diversão

Confira 40 atrações gratuitas para curtir o fim de semana

Um guia com programas para se divertir sem gastar dinheiro, com teatro, shows, exposições e muito mais

Por: Redação VEJA RIO - Atualizado em

SHOWS

Arlindo Cruz

Arlindo Cruz
Arlindo Cruz faz show na Quinta da Boa Vista (Foto: Divulgação)

O Sesc Rio recebe promove uma programação especial na Quinta da Boa Vista, neste domingo (23), em homenagem ao Dia da Consciência Negra. As atividades incluem oficina de tranças nagô (10h), roda de capoeira (11h), danças populares (12h), contação de histórias (13h), espetáculo infantil (15) e, para encerrar a festa, show do sambista Arlindo Cruz (17h), com seus maiores sucessos.

Quinta da Boa Vista, São Cristóvão. Domingo (23), 17h.

Rogê e Luis Carlinhos

A Riotur promove o já tradicional show que abre a alta temporada na cidade. A novidade é que, este ano, o evento será realizado na Barra da Tijuca (antes era realizado em Ipanema). O festival Abertura do Verão acontece na areia da praia, na altura da Praça do Ó, e conta com os as apresentações de Rogê e Luis Carlinhos, com abertura da banda Ultravolts.

Praça do Ó, Barra da Tijuca. Sábado (22), 19h.

Teresa Cristina

Teresa Cristina
Teresa Cristina se apresenta em praça no Centro (Foto: Divulgação)

A cantora faz uma apresentação gratuita na praça Pedro Lessa, no Centro. O show, promovido pelo SESI Cultural, vai contar com músicas de sucesso de nomes como Paulinho da Viola, Caetano Veloso e Chico Buarque, além de composições  da própria Teresa, como A Vida me Fez Assim” e Cordão de Ouro.

Praça Pedro Lessa, Centro. Sexta (21), 17h.

+ Veja mais shows na cidade

TEATRO

Microteatro RJ

Sete peças curtas (com cerca de quinze minutos de duração cada uma) são encenadas simultaneamente e em loop no Castelinho do Flamengo, às sextas e aos sábados, das 20h às 22h15. A entrada é franca. Confira a curiosa programação em abr.ai/microteatro. 16 anos.

Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho (Castelinho do Flamengo). Praia do Flamengo, 158, Flamengo, ☎ 2205-0655. Sexta e sábado, 20h às 22h15. Grátis. Até 6 de dezembro.

André Rebouças, o Engenheiro Negro da Liberdade

História e ficção se mesclam neste musical para contar a história de André Rebouças (1838-1898), o primeiro engenheiro negro do Brasil (aqui vivido por Leandro Vieira). O texto é de José Miguel da Trindade e André Luiz Câmara, esse último também diretor da montagem. Direção musical de Caio Cezar (70min). 14 anos.

Centro Cultural Ação da Cidadania. Avenida Barão de Tefé, 75, Saúde (140 lugares). Quinta a sábado, 19h. Até 29 de novembro. Grátis.

+ Confira todas as peças em cartaz na cidade

ESPECIAL

Febril

Febril
Febril (Foto: Divulgação)

O Circo Crescer e Viver apresenta em sua lona o espetáculo livremente inspirado na obra de Gabriel García Márquez. Dirigida por Luis Igreja, a montagem brinca com os personagens arquetípicos que transitam pelas histórias fantásticas de Gabo. Onze artistas formados pelo Circo estarão no picadeiro e, além de diversas técnicas circenses - como acrobacias, aéreos, portagem, diabolôs e malabares - a produção reúne ainda linguagens como a dança e o teatro, que se harmonizam na construção das cenas, e contam ainda com música ao vivo interpretada pelos próprios artistas.

Circo Crescer e Viver. Rua Carmo Neto, 143, Cidade Nova (ao lado do metrô Praça Onze). Quinta a sábado, 20h; domingo, 19h. Retirada de ingressos uma hora antes do espetáculo. Até 23 de novembro.

