.

STALOS. Point das madrugadas de Copacabana, oferece, para beber, chope Brahma (R$ 6,80 a tulipa) e caipirinha (R$ 11,90) de limão, morango ou abacaxi. Aquela fome boêmia pode ser satisfeita com sanduíches como o stalos especial, de iscas de filé, shiitake, cebola e mussarela de búfala (R$ 37,00). Outra boa pedida é a porção de camarão ao alho e óleo (R$ 67,00).

Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 986, Copacabana, ☎ 2521-5143, ? Cantagalo (44 lugares). 24 horas. Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2010.

BOTEQUINS

BAR DO DAVID. Contribuem para o sucesso da empreitada de David Bispo Vieira petiscos como o tropeiro carioca (R$ 18,00), porção de feijão-tropeiro, couve, bacon, carne-seca, linguiça calabresa e laranja, e o delicioso croquete de frutos do mar (R$ 21,90, quatro unidades), com azeite de dendê na massa e recheado sem miséria. Entre os pratos, a feijoada de frutos do mar (R$ 19,00) é a estrela do cardápio. Além da cerveja sempre gelada a R$ 6,00 (Antarctica e Skol) e R$ 7,50 (Original e Heineken), uma novidade que já faz sucesso é a caipimaltine, feita de ovomaltine e vodca ou cachaça (R$ 12,00).

Ladeira Ary Barroso, 66, loja 3 (Chapéu Mangueira), ☎ 7808-2200 (80 lugares). 12h/17h (sáb e dom. até 20h; fecha seg.). Cd: todos. ? Aberto em 2010.

BAR DO OSWALDO. Fundado nos anos 40 por Oswaldo Cardozo, conquistou a clientela com uma receita de família: a mistura curtida de coco, leite condensado e cachaça. A estrela local ainda hoje é a batida, em sabores variados, como maracujá, açaí, bombom, café creme e cocaxi (coco com abacaxi), vendida a R$ 6,00 a dose ou a R$ 36,00 (a garrafa de 1 litro). Para beliscar, prove a linguiça mineira com aipim noisette (R$ 26,90). Sábado é dia de feijoada (R$ 35,00 por pessoa), a partir das 12h.

Estrada do Joá, 3896, Barra, ☎ 2493-1840 (160 lugares). 12h/1h (sex. e sáb. até 3h). Cc: todos. Cd: todos. Avenida do Pepê, s/nº (em frente ao número 1014), Barra, ☎ 2493-1840 (50 lugares). 9h/19h (fecha seg.). ? Cc: todos. Cd: todos. www.bardooswaldo.com.br. Aberto em 1946.

CHOPE E CERVEJA

ARMAZÉM DEVASSA. Instalada no térreo do Hotel Mar Ipanema, a casa conta com cardápio assinado pela chef Andrea Tinoco. Da boa carta de drinques, prove a caipirésima (R$ 16,90), de vodca nacional, alecrim, pouco açúcar, lima-da-pérsia, kiwi, gelo e uma dose de saquê nacional. Servido dentro de pão italiano, o só tem filé (R$ 43,90), com tiras de filé-mignon ao molho madeira, cebola e salsa, é a pedida de tira-gosto. De fabricação própria, o chope chega à mesa nas opções Devassa Loura (R$ 5,80, 300 mililitros), Ruiva, Negra, Índia (R$ 6,80, 300 mililitros) e Sarará (R$ 9,90, 430 mililitros). Em tempo: a casa está servindo na caneca zero grau a Devassa Loura (R$ 8,90, 450 mililitros) e as demais opções (R$ 10,90, 450 mililitros).

Rua Visconde de Pirajá, 539 (Hotel Mar Ipanema), ☎ 2512-2051 (70 lugares). 6h/4h. Cc: todos. Cd: R e V. ↔ → ? www.cervejariadevassa.com.br. Aberto em 2007.

