Da taça ao prato

Vinhos temperam receitas adequadas ao inverno

A bebida dá sabor especial a pratos de peixe, carne, aves e massas. Confira as sugestões dos cinco endereços a seguir

Por: Fabio Codeço - Atualizado em

Bottega del Vino

Bottega_Namorado_Namorado em crosta de batata alho poro e redução de vinho tinto2_média corte
(Foto: Eurivaldo Neves)

A bebida de Baco é a grande especialidade desta casa, na badalada Rua Dias Ferreira, no Leblon. Além da ala de bebidas, ela aparece também na descrição de pratos apetitosos. Uma curiosa combinação traz namorado, um tipo de peixe, em crosta de batata, servido com alho-poró e redução de vinho tinto (R$ 82,00). Mais comum, porém não menos saboroso, o stinco (canela) de vitela é refogado no vinho tinto e servido com risoni (massa em forma de arroz) ao parmesão (R$ 72,00).

Casa da Suíça

1 Soupe Oignons  (1)
(Foto: Divulgação)

Destino certeiro para quem busca pratos para aquecer, o endereço sugere, na entrada, a tradicional sopa de cebola (R$ 24,90). A receita, que leva vinho branco no cozimento, chega coberta de torrada gratinada com queijo parmesão. Outra dica, a panqueca de salmão traz o peixe salteado com cebola, ervas frescas e vinho tinto, misturado a molho branco e finalizado com creme de leite (R$ 46,90). O frango ao curry (R$ 55,00), além de ser flambado com conhaque, recebe um cálice de vinho branco no molho. Acompanha batata rosti, arroz e chutney de manga.

Fasano Al Mare

Filé Mignon com foie gras e trufas_Fasano al Mare_Lipe Borges
(Foto: Lipe Borges)

Italiano no térreo do Hotel Fasano, a casa é comandada pelo chef Paolo Lavezzini. Ele sugere começar pela polenta gratinada com gorgonzola e queijo taleggio (R$ 64,00). Adiante, prove o filetto di manzo alla rossini (R$ 172,00). Trata-se de um filé-mignon regado a redução de vinho marsala (típico da cidade que o batiza, na Sicília), servido com escalope de foie gras, trufas negras, batata e aspargos.

Gero

Risoto del contadino3_Gero_Ricardo Bhering corte
(Foto: Ricardo Bherinh)

Com filiais em Ipanema e na Barra, a casa paulistana de cozinha italiana tradicional sugere, entre os pratos principais, o clássico risotto del contadino (R$ 108,00). A receita leva feijão-rajado e linguiça toscana temperados com vinho tinto. Finalize com a sfogliatina (doce de massa folhada) de maçã verde, servida com sorvete de canela (R$ 39,00). Os preços se referem à unidade da Zona Sul. Na Barra eles são ligeiramente mais baixos.

Margutta

Prato clássico da casa, especializada em cozinha mediterrânea, o pargo ao forno alla neroni (R$ 80,00) ganha sabor especial com o vinho branco colocado na assadeira junto com alecrim, tomate-cereja e alho. O prato vem acompanhado de batata cozida. Se for de massa, prove o nhoque ao molho de açafrão com camarão e abobrinha (R$ 72,50). Hit da casa, este bem brasileiro, o ótimo brigadeiro de colher custa R$ 16,00.

Fonte: VEJA RIO