Baile de Gala do Sarau do Escritório

Sarau Escritório
Sarau Escritório ocupa a Lapa (Foto: Divulgação)

A Lapa recebe o a edição comemorativa de um ano da ocupação artística da Praça João Pessoa, evento mensal idealizado pelo Coletivo Peneira e realizado pelo Mufa Produções. Cerca de 100 atrações vão passar pelos quatro palcos montados nas esquinas das ruas Mem de Sá com Gomes Freire, durante oito horas de programação, o que inclui microfone aberto para quem quiser experienciar. Música, poesia, performance, teatro, dança, circo, além de instalações plásticas, libertação e lançamento de livros, bazar de roupas, editorial de moda e um circuito gastronômico de comidas artesanais produzidas por coletivos que vendem seus artigos em eventos de rua, fazem parte das atividades.

Praça João Pessoa, s/n°, Lapa. Sábado (22), 14h às 22h.

Festival da Cor da Gente

A Batalha do Passinho
A Batalha do Passinho: filme será exibido do domingo (23) (Foto: Divulgação)

Comemorado nesta quinta (20), o Dia da Consciência Negra ganhou uma programação mais que especial na Arena Dicró, na Penha. O espaço recebe, de quinta (20) a domingo (23), o Festival da Cor da Gente, com oficinas, exposição de fotos, shows, feira de artesanato, exibição de filmes, desfile de moda, batalha de passinho e mais. Clique aqui para ver a programação completa.

Arena Dicró. Avenida Brás de Pina, s/n, Parque Ary Barroso, Penha (acesso pela Rua Flora Lobo). Tel: 3486-7643. Entrada é gratuita, com exceção do show AR21, que custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

Feira Crespa

O projeto tem o objetivo de incentivar a valorização da beleza das mulheres negras e de elementos da cultura afro-brasileira dentro território onde vivem. O evento na Arena Jovelina contará com show da rapper Mc Marjan, do grupo Jongo do Afrolage, do grupo de Funk Os Descolados e das bandas Visão Periférica, que mistura maracatu com ritmos urbanos como o Funk e o Rap, e Sintonia Black. Além de shows, haverá mesas de discussões, tenda de beleza, oficinas, batalha de looks, com o desfile de cinco jovens escolhidas pela equipe da Feira Crespa e pela equipe Mil Sonhos, concurso Mister Raça Zumbi e outros.

Arena Jovelina Pérola Negra. Praça Ênio, Pavuna. Domingo (23), 14h às 20h.

Longines Rio Equestrian Festival

A competição de hipismo de salto reúne os principais nomes do país na sétima etapa do Campeonato Brasileiro. Além da competição, o público pode curtir os restaurantes do local e uma sunset party, que acontece depois da disputa. 

Sociedade Hípica Brasileira. Avenida Borges de Medeiros, 2448, Lagoa. Quinta (20), 12h às 19h; sexta (21), 11h às 19h; sábado (22), 8h30 às 17h30; domingo (23), 9h às 16h.

+ Confira mais passeios na cidade

CINEMA

A Casa Assassinada

Nina, uma mulher típica da cidade grande, casa-se com um fazendeiro poderoso e vai morar no interior de Minas. Lá ela se depara com uma família em decomposição, decadente e uma cidade curiosa com sua situação.

Escola de Cinema Darcy Ribeiro. Rua da Alfândega, 5, esquina com a rua 1º de Março. Tel: 2233-0224 . Sábado (22), 14h.

