festival

Dia da Consciência Negra tem programação especial na Arena Dicró

Festival da Cor da Gente reúne oficinas, exposição, shows, filmes e mais

Por: Redação VEJA RIO - Atualizado em

A Batalha do Passinho
A Batalha do Passinho: filme será exibido do domingo (23) (Foto: Divulgação)

Comemorado nesta quinta (20), o Dia da Consciência Negra ganhou uma programação mais que especial na Arena Dicró, na Penha. O espaço recebe, de quinta (20) a domingo (23), o Festival da Cor da Gente, com oficinas, exposição de fotos, shows, feira de artesanato, exibição de filmes, desfile de moda, batalha de passinho e mais.

No primeiro dia do festival, o público poderá conferir uma feira de artesanato e um desfile de moda. Entre os destaques, