De 1º a 5 de julho

Programação paralela da Flip

Confira as atrações programadas por editoras e centros culturais na Festa Literária Internacional de Paraty

Por: Luna Vale

FLIP
Programação espalhada pela cidade é alternativa à Tenda dos Autores (Foto: Divulgação)

+ Atividades paralelas ganham força e animam a Flip

  • Programação Casa Rocco (Rua da Matriz, esquina com Rua Comendador José Luiz)

2 de julho (quinta)

11h As cores de Clarice: com a palavra os ilustradores Odilon Moraes, Suryara e Kammal João. Mediação de Manon Bourgeade.

15h Literatura para nerds. Por Mariana Rolier, editora executiva do selo Fábrica231.

19h Dupla exposição: Projeção de fotos e debate com Paloma Vidal e Elisa Pessoa. Mediação de Miguel Conde.

3 de julho (sexta)

11h – Hora de Clarice: Uma conversa sobre A hora da estrela, de Clarice Lispector. Coordenação do grupo #leiamulheres.

15h – Isso é coisa de criança? Religião, filosofia e morte: Frei Betto e Jacques Fux. Mediação de Elisa Menezes.

17h - Eu é Rimbaud e Rimbaud é um outro: Lucia Bettencourt. Apresentação de Miguel Conde.

19h – Sobre poetas e detetives: Sarau e entrevista com Sophie Hannah. Mediação de Miguel Conde (evento em inglês).

21h – Desperdiçando rima: Sarau com Karina Buhr. Apresentação de Mariana Rolier.

4 de julho (sábado)

11h – Dupla autoria: escrever e ilustrar o livro infantil. Paula Browne e Alexandre Rampazo. Mediação de Manon Bourgeade.

15h – Ocupação do espaço literário: autores e personagens fora do padrão, com Aline Valek. Mediação de Larissa Helena.

17h - Conexão Havana-Araguaia: Frei Betto e Guiomar de Grammont. Mediação de Pedro Vasquez.

19h – Brochadas: confissões sexuais e invenções literárias: Jacques Fux e Eliane Robert Moraes. Mediação de Pedro Vasquez.

  • Casa do Instituto Moreira Salles

2 de julho (quinta)

17h Eucanaã Ferraz

18h José Ramos Tinhorão

19h Maureen Bisilliat

3 de julho (sexta)

15h Jorge Mautner

16h Diego Vecchio

17h Leonardo Padura

18h Beatriz Sarlo

4 de julho (sábado)

15h Reinaldo Moraes

16h Roberto Pompeu de Toledo

17h Alexandra Lucas Coelho

18h Rafa Campos

O Instituto Moreira Salles, em parceria com o Sesc, preparou uma programação especial dedicada ao artista Geraldo de Barros e ao mestre Pixinguinha.

3 de julho (sexta)

19h30: lançamento do livro Geraldo de Barros e a Fotografia; bate papo sobre a obra de Geraldo de Barros com Fabiana de Barros e Michel Favre e exibição de trechos do filme Sobras em Obras, de Michel

4 de julho (sábado)

19h30: aula show Pixinguinha na Flip, com Anna Paes (violão e voz) e Pedro Paes (clarinete e saxofone); arranjos comentados das caixas de partituras Outras pautas e Carnaval de Pixinguinha e exibição do filme com o espetáculo Pixinguinha na Pauta  

A Casa do IMS na Flip tem ainda uma loja/livraria com as publicações e produtos do Instituto Moreira Salles.

  • Casa da Liberdade

2 de julho (quinta)

12h – Abertura da Casa da Liberdade para visitação

16h – Painel “Inovação e Conhecimento: Metamorfoses de Poder e Cultura”- Palestrantes: Marcos Troyjo e Rodrigo Abreu Mediadora: Karim Miskulin

17h30 – Painel “Estética da Palavra; Estética da Imagem” - Palestrantes: Lúcia Bettencourt e Renan Cepeda Mediadora: Cintia Carnut

19h – Coquetel de inauguração da Exposição “A Fotografia Invisível de Renan Cepeda”seguido de show de música popular brasileira.

21h30 – Encerramento

3 de julho (sexta)

12h às 21h30 – Exposição “A Fotografia Invisível de Renan Cepeda” – Aberta para visitação.