+ Confira todos os filmes em cartaz na cidade

CONCERTOS

52º Festival Villa-Lobos

A parte dedicada a concertos na variada programação do festival traz ótimas atrações. Na segunda (17), a violonista franco-venezuelana, radicada no Rio, Elodie Bouny, lança os discos Novas 1 e Novas 2 no Espaço BNDES, com participação de seu colega de cordas Zé Paulo Becker. Na quarta (19), no mesmo espaço, o Quarteto Radamés Gnattali promove a estreia mundial do Quarteto em Sol, de Claudio Santoro. O conjunto de sopros Art Metal Quinteto celebra na quinta (20), na Sala Funarte Sidney Miller, seus vinte anos de atividade. As três apresentações acontecem no mesmo horário: 19h. Espaço BNDES (400 lugares). Avenida Chile, 100, Centrol, ☎ 2172-7447. Grátis. Sala Funarte Sidney Miller (207 lugares). Rua da Imprensa, 16, térreo, Centro, 2279-8087. Grátis. Distribuição de ingressos uma hora antes. Confira a programação completa aqui.

+ Confira mais concertos em cartaz na cidade

CRIANÇAS

Ouro — O Fio que Costura a Arte do Brasil

Ouro — O Fio que Costura a Arte do Brasil
Chuva de 50.000 folhas douradas de Laura Vinci: inspiração nas oficinas (Foto: Joana França/Divulgação)

Em cartaz no CCBB, a exposição Ouro — O Fio que Costura a Arte do Brasil enche os olhos de adultos e crianças. Além dos trabalhos de trinta artistas reunidos na exibição, a turma miúda encontra farta programação paralela inspirada pelas obras expostas. Logo na entrada, a chuva de milhares de folhas douradas na instalação de Laura Vinci atrai a atenção. No Laboratório InCorpoAurum, aberto diariamente às 11h, 13h, 15h e 17h, um ourives ensina os pequenos a criar adornos com materiais parecidos com os usados pela artista. Na sessão Cantos e Contos, no sábado e no domingo, às 16h, histórias temáticas, como A Águia dos Ovos de Ouro e Ali Babá e os Quarenta Ladrões ganham espaço. Também no roteiro dos fins de semana, com início às 15h, a atividade Pequenas Mãos Ciranda de Estrelas mistura o tradicional jogo de amarelinha com lições sobre a confecção de objetos a partir de material dourado (40min cada atividade). Rec. a partir de 3 anos.

Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2070. Grátis. Distribuição de senhas meia hora antes.  Até 5 de janeiro de 2015.

Exposições Playmobil

Playmobil
Os bonecos cabeçudos e de cabelo engraçado ganhavam vida em cenários como postos de gasolina, navios pirata, naves espaciais e o que mais a imaginação permitisse. (Foto: Redação Veja rio)

Modelos variados do brinquedo integram duas mostras no Museu Histórico Nacional: Com a Palavra, D. Leopoldina, Imperatriz do Brasil e 40 Anos Playmobil — O Sorriso Mais Famoso de Todos os Tempos. Na primeira, é possível ver os bonequinhos de 7,5 centímetros vestidos como personagens da história do Brasil, como dom Pedro I e sua esposa, a imperatriz Leopoldina. Na outra, é traçado um panorama da evolução do brinquedo ao longo dos últimos quarenta anos. Livre. 

Museu Histórico Nacional. Praça Marechal Âncora, s/nº, Centro, ☎ 3299-0360. → Terça a sexta, 10h às 17h30; sábado e domingo, 14h às 18h. R$ 8,00 (entrada franca aos domingos). Até 1º de março de 2015 (Com a Palavra, D. Leopoldina, Imperatriz do Brasil) e domingo (23) (40 Anos Playmobil — O Sorriso Mais Famoso de Todos os Tempos).

Cozinhando com a Química

Já pensou em fazer um sorvete em cinco minutos? No sábado (22), às 16h, o Museu de Astronomia e Ciências Afins vai desvendar as propriedades moleculares e os segredos dessa doce receita gelada na oficina Cozinhando com a Química. 

Rua General Bruce, 586, São Cristóvão, ☎ 3514-5200. Grátis.

✪✪✪ Um Amigo Diferente?

