RESTAURANTES

Volta

Aberta há pouco mais de um mês, a casa de comida brasileira é a nova empreitada dos donos do bem-sucedido bar de tapas Venga!

Por: Fabio Codeço - Atualizado em

COMIDA ✪✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪✪ | SERVIÇO ✪✪✪

Tomás Rangel
(Foto: Redação Veja rio)

Aberta há pouco mais de um mês, a casa de comida brasileira é a nova empreitada de Fernando Kaplan e Deniel Oelsner, donos do bem-sucedido bar de tapas Venga!. Sem prender-se a regionalismos, o cardápio faz um inventário afetivo de pratos caseiros, preparados com os melhores ingredientes e técnicas. Frango com quiabo, carne de panela, isca de fígado, está tudo lá, em apresentação atraente. Para comandar a cozinha, chegou de São Paulo o chef Fernando Pavan, ex-braço-direito de Ana Luiza Trajano no premiado Brasil a Gosto. Ele criou sugestões deliciosas, como a língua bovina, valorizada por redução de carne e delicada espuma de espinafre (R$ 30,00). Ou a carne assada, desmanchando sob molho do próprio cozimento, ao lado de gratinado de raízes (aipim e batata-baroa) e queijo de coalho (R$ 54,00). Também fez bonito a arraia (curiosamente, um ingrediente recorrente encontrado nas pesquisas de receitas antigas) guarnecida de lentilha e cebola crocante (R$ 54,00). Encerrou o percurso a sobremesa batizada de guloseimas de infância (R$ 22,00), criação de Frédéric de Maeyer que consiste em uma releitura dos chocolates Charge, Prestígio e Chokito, servida sobre maria-mole. Lindas louças garimpadas em feiras de antiguidades também são dignas de nota. Para o bar, foi escalado Jean Ponce (ex-Dalva e Dito, de Alex Atala). O ambiente charmoso, cheio de detalhes, é obra do arquiteto Chicô Gouvêa e do iluminador Maneco Quinderé.

Rua Visconde de Carandaí, 5, Jardim Botânico, ☎ 3204-5406 (58 lugares). 18h/0h (sex. 12h/1h; dom. 12h/18h). Cc: todos. Cd: todos. Estac. c/manobr. (R$ 15,00). Couvert: 12,00 (individual). ⑤ ⑥ (R$ 50,00) → ↔ Aberto em 2013. $$

Dupla jornada: até o fim do mês, a casa deve passar a abrir para o almoço durante a semana

Fonte: VEJA RIO