Cultura

Evento no Vidigal reúne arte e moda

Intitulada Vidi Arte, coletiva no Mirante do Arvrão exibe obras de doze artistas na sexta (24) e no sábado (25)

Por: Carolina Barbosa - Atualizado em

Psiu Au Au e Noite no Pantanal (2014): trabalhos do artista Mano Penalva que estarão em exibição
Psiu Au Au e Noite no Pantanal (2014): trabalhos do artista Mano Penalva que estarão em exibição (Foto: Mano Penalva/Divulgação)

 

Já queridinho dos cariocas por ter uma das mais belas vistas do Rio, o Morro do Vidigal vai ganhar mais uma atração neste fim de semana. Trata-se da Vidi Arte, coletiva que reúne obras de doze artistas, além dos alunos da Casa Geração, escola de moda localizada na favela, na sexta (24) e no sábado (25). A mostra reúne trabalhos como as pinturas em spray e acrílica sobre papel do artista plástico soteropolitano radicado em São Paulo Mano Penalva, Psiu Au Au (2014) e Noite no Pantanal (2014). Ex- aluno da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, ele, que acabou de voltar de uma temporada em Nova York, exibe ainda Caras (2014), intervenção realizada com acrílica sobre uma capa da revista homônima. Outro destaque da coletiva é a fotógrafa carioca Patricia Thompsom, conhecida por seus cliques urbanos.

Caras (2014): pintura feita sobre capa da revista por Mano Penalva
Caras (2014): pintura feita sobre capa da revista por Mano Penalva (Foto: Mano Penalva/Divulgação)

Fotojornalista, Vivi D’Avila apresenta a série inédita Eu Sou Arte, feita com moradores de rua. Na lista figuram ainda nomes como Anna Parisi, Anna Fischer, Carol Cruz, Felipe Duarte, Guilherme Maueler, Marcel Serrano, Joana Passarelli e Letícia Heger. Para comer, o morador João, figura já conhecida no morro, levará ao evento seu famoso hambúrguer. 

A quem interessar possa: as obras expostas estarão à venda. Para facilitar o acesso, haverá transporte em kombis que sairão do Caneco 70, na Rua Rainha Guilhermina, no Leblon, a cada meia hora pelo valor de R$ 10. 

Serviço:

Vidi Arte: sexta (24), de 18h às 22h. Sábado (25), de 14h às 20h. Grátis. 

 

 

 

.

 

Fonte: VEJA RIO