Um Amigo Diferente?
Um Amigo Diferente?: acessibilidade tratada de forma inteligente e bem-humorada (Foto: Paulo Rodrigues)

Baseada no livro homônimo da jornalista Claudia Werneck, a peça retrata de forma inteligente e bem-humorada a temática da acessibilidade. Com o auxílio de recursos como intérprete de Libras e audiodescrição, a criançada confere a história de Lucas (Paulo Ricardo Filho), menino considerado esquisito pela vizinhança. Ao lado de seu glamouroso gato Bandidão (Bruno Nunes), ele terá três dias para arrumar dois amigos verdadeiros e salvar o seu querido álbum de figurinhas de rock das mãos do irmão mais velho. Direção de Marcos Nauer (60min). Rec. a partir de 5 anos. Estreou em 25/10/2014. Teatro Ipanema (222 lugares).

Rua Prudente de Morais, 824, Ipanema, ☎ 2267-3750. → Sábado e domingo, 16h. Sessões extras na quinta (20), 10h e 14h30. Grátis. Distribuição de senhas a partir das 14h (sáb. e dom.). Até 14 de dezembro.

Leonardo - o Pequeno gênio da Vinci

Leonardo o pequeno gênio da vinci
Leonardo - O Pequeno Gênio Da Vinci: apresentações no Parque das Ruínas (Foto: Divulgação)

Leonardo é uma criança irrequieta que vive na tranqüila e pequena aldeia de Vinci e passa os dias desenhando e tentando realizar seu maior sonho: construir uma máquina de voar. É considerado uma figura "excêntrica" pelo pai e pelos habitantes de Vinci. Seus únicos amigos de verdade são os pássaros! Até que um dia surge a oportunidade de ir estudar em Florença, cidade desenvolvida e rodeada de arte e cultura. Mas para isso, Leonardo terá que provar seu valor a todos.

Parque das Ruínas. Rua Murtinho Nobre, 169, Santa Teresa. Sábado, 11h. Até 14 de dezembro.

Clubinho do Downtown

No sábado (22), as crianças poderão se divertir com camarim disco, música com mini-instrumentos, oficina de reciclado, massa mágica e estátua. No domingo (23), tem contação de histórias, oficina de reciclado com rolo de papel higiênico, camarim do pirata, tatuagem, dobradura e desenho. As atividades são voltadas para crianças de até oito anos de idade.

Downtown. Avenida das Américas, 500, Barra da Tijuca. Sábado (22) e domingo (23), 16h às 19h.

Natal nos shoppings

Clique aqui para conferir as atrações natalinas dos shoppings da cidade.

Hora da Criança

A livraria Saraiva promove programação infantil gratuita para as crianças com contação de histórias e outras atividades em diferentes unidades. Na primeira história, será mostrado com os bonecos, o porquê dos cachorros tornarem-se um dos bichos de estimação prediletos e na segunda, descobrirão muitos mistérios de um bicho muito diferente - o morcego, que tem asas, mas não é pássaro, tem dentes, mas não é gente!

NorteShopping. Av. Dom Hélder Câmara, 5474, Cachambi. Sábado (22), 16h.

Shopping Tijuca. Av. Maracanã, 987, Tijuca. Sábado (22), 16h.

+ Veja mais atrações infantis na cidade

+ Dez casas que preparam menus infantis

EXPOSIÇÕES

✪✪✪ Figura Humana

Cristina Canale
Anjo (2014), óleo da carioca Cristina Canale: um dos nomes mais destacados na coletiva (Foto: Divulgação)

O nome dado a esta coletiva, Figura Humana, explica bem o seu conceito: trata-se de uma reuniãode obras que têm em comum a presença de pessoas. Fora isso, há o fato de que são todas criações pictóricas de artistas brasileiros. E só. Com tão reduzidos pontos de contato, é de esperar que, mesmo com eventuais altos e baixos, a seleção entregue uma atraente variedade estética. De fato, é isso que se vê na Galeria 4 da Caixa Cultural. Com curadoria do crítico e historiador da arte Raphael Fonseca, a exposição traz21 trabalhos produzidos por artistas de diversas faixas etárias. Membro destacado da Geração 80, a carioca Cristina Canale tem exibida uma das mais belas criações do acervo, o óleo sobre tela Anjo (2014), com o ser alado sem traços faciais definidos — característica comum a boa partedas figuras humanas em sua obra. Na outra ponta há o artista mais jovem da mostra, o também carioca Rodrigo Martins, com o óleo Gesso (2014), reprodução de um busto inacabado feito com o material que dá nome à obra. Embora haja predominância de telas,a presença de outros suportes, como linho, madeira, metal e papel, também garante a diversidade da exposição.

