RESTAURANTES

Quatro endereços para comer trufa branca

Importada de Alba, na região italiana do Piemonte, a rara iguaria, cotada por aqui a R$ 16 000,00 o quilo, ganha temporada nos cardápios cariocas

Por: Fabio Codeço - Atualizado em

Sergio Pagano/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Alloro. O chef Luciano Boseggia criou quatro sugestões que têm a preciosidade como ingrediente. Uma das especialidades do mestre-cuca italiano, a polenta cremosa ganha a companhia de ovo caipira (R$ 280,00), par perfeito para o nobre cogumelo. Outra dica é a costeleta de vitela, guarnecida de massa ou risoto (R$ 390,00). Avenida Atlântica, 1020 (Hotel Windsor Atlântica), Leme, ☎ 2195-7857.

Cipriani. No restaurante do Copacabana Palace, um cardápio especial traz sete receitas, a exemplo do camarão em crosta de batata-baroa com trufa branca (R$ 180,00) e da tagliata de picanha com creme feito da iguaria (R$ 360,00). Outro caminho é optar pelo menu degustação (R$ 680,00), de três pratos e sobremesa. Avenida Atlântica, 1702 (Copacabana Palace), ☎ 2545-8747.

Gero. Nas duas unidades, em Ipanema e na Barra, são preparadas opções de entrada (uma delas é o carpaccio de carne, a R$ 350,00) e de prato principal (a exemplo do risoto de parmesão; R$ 550,00), todas finalizadas com lâminas do cogumelo subterrâneo. Outra dica saborosa incluída na lista, o cabelinho de anjo sai por R$ 550,00. Rua Aníbal de Mendonça, 157, Ipanema, ☎ 2239-8158. Rua Érico Veríssimo, 190, Barra, ☎ 2484-9455.

Roberta Sudbrack. O ingrediente protagoniza as duas opções de menu degustação criadas pela chef Roberta Sudbrack, proprietária da casa no Jardim Botânico: um percurso traz cinco pratos (R$ 650,00) e o outro, nove (R$ 780,00). Rua Lineu de Paula Machado , 916, Jardim Botânico, ☎ 3874-0139.

Fonte: VEJA RIO