domingo no parque

Programas diferentes para o Dia das Mães

Uma lista com dez atividades bacanas e originais para você curtir o domingo junto com ela

Por: Luna Vale

Esqueça as filas em restaurantes ou a cozinha suja em casa para aquele tradicional almoço em família no Dia das Mães. Aproveite o domingo e leve a matriarca da família para fazer programas originais e inusitados em lugares diferentes da cidade. As opções variam para os diversos tipos de mães, como subir uma trilha no Leme ou ver um concerto na Ilha Fiscal.

+ 450 formas de curtir o Rio

1.       Visitar o Parque Natural Paisagem Carioca

Vista - Trilha Babilônia RIOSUL
Vista do alto da trilha da Babilônia (Foto: Divulgação)

As diversas trilhas do parque criado em 2013 com 160 hectares levam a mirantes com belas vistas das praias da região como Leme, Copacabana e Botafogo. A área das trilhas da Babilônia e São João, que teve mais de 50 hectares reflorestado, ganhou 23 placas de sinalização ao longo do caminho com informações sobre a botânica e curiosidades sobre a história do local, que era usado por índios para ligar o litoral ao interior da cidade. 

Em 1995 começou um projeto de reflorestamento que plantou 60 mil mudas nativas da região.  O local é acessível por três pontos: pelo Forte do Leme, pelo Morro da Babilônia ou pelo Parque da Chacrinha.

+ Chefs criam receitas especiais para o Dia das Mães

2.       Ver um concerto de harpa na Ilha Fiscal

Riotur
Ilha Fiscal (Foto: Pedro Kirilos)

O imponente castelinho inaugurado pelo imperador Dom Pedro II, em 1889 se destaca na Baía de Guanabara. Atualmente, a ilha abriga um museu histórico-cultural, mantido pela Marinha do Brasil, que reúne relíquias do período imperial. A visita em si já vale a pena (confira aqui como visitar) mas nesse domingo, cariocas e turistas terão um motivo a mais para ir à Ilha: um espetáculo poético de harpas com o duo italiano Sonata Cuasi Capricciosa

3.       Passear pelo Morro da Conceição e arredores

Jardim Suspenso do Valongo
(Foto: Tatiana Dantas DivulgaçÃo)

Com a revitalização da Zona Portuária, a região ao redor do Morro da Conceição se tornou um ótimo passeio repleto de programas culturais e históricos. O local foi um dos primeiros a ser ocupado na cidade ainda no século XVI. Na Praça Mauá, o Museu de Arte do Rio (MAR) ocupa dois prédios com oito salas de exposições e abriga um restaurante no terraço, de onde é possível apreciar a bela vista da Baía de Guanabara. Para conhecer um pouco mais da história da cidade, vale uma visita ao Jardim Suspenso do Valongo, que além de uma área de lazer ao ar livre e mirante abriga uma exposição com achados arqueológicos durante as obras no local.

4.       Assistir a um balé gratuito no Theatro Municipal

Theatro Municipal
Theatro Municipal oferece balé gratuito (Foto: Alexandre Macieira/Riotur)

A série apelidada de Trajetórias oferece concertos e espetáculos de dança de diversos estilos sempre aos domingos e a preços populares. Mas a apresentação deste domingo (10) às 11h30, o Balé da Cidade de São Paulo, será gratuito. O grupo de dança contemporânea criado em 1968 se destaca na América do Sul com seu rigor e padrão técnico.

5.       Aproveitar o último dia do Comida di Buteco

Bar do Bode Cheiroso
Bar do Bode Cheiroso (Foto: Marcos Pinto)

O concurso que reúne petiscos de 45 estabelecimentos chega ao fim neste domingo. Uma ótima desculpa para passar o dia de bar em bar e levar a mamãe junto! Confira aqui uma lista com os destaques da competição e aqui todos os participantes.

6.       Correr no parque com as crianças

Parque da Cidade Divulgação
Parque da Cidade (Foto: Divulgação)

Se o seu filho não tem idade o suficiente para ler essas dicas, talvez você prefira um programa mais lúdico. Aproveite então os diversos parques ao livre espalhados pela cidade para levar os filhotes onde eles podem correr e brincar à vontade. Algumas dicas são o Parque da Cidade, Parque Guinle, Parque Lage e Jardim Botânico.

7.       Ouvir um chorinho no Parque das Ruínas

Parque das Ruínas
Vista do Parque das Ruínas (Foto: Alexandre Macieira/Riotur)

Todo domingo o Centro Cultural recebe o projeto Choro no Parque, criado por jovens músicos moradores de Santa Teresa. A cada semana, um músico convidado se junta ao grupo que toca entre 12h e 14h, sempre de graça e com a bela vista que o bairro oferece. Neste domingo, a participação é do violonista, compositor e arranjador peruano Sergio Valdeos. Para complementar o programa, vale aproveitar um brunch no Café das Ruínas.

8.    Conhecer a Ilha da Gigoia

Escondida em plena Barra, hoje atrás de um shopping, mas acessível através de uma balsa. O lugar é tranquilo e sem carros, podendo ser conhecido em uma caminhada de cerca de 30 minutos. O pôr do sol é um espetáculo à parte. A ilha tem boas opções de bares e restaurantes.  Uma ruela entre o Barra Point e o prédio da Unimed dá acesso a área onde se pega a barca, que sai 24h por dia.

9.       Ver a vista da Pedra Bonita

Pedra Bonita
É um dos locais que sofreu com a insegurança. É mais conhecido pelos praticantes do vôo livre, que saltam de asa delta da famosa rampa, construída a 696 metros de altura. Onde: Estrada da Pedra Bonita, acessada pela Estrada das Canoas. (Foto: Redação Veja rio)

Para quem não tem ânimo de escalar a Pedra da Gávea, sua vizinha oferece uma bela vista. É possível chegar de carro para ver de perto os corajosos pulando de asa-delta e parapente. Os mais animados podem ainda subir a trilha que começa ali na rampa de pulo e chegar ao topo da formação rochosa, de cara para a irmã mais famosa. A subida de carro é feita pela estrada das Canoas, em São Conrado.

10. Parque Ecológico Chico Mendes

Parque Ecológico Chico Mendes - Divulgação
Parque Ecológico Chico Mendes (Foto: Divulgação)

Pouco conhecido pela maioria dos cariocas, o parque que é uma das principais áreas de proteção ambiental da cidade, tem atrações capazes de agradar a toda a família. No espaço verde de 44 mil metros quadrados, é possível fazer trilhas, ver jacarés de papo amarelo e outros tipos de animais e plantas.

Fonte: VEJA RIO