Caixa Cultural — Galeria 4. Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3815, ↕ Carioca. → Terça a domingo, 10h às 21h. Grátis. Até 14 de dezembro. 

Amador Perez

Na mostra Memorabilia — Amador Perez — 40 Anos, 115 obras oferecem um panorama da produção do artista. Entre os destaques estão Gioventù, série de 63 desenhos a grafite e lápis de cor inspirados na pintura homônima de Eliseu Visconti.

Centro Cultural Correios. Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro, ☎ 2253-1580. → Terça a domingo,12h às 19h. Grátis. Até 7 de dezembro.

✪✪✪ André Gardenberg

A paisagem do pantanal mato-grossense, cujas belezas inspiraram o poeta Manoel de Barros, é o ponto de partida da exposição Perto do Rio Tenho Sete Anos. Na série inédita, o fotógrafo procura traduzir em imagens o universo dos versos do autor. O visitante escuta poemas de Barros na voz do ator Pedro Paulo Rangel.

Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. → Quarta a segunda, 9h às 21h. Grátis. Até 19 de dezembro.

Azul Cobalto – Azulejos e Memórias

Será exposta a Coleção do sócio do Grupo Scenarium Nelson Torzecki, garimpada, ao longo de mais de 20 anos. A exposição é composta por cerca de 100 painéis estruturados a partir de peças utilizadas dos séculos XVI ao XX, algumas nunca expostas anteriormente.

Galeria Scenarium. Rua do Lavradio, 15, Lapa. Tel: 2252-9138. Terça a sábado, 13h às 19h.

As Mulheres de Ziraldo 

As Mulheres de Ziraldo 6
As Mulheres de Ziraldo (Foto: Divulgação)

A mostra, que fica em cartaz até o dia 29 de novembro, reúne dezesseis desenhos do cartunista, com aproximadamente dois metros de altura cada. Inspiradas em imagens famosas, as telas gigantes pintadas em acrílico levaram quase seis anos para serem concluídas e integrarem a coleção.

Galeria Scenarium. Rua do Lavradio, 15, Lapa. Terça a sábado, das 13h às 19h. Tel: 3147-9017. Grátis. Até 29 de novembro.

Brecheret — Mulheres de Corpo e Alma

Italiano naturalizado brasileiro, Victor Brecheret (1894-1955) é um dos maiores escultores do país. Para lembrar os 120 anos de seu nascimento, a exposição reúne 37 esculturas e 107 desenhos de várias de suas fases. A seleção de trabalhos é toda dedicada ao universo feminino.

Centro Cultural Correios. Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro, ☎ 2253-1580, ↕ Carioca. → Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. Até 7 de dezembro.

✪✪✪ Cruz-Diez: um Olhar sobre a Cor

Cruz Diez
(Foto: Reprodução)

Expoente da arte cinética, o venezuelano tem quinze trabalhos expostos. No acervo, a série Physichromie parece tecer um eterno jogo de “agora você vê, agora não vê mais”. Desenhos geométricos com profundidade também saltam aos olhos ou se escondem conforme o visitante se desloca diante da obra. Preços sob consulta.

Galeria de Arte Ipanema. Rua Aníbal deMendonça, 173, Ipanema, ☎ 2512-8832. →Segunda a sexta, 10h às 9h; sábado, 11h às 15h. Grátis. Até o dia 29.

Dias & Riedweg

Repleta de referências ao período da Guerra Fria, a instalação Cold Stories é o destaque na mostra da dupla formada pelo carioca Mauricio Dias e pelo suíço Walter Riedweg. Juntos desde 1993, eles apresentam outras cinco obras no local.