MOVIOLA. Cervejas especiais são a atração principal no bistrô deste interessante misto de locadora de DVDs e livraria. Na lista dos rótulos nacionais, a fluminense Mistura Clássica (R$ 22,90, 600 mililitros) é oferecida na versão pilsen premium. Se a preferência for pelas belgas, a sugestão é a Delirium Tremens (R$ 31,90 long neck). Para comer, escolha entre bruschettas de tomate seco ou de salaminho com curry (R$ 19,90, oito unidades) e o escondidinho de carne-seca com batata-baroa (R$ 19,50). Para dias mais frios, cai bem o caldinho de feijão (R$ 14,90) acompanhado de torradas.

Rua das Laranjeiras, 280, lojas B e C, Laranjeiras, ☎ 2285-8339 (60 lugares). 10h/23h (sex. e sáb. até 0h; dom. a partir das 15h). Cc: todos. Cd: todos. ? ? ↔ www.moviolalivraria.com.br. Aberto em 2005.

DRINQUES

EL BORN. Reduto de inspiração espanhola em Copacabana, a casa ganhou novas opções de cerveja. Entre as dicas, as belgas Früly Strawberry (R$ 31,00, 250 mililitros) e Hoegaarden (R$ 17,00, 330 mililitros) dividem as atenções com a alemã Franziskaner Hefe Weissbier Hell (R$ 18,00, 500 mililitros). Também entraram em cena as espanholas Estrella Damn Barcelona (R$ 15,00, 330 mililitros) e Estrella Damm Inedit (R$ 56,00, 750 mililitros). Destaque local, a seção de drinques traz duas saborosas releituras. Uma delas, o bloody mary (R$ 25,00) chega à mesa defumado: a receita de vodca, suco de tomate, limão-taiti, pimenta e sal de aipo é realçada por um toque de fumaça de alfazema. Para acompanhar, escolha entre tapas como a almôndega de cordeiro ao molho de tomate e o caldo verde (R$ 6,00 cada um).

Rua Bolívar, 17-A, Copacabana, ☎ 3496-1781, Cantagalo (72 lugares). 17h/2h (sáb. e dom. a partir das 15h). Cc: M e V. Cd: R e V. Aberto em 2012.

HAPPY HOUR

AL-FARABI. Bem charmoso, o ambiente é repleto de livros distribuídos por prateleiras ? afinal, trata-se, na origem, de um sebo. Entre os mais de cem rótulos oferecidos figuram a belga Delirium Tremens (R$ 65,50, 750 mililitros), além das escocesas Hard Core IPA (R$ 29,50, 330 mililitros), Brew Dog e Schiehallion (R$ 30,00, 500 mililitros). A seção de tira-gostos exibe salsichão branco fatiado (R$ 10,00) e croquete de carne (R$ 5,00 a unidade). Às terças, a happy hour, a partir das 18h30, é animada por Cristiano Sauer (violão) e André Cunha (violino). Às quartas, entra em cena, no mesmo horário, o Charles Rio Trio.

Rua do Rosário, 30 e 32, Centro, ☎ 2233-0879 (100 lugares). 10h/22h (seg. até 17h; qui. e sex. até 0h; sáb. até 17h; fecha dom.). Cc: todos. Cd: todos. www.alfarabi.com.br. Aberto em 2004.

ANTONIO?S. Vizinho de outro negócio do mesmo dono, o Belmonte. Pelo salão circula a marca registrada das casas do cearense Antônio Rodrigues desde os tempos do Carlitos, na Cinelândia: empadas de camarão com catupiry, de carne-seca com catupiry e de siri (R$ 9,90 a unidade). Também são listadas no cardápio generosas porções de filé aperitivo (R$ 48,00) e de carne de sol à maria bonita, com paçoca e purê de aipim (R$ 51,00). Para regar a conversa, a melhor pedida é o chope Brahma (R$ 5,30, 300 mililitros).

Avenida Mem de Sá, 88, Lapa, ☎ 2224-4197 (120 lugares). 15h/3h (sex. até 4h; sáb. 14h/4h; dom. a partir das 14h). Cc: todos. Cd: todos. www.botecobelmonte.com.br/antonios. ? Aberto em 2007.

