enterro dos ossos

Receitas para reaproveitar as sobras da ceia

Profissionais sugerem receitas para preparar pratos deliciosas com o que sobra dos jantares de Natal e Ano Novo

Por: Redação VEJA RIO

Com a família toda reunida, os jantares de Natal e Réveillon costumam ter mesa farta e com opções variados dos tradicionais pratos de fim de ano. A fartura vai desde os pratos principais, com peru, pernil, bacalhau e outras especialidades, até a sobremesa, com rabanadas, frutas e o tradicional panetone. Mas a verdade é que, muitas vezes, as sobras também são grandes e rendem ainda por muitos dias após as festas.

Para você aproveitar da melhor maneira os ingredientes que não foram consumidos nos jantares, há alguns truques fáceis. As carnes de peru, chester e tender, por exemplo, podem ser desfiadas ou cortadas em cubos e passadas na frigideira com um fio de azeite e cebola em tiras. “Assim, elas podem ser servidas como recheio de sanduíche ou usadas para fazer um escondidinho”, explica Fabiane Alheira, nutricionista do Senac RJ.

+ Receitas originais de rabanadas para fazer em casa

Consultamos chefs e outros profissionais da área, que indicaram receitas que podem ser preparadas com esses ingredientes e deixar o “enterro dos ossos” ainda mais gostoso. Tome nota!

Bolo de Natal

bolo de natal da nigella
Bolo de Natal da Nigella (Foto: Reprodução)

Uma das receitas que a cozinheira britânica Nigella Lawson ensina em seu livro Nigellissima Especial de Natal é a do bolo italiano feito de panetone e gotinhas de chocolate. Bonito e fácil de fazer, ele é preparado com mascarpone e pistache.

Clique para ver a receita.

Risoto de bacalhau com frutas passas e castanhas portuguesas

O chef Massimo Torresan, do restaurante italiano Fratelli, indica a receita de risoto para utilizar as sobras do bacalhau. Fácil de preparar, o prato leva ainda castanhas e passas. 

Clique para ver a receita.

Brulèe de panetone

brulée de panetone grand cru barra
Brulée de panetone do Grand Cru Barra (Foto: Divulgação)

O conceito desta receita desenvolvida pela restaurateur Marília Dias, da Grand Cru Barra, é justamente o de “enterro dos ossos” – o doce foi criado em uma ocasião em houve muita sobra do tradicional bolo em uma ceia de Natal e ela decidiu reaproveitá-lo de uma forma diferente. Hoje, a especialidade está no menu do wine bar da loja (R$ 14).

Clique para ver a receita.

Bolinho de bacalhau com espinafre

A nutricionista do Senac, Fabiane Alheira, explica que a sobra das postas de bacalhau pode ser desfiada e transformada no tradicional bolinho. Sua sugestão é preparada com espinafre e assada no forno.

Clique para ver a receita.

Salada de bacalhau com grão de bico

monique benoliel
Salada de bacalhau do chef Pedro Benoliel (Foto: Rodrigo Azevedo)

O chef Pedro Benoliel, do Buffet Monique Benoliel, desenvolveu uma receita leve de salada de bacalhau. O prato é preparado com grão de bico e frutos secos e oleaginosas, como castanha-do-pará, nozes e amêndoas.

Clique para ver a receita.

Pavê de panetone

Uma das sobremesas mais práticas das mesas brasileiras, o pavê é a sugestão do restaurante Il Borsalino para aproveitar as sobras do panetone. O doce é preparado com abacaxi em calda e essência de baunilha.

Clique para ver a receita.

Rabanada de panetone Gratinado 

rabanada de panetone do Victoria
Rabanada de panetone gratinado do Victoria (Foto: Divulgação)

Um dos destaques natalinos do menu do restaurante Victoria, a rabanada gratinada é preparada justamente com outro tradicional ingrediente da época. O chef Marcones Deusprepara o doce com panetone, que é servido ao creme inglês com frutas salteadas no vinho do Porto e especiarias (R$25,50).

Clique para ver a receita.

 

Fonte: VEJA RIO