Casa França-Brasil. Rua Visconde de Itaboraí, 78, Centro, ☎ 2332-5120. → Terça a domingo, 10h às 20h.Grátis. Até o dia 30.

EAV 75.79 — Um Horizonte de Eventos

A mostra celebra a gestão inaugural da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, sob direção de Rubens Gerchman (1942-2008). Um grande material documental divide espaço com gravuras feitas em 1976, na EAV, por Avatar Moraes, Dionísio Del Santo, Eduardo Sued, Roberto Magalhães e o próprio Gerchman, entre outros.

Escola de Artes Visuais do Parque Lage — Cavalariças e Capela. Rua Jardim Botânico, 414, Jardim Botânico, ☎ 3257-1800. Segunda a sexta, 14h às 18h; sábado e domingo, 14h às 17h. Grátis. Até 11 de janeiro de 2015.

✪✪✪ Em 1964

Pequena, a mostra exibe acervo variado, cheio de achados interessantes, sobre a cultura em 1964, ano do golpe militar. Cerca de oitenta obras reunidas, oriundas de campos variados, como literatura, fotografia, cinema e música, compõem a exposição.

Instituto Moreira Salles. Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea, ☎ 3284-7400. → Terça a domingo, 11h às 20h. Grátis. Estac. grátis. Visitas guiadas de terça a sexta, às 17h. Até 4 de janeiro de 2015.

Edu Chaves – Época Heroica da Aviação

No ano que se completa 100 anos do primeiro voo Rio – São Paulo, o Museu Aeroespacial realiza a exposição com fotos, recortes de jornais e documentos que retratam a época. Eduardo Pacheco Chaves foi um piloto civil brasileiro, pioneiro nas ligações aéreas entre São Paulo e Rio de Janeiro. O primeiro voo sem escalas aconteceu em 5 de julho de 1914, pilotando um Blériot 80 HP. 

Museu Aeroespacial. Avenida Marechal Fontenelle, 2000, Campos dos Afonsos. Tel: 2108-8954. Terça a sexta, 9h às 15h; sábado, domingo e feriados, 9h30 às 16h. Até 29 de março de 2015.

✪✪✪ Geraldo de Barros

O interesse do artista pela fotografia abstrata prevalece na exposição com mais de 300 obras. Destaque para a extensa seleção de imagens dedicadas à sérieFotoformas, que abasteceu uma mostra realizada por Barros na primeira sede do Masp, em 1951. São trabalhos que enfatizam geometrismos, figuras borradas e fotos realizadas a partir de negativos submetidos a manipulações variadas.

Instituto Moreira Salles. Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea, ☎ 3284-7400 e 3206-2500. →Terça a domingo, 11h às 20h. Grátis. Estac. grátis. Visitas guiadas quinta e sexta, às 17h. Até 22 de fevereiro de 2015.

✪✪✪ Horacio Coppola

Horacio Coppola
Fotografia de Horacio Coppola: atração no Instituto Moreira Salles (Foto: Divulgação)

Em Luz, Cedro e Pedra — Esculturas do Aleijadinho Fotografadas por Horacio Coppola, são exibidas 81 imagens feitas pelo fotógrafo argentino nas cidades mineiras de Congonhas do Campo, Sabará e Ouro Preto em 1945.

Instituto Moreira Salles. Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea, ☎ 3284-7400 e 3206-2500. → Terça a domingo, 11h às 20h. Grátis. Estac. grátis. Visitas guiadas quinta e sexta, às 17h. Até 4 de janeiro de 2015.

Joana Cesar

Na individual Nome, a artista exibe dez trabalhos em técnica mista sobre madeira, com as laterais altas, como se fossem caixas. Neles, ela insere fotos de sua infância, retratos de pessoas que marcaram sua vida, desenhos antigos da mãe e poesias próprias, entre outros fragmentos de sua existência. A partir de R$ 5 000,00.

