noitada

Oito festas agitam a noite carioca

Feijoada no Maracanã e noite mista de eletrônico e hip-hop na Leopoldina. Confira o que há de melhor na programação

Por: Rafael Cavalieri - Atualizado em

Base

bruce leroys
A dupla Bruce Leroys anima a festa Base (Foto: Reprodução Facebook)

A estação de trem desativada da Leopoldina receberá a festa pela primeira vez. O motivo é especial: celebração de seis anos desde a primeira edição. Serão dois palcos montados para tocar diferentes estilos: hip-hop e eletrônico. No primeiro, nomes como Saraiva e Tucho são os destaques. Já no segundo, tocam Bruce Leroys e Nepal. Estação Leopoldina. Avenida Francisco Bicalho, s/nº, Centro. Sábado (6), a partir das 22h. R$ 100,00 (mulheres, 1º lote) e R$ 160,00 (homens, 2º lote). www.bilheteriadigital.com.br.

Dukesa — 5 anos

Celebrando o aniversário de cinco anos, a festa volta ao Sacadura 154. Nove DJs, entre eles Bonnis Maxx, vindo de São Paulo, Felipe Malfoy e Rebeca Foxx, vão se dividir em duas pistas. Sacadura 154. Rua Sacadura Cabral, 154, Saúde. Sábado (6), 23h. R$ 90,00 (pista, 2º lote) e R$ 130,00 (área VIP, 2º lote). ICE.

+ Veja mais destaques da noite carioca

Feijoada Premium — Stella Artois

A combinação clássica de roda de samba e feijoada vai ter como cenário o Maracanã. Será possível usfruir open bar de Stella Artois até 18h e o bufê com o prato até 19h30. Antes e depois do show, DJs animam a pista. Maracanã. Avenida Maracanã, s/nº, portão D, ↕ Maracanã. Sábado (6), 16h. R$ 180,00 (mulheres, 2º lote) e R$ 240,00 (homens, 2º lote). ICE.

Disritmia

Disritmia
Festa Disritmia volta ao Leme (Foto: Patrick Gomes)

A festa volta à Pedra do Leme para um preview da próxima temporada de verão, que está em campanha de financiamento coletivo no Catarse para ser realizada. Comandado pela DJ Lili Prohmann, o evento gratuito une o melhor da música brasileira ao pôr do sol com vista para a Praia de Copacabana, com repertório que vai desde clássicos da MPB a novas descobertas no cenário da música regional brasileira. Esta edição tem participação especial do DJ Lencinho, do Circo Voador.

Praça Almirante Julio de Noronha, Leme. Sábado (6), 16h20. Grátis. Em caso de chuva o evento será cancelado.

Festa A Carioca

Serão quatro atrações de peso na primeira edição da festa que quer celebrar o espírito do carioca em privilegiada vista da Baía de Guanabara. A principal é o baile do Sapucapeta, mas nas carrapetas figuras carimbadas da noite como os DJs Tartaruga, Wally e Bê Castelo fazem o som. 

Clube Santa Luzia. Avenida Silvio de Noronha, 300, Centro. Sábado (6), 23h. R$ 80,00 (mulheres, 1º lote) e R$ 120,00 (homens, 1º lote). ICE.

To-Toma

A festa de funk, que sugiu em 2009 após um papo despretensioso entre amigos, está de volta à cena alternativa carioca. Leo Justi (Heavy Baile), Fabio Heinz (Wobble), Bertoletti (Doom) e Fernando Schlaepfer (I Hate Flash) se reunem para um revival na Fosfobox. A edição especial conta ainda com show da funkeira Tati Quebra Barraco. 

Fosfobox. Rua Siqueira Campos, 143, Copacabana. Sexta (5), 23h. R$ 30,00 (com nome na lista até 1h), R$ 40,00 (com nome na lista após 1h) e R$ 50,00 (sem nome na lista).

Homegrown 9 anos convida Madureira Disco Clube

DJ King
DJ King é um dos convidados da festa (Foto: I Hate Flash)

A Homegrown, marca que é um misto de shop e galeria de arte, comemora nove anos com festa no Centro do Rio. Para animar a pista, o evento convida a Madureira Disco Clube, com os DJs King (SP), Rodrigo S. (Wobble), Saddam vs. Rapha Lima, RV e Ambassodors (The Groov) tocando o melhor da black music. O evento comemora ainda o lançamento do selo Music is the Weapon e a parceria com a marca de bonés New Era. 

Espaço Franklin. Avenida Passos, 36, Centro. Sábado (6), 23h. 1° lote: R$ 40 (feminino) e R$ 50 (masculino).

Quintal Sertanejo

A noite sertaneja começa com um karao­kê. Na sequência, tem show da dupla Ugo e Bruno, além do melhor do estilo tocado pelos DJs da casa. 

Maraca Lagoa. Avenida Borges de Medeiros, 1426, Lagoa. Sábado (6), 23h. R$ 40,00 (mulheres, 1º lote) e R$ 60,00 (homens, 1º lote). ICE.

Fonte: VEJA RIO