CANTINHO DO LEBLON. A casa tem iluminação em tons laranja, rosa e azul, além de um painel com capas de discos de bossa nova e um violão. É um dos poucos lugares no Leblon onde se pode tomar chope Brahma por R$ 5,00. Grelhada, a linguiça toscana sai a R$ 4,00 a unidade. Pedidas mais consistentes, as panelinhas de camarão com catupiry (R$ 38,90) e de carne-seca (R$ 36,90) chegam em belas caçarolas coloridas.

Rua Dias Ferreira, 482, lojas C e D, Leblon, ☎ 2294-0946 (92 lugares). 11h/1h (sex. e sáb. até 2h). Cc: todos. Cd: todos. ? www.cantinhodoleblon.com.br. Aberto em 1978.

ERNESTO. Da cozinha saem pratos típicos da culinária alemã. A lista atual vai de croquete de carne (R$ 17,20 a porção com quatro) a kassler ou joelho de porco (R$ 39,50 cada um) acompanhados de uma guarnição ? repolho-roxo, salada de batata ou lentilha. Incrementada, a carta de cervejas conta com rótulos especiais, como a Erdinger clara, a R$ 18,90 (500 mililitros). A casa acaba de incorporar cinco rótulos da Amazon Beer, de Belém. São eles: açaí, cumaru, priprioca, taperebá e bacuri. Cada sugestão (330 mililitros) custa R$ 16,90.

Largo da Lapa, 41, Lapa, ☎ 2509-6455 (160 lugares). 11h/1h (fecha dom.). Cc: A, D e M. Cd: todos. ? ↔ www.barernesto.com.br. Aberto em 1993.

MÚSICA AO VIVO

BOTERO BAR. Simpático, o ponto fica dentro do Mercado São José, em Laranjeiras. A casa aposta em cascos sempre gelados de Antarctica Original, Serramalte e Heineken (R$ 8,00 cada um). Para acompanhar, um dos achados do cardápio é a saborosa bruschetta de tomate concassé coberta por ovo de codorna frito e farelo de paio crocante (R$ 19,00, seis unidades). Novidade no menu, as almôndegas de barriga de porco são servidas com mostarda artesanal de abacaxi (R$ 29,00, oito unidades) e cesta de pães. No domingo (25), Chico Salles toca forró, enquanto o público se delicia com o baião de dois (R$ 20,00).

Rua das Laranjeiras, 90, ☎ 3235-6314 (75 lugares). 18h/0h30 (qui. e sex. até 1h; dom. 13h/20h). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2012.

GRÉGORA ARTE CAFÉ. O cardápio, com boa gama de petiscos vegetarianos e alguns rótulos de cervejas especiais, vale a visita. A Cerpa Gold (R$ 8,50) é servida em garrafas de 600 mililitros e a Heineken (R$ 5,50), na versão long neck. Para beliscar, prove o bolinho de arroz recheado de shimeji e queijo parmesão (R$ 19,00, cinco unidades), acompanhado de molho de queijo gorgonzola. Uma vez por mês acontecem apresentações de música instrumental ? vale ligar para consultar a programação.

Rua Candido Mendes, 98, loja C, Glória, ☎ 2224-2020, ? Glória (60 lugares). 11h30/23h (fecha dom.). Cc: M e V. Cd: todos. ? ↔ Aberto em 2011.

HORSE?S NECK. Dono de agradável vista para a Praia de Copacabana e com programação de música ao vivo nos fins de semana, o bar do Hotel Sofitel também oferece bom cardápio de tira-gostos. Merecem atenção as trouxinhas de rosbife, rúcula e parmesão (R$ 15,00) e a batata recheada de confit de costela de boi (R$ 15,00). Para beber, a pedida é a caipirinha flights (R$ 38,00), servida em três versões com frutas da estação.

Avenida Atlântica, 4240, nível E (Hotel Sofitel Rio), Copacabana, ☎ 2525-1232 (100 lugares). 8h/2h (dom. a partir das 12h). Cc: todos. Cd: todos. Estac. c/manobr. (R$ 30,00). Couvert art.:

R$ 20,00 (sex. e sáb. a partir das 21h). Aberto em 2005.

Fonte: VEJA RIO