15h – Painel “A Liberdade dos Contemporâneos e seus Impedimentos no Brasil de Hoje” - Palestrante: José Álvaro Moisés Apresentação: Priscila Pereira Pinto

16h15 - Painel “Brasil e os Pilares da Liberdade” - Palestrantes: Christian Lohbauer e Luiz Felipe D’Ávila Mediadora: Karim Miskulin

18h - Apresentação do Projeto “Corrupteca”, maior biblioteca digital sobre corrupção do mundo - Palestrantes: Roberto Gazzi, Giovanni Eldasi e José Álvaro Moisés Mediadora: Ana Paula Conde

19h30 – Coquetel de confraternização da Casa da Liberdade seguido de show de música ao vivo.

21h30 – Encerramento

4 de julho (sábado)

12h às 21h30 – Exposição “A Fotografia Invisível de Renan Cepeda” – Aberta para visitação

15h – Painel “Desafios do Brasil: Instituições e Infraestrutura” - Palestrantes: Adriano Pires, Marcello Hallake e Antonio Carlos Borges Mediadora: Priscila Pereira Pinto

16h30 – Painel “O Estado da Democracia na América Latina”  - Palestrantes: Fernando Schuler e Maria Celina D’Araújo Mediadora: Ana Paula Conde

18h15 – Painel “Lidar com Tempos Difíceis” - Palestrantes: Eugênio Mussak, José Ernesto Bologna e Leandro Narloch Mediador: Pedro Neves

20h – Coquetel de confraternização da Casa da Liberdade seguido de show de música ao vivo.

21h30 – Encerramento das atividades da Casa da Liberdade

  • Off Flip das Letras (Rua da Lapa, 375 | Centro Histórico)

2 de julho (quinta)

14h -  Godofredo de Oliveira Neto apresenta o romance Menino oculto. Mediação: Carolina Drago

14h30 - A difusão da literatura brasileira no exterior – com Stéphane Chao (antologista, tradutor e  agente literário). Mediação: Ovídio Poli Junior

15h - O cordel nordestino – com Carlito Lima (mediação: Alexandre Camargo Malachias)

15h30 - Carlito Lima e Ovídio Poli Junior conversam com Maurício Melo Júnior sobre sua trajetória como escritor, jornalista e produtor cultural

16h - Musas e músicas: as mulheres por trás das grandes canções da MPB – bate-papo com a autora Rosane Queiróz. Mediação: Valéria Martins (Oasys Cultural)

16h30 - Bate-papo sobre o livro Mapas literários: o Rio em histórias, 22 contos que passeiam pela cidade do Rio de Janeiro – com Ninfa Parreiras (organizadora), Marcela Afonso Fernandez e Pepita Sampaio (autoras). Mediação: Flávio de Araújo

17h - Descontroles: excessos e impulsos na vida e nos livros. O abuso do álcool, o transtorno da bipolaridade e os efeitos da violência no contexto da juventude são os temas da mesa que reunirá três romancistas: Stella Rebecchi (Fundo do céu), Nathalia Alvitos (Lavínia: no limite) e Anatole Jelihovschi (A morte e os seis mosqueteiros). Mediação: Anna Beatriz Mattos

17h30 - Sessão de autógrafos com Godofredo de Oliveira Neto, Maurício Melo Júnior, Rosane Queiróz, Ninfa Parreiras, Marcela Afonso Fernandez, Pepita Sampaio, Anatole Jelihovschi e Nathalia Alvitos 

19h - Elisa Lucinda apresenta o romance Fernando Pessoa, o cavaleiro de nada, autobiografia ficcional do poeta português (mediação: Ovídio Poli Junior)

20h - Sessão de autógrafos com Elisa Lucinda

20h30 às 22h - Ritos cotidianos na selva das cidades: lançamento do livro Sociedade Vertical de Caco Pontes + bate-papo entre o autor e a escritora Juliana Bernardo (Edições Maloqueiristas) com leituras e intervenções poéticas + pocket-acústico do compositor João Sobral (mediação: Flávio de Araújo.

3 de julho (sexta)

14h - Antonio Carlos Klein apresenta Judas Tomé, onde expõe textos milenares sobre o suposto irmão gêmeo de Jesus (mediação: Lucas Cordeiro)

14h45 - A nova literatura policial brasileira, um gênero em ascensão – com Raphael Montes, Luiz Biajoni e Fernando Barreto. Mediação: Valéria Martins (Oasys Cultural)

15h30 - Mercado editorial na era do Wattpad e WhatsApp – Paula Cajaty, Márcia Soares e Valéria Martins falam sobre literatura e redes sociais (mediação: Anna Beatriz Mattos)

16h - O escritor e o mercado editorial: como publicar e divulgar o primeiro livro. Palestra-oficina com Guiomar de Grammont (escritora e coordenadora do Fórum das Letras de Ouro Preto).

