COMER E BEBER 2012

O melhor bom e barato: Artigiano

- Atualizado em

restaurantes-bom-e-barato-01.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

No último ano, quatro casas italianas abriram as portas na cidade: Alloro, a campeã da categoria, Bottega del Vino, CT Trattorie e Vieira Souto. São mesas onde a conta passa facilmente dos 100 reais por pessoa. Com cifras mais acessíveis e deliciosos pratos de massas, o endereço dos irmãos Ana Lúcia e João Carlos Aleixo conquista pela segunda vez o prêmio de melhor relação entre custo e benefício da cidade. No couvert, com pães de produção própria, sempre quentinhos, já é possível ter uma prova do requinte da cozinha. Feitos ma­nual­mente, um a um, os nacos de garganelli levam molho de prosecco, aspargos, endívias e vieiras por R$ 35,80. Outra dica, o delicado tortelli negro é recheado de lagosta ao molho de açafrão (R$ 39,50). Ambos ficam bem na companhia do branco italiano Orvieto Classico DOC 2010 (R$ 54,10), produzido pela Cantine San Marco, sugestão da boa carta, na qual também se encontram preços razoáveis. O serviço eficiente e o ambiente agradável, nos elegantes salões ou na varanda, completam o programa. Aviso importante: não são aceitos cartões de crédito ou débito.

restaurantes-bom-e-barato-02.jpg
(Foto: Redação Veja rio)
restaurantes-bom-e-barato-03.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Avenida Epitácio Pessoa, 204, Ipanema,☎ 2512-6107/3099 (170 lugares). 18h/0h (sex. e sáb. até 0h40; dom. 12h/23h). Estac. c/manobr. Couvert: R$ 9,70 (individual). ? ⑤ www.restauranteartigiano.com.br. Aberto em 1996. $

Fonte: VEJA RIO