Athena Contemporânea. Avenida Atlântica, 4240 (Shopping Cassino Atlântico), lojas 210 e 211, ☎ 2513-0239. → Segunda a sexta, 11h às 19h; sábado, 12h às 18h. Grátis. Até 13 de dezembro.

✪✪✪ Ouro — Um Fio que Costuraa Arte do Brasil

Fruto de uma inédita parceria do CCBB com a joalheria H. Stern, a coletiva apresenta instalações, desenhos, objetos, esculturas, fotos, pinturas e joias criados por trinta artistas, sempre com o ouro ou materiais dourados em comum. Marcam presença nomes consagrados, a exemplo de Anna Bella Geiger, Cildo Meireles e Antonio Dias.

Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. → Quarta a segunda, 9h às 21h. Grátis. Até 5 de janeiro de 2015.

Rodrigo Matheus

Em individual batizada como Do Rio e para É to Rio and From, o artista exibe uma série inédita de instalações, esculturas e colagens produzidas durante temporada no Rio, após quatro anos no exterior. Os trabalhos são construídos a partir de postais enviados do Rio para a Europa ao longo do século XX, combinados a postais enviados da Europa e encontrados na capital carioca em pleno século XXI. R$ 16 000,00 a R$ 60 000,00.

Silvia Cintra + Box 4. Rua das Acácias, 104, Gávea, ☎ 2521-0426. → Segunda a sexta, 10h às 19h; sábado, 12h às 18h. Grátis. Até 6 de dezembro.

Pela Lente do Amor: A MPB em fotos de Cristina Granato e Mario Luiz Thompson

Tom Jobim , Milton Nascimento e Chico Buarque Ensaio casa Tom - Dezembro 1989
Tom Jobim, Milton Nascimento e Chico Buarque em ensaio na casa de Tom, em dezembro de 1989 (Foto: Cristina Granato)

A mostra, que ocupa o segundo andar do Imperator, reúne os acervos de dois fotógrafos consagrados pelo registro da memória da música popular brasileira. O público poderá acompanhar mais de 40 anos da história da música através de imagens raras dos artistas no palco, nos camarins, estúdios de gravação e em momentos de intimidade. Clique aqui para saber mais.

Imperator. Rua Dias da Cruz, 170, Méier. Segunda a sexta, 13h às 22h; sábados e domingos, 10h às 22h. Grátis. Tel: 2597-3897.

✪✪✪ Ron English

Ron English
Uma espécie de Hulk bebê em frente à bandeira americana: referências múltiplas (Foto: Divulgação)

A individual reúne mais de uma centena de obras do artista americano, que definiu seu estilo como “popaganda”. Seus trabalhos misturam referências de cena pop, história da arte, propaganda, quadrinhos e música. À parte o deleite visual, sobram farpas para marcas famosas, de redes de fast-food a cartões de crédito.

Caixa Cultural — Galeria 2 e 3. Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3815, ↕ Carioca. → Terça a domingo, 10h às 21h. Grátis. Até 21 de dezembro.

Tomie Ohtake

A caminho dos 101 anos, que completa no dia 21, a artista plástica nascida no Japão, radicada no Brasil desde a década de 30, exibe cinco grandes telas inéditas nas quais explora monocromia, texturas e relevos. Preços sob consulta.

Galeria Nara Roesler. Rua Redentor, 241, Ipanema, ☎ 3591-0052. → Segunda a sexta, 10h às 19h; sábado, 11h às 15h. Grátis. Até o dia 22.

Virei Viral

Dora Reis - Memorabilia
Dora Reis - Memorabilia (Foto: Divulgação)

O Centro Cultural Banco do Brasil, no Centro, recebe a segunda edição da mostra Virei Viral. Sob o mote Identidades e Coletividades, a exposição obras de artistas brasileiros e estrangeiros que questionam, sob diferentes olhares e linguagens, o impacto da cibercultura - especialmente as redes sociais - no comportamento dos indivíduos. Até 22 de dezembro. Clique aqui para saber mais.

+ Veja mais exposições em cartaz na cidade

Fonte: VEJA RIO