17h - O próximo capítulo da autopublicação: desafios e oportunidades para o autor na era digital. Mesa de debate com Cristiane Costa, Vanessa Bosso e Raphael Secchin (mediação: Ovídio Poli Junior)

18h - Coquetel de apresentação da plataforma Bibliomundi (a Bibliomundi é uma plataforma de autopublicação, edição, conversão e distribuição de livros digitais, com informações inteligentes acerca do perfil do leitor e da leitura da obra)

19h - Convescote na praia da sereia - bate-papo com Carlito Lima com leitura de textos por alunos do IFAL - Palmeira dos Índios (mediação: Flávio de Araújo)

19h30 - Roda literária - Mario de Andrade  com alunos do IFAL - Palmeira dos Índios e Clube de Leitura Passarinhar (Org.  Vanusia Amorim e Edneide Ferreira Leite)

20h - Claufe Rodrigues fala sobre o romance Cachorras e toca algumas composições (mediação:

21h - Sessão de autógrafos com Carlito Lima e Claufe Rodigues

4 de julho (sábado)

10h - Bate-papo com Caio Carmacho (Livre-me) e Allan Dias Castro (O Zé-Ninguém). Mediação: Flávio de Araújo

10h30 - Intersecções entre filosofia e literatura – com Matheus Arcaro (mediação: Ovídio Poli Junior).

11h - Literatura infantil e juvenil - com Clovis Levi e Simone Mota. Mediação: Carolina Drago (Oasys Cultural) e Ovídio Poli Junior

11h30 - Os limites do conto - com Alex Andrade, Matheus Arcaro e Maurício de Almeida (mediação: Flávio de Araújo)

14h - Literatura para todas as idades. A poesia de Nina Schilkowsky (Olhos de espanto), as crônicas de Ilton Chaves Jr. (Lugar do eterno) e os contos mundiais organizados por Julia Grillo (O guerreiro invisível) são provas de que a classificação etária pode trazer discriminação para livros que deveriam ser apresentados às crianças (mediação: Anna Beatriz Mattos)

14h30 - Guiomar de Grammont apresenta Palavras-Cruzadas, romance escrito a partir de pesquisa com documentos inéditos sobre a Guerrilha do Araguaia (mediação: Ovídio Poli Junior)

15h - O livro e o direito autoral: biografias, e-books e mudanças tecnológicas - com João Scortecci (escritor, editor, gráfico e livreiro) Mediação: Flávio de Araújo

16h - Como as editoras poderão se adaptar ao universo digital? O mundo está em constante transformação e novas tecnologias surgem todos os dias. Qual seria a projeção para o futuro próximo? Palestra com Sérgio Baeta, um dos executivos da Digitaliza (empresa brasileira especializada em conversão e distribuição de conteúdos digitais que oferece aos editores interessante modelo de negócios) (mediação: Ovídio Poli Junior)

17h - Literatura, comédia e teatro na travessia do tempo. O contista Alexandre Kostolias (O Rio em seis tempos) e o ensaísta Edvard Vasconcellos (A recriação da comédia romana no teatro português) debatem o que é eterno na literatura. Mediação: Anna Beatriz Mattos

17h30 - O poder da narrativa: Adilson Xavier apresenta STORYTELLING: Histórias que deixam marcas. Mediação: Valéria Martins (Oasys Cultural)

18h - FLIPORTO: 10 anos - Antônio Campos e Eduardo Côrtes resgatam a história da FLIPORTO  (Festa Literária Internacional de Pernambuco) e lançam livro com iconografia do evento. Mediação: Flávio de Araújo e Ovídio Poli Junior

18h30 - Sessão de autógrafos com Antônio Campos, Eduardo Côrtes, Adilson Xavier, Nina Schilkowsky, Alexandre Kostolias e Edvard Vasconcellos

20h30 - Sarau com os vencedores | 2015 do prêmio Off Flip Literatura

Rua Marechal Santos Dias, 20 | Centro Histórico

TEATRO DE RUA - A incrível história do Cangaceiro e Julieta Fuçalama - peça inspirada no universo ficcional de Ariano Suassuna encenada pela Trupe Fulô no Asfalto (Artes Cênicas – Unicamp) - Quinta - 9h30 | Sexta - 15 h | Sábado - 9h30 e 15 h | Domingo - 12h

Fonte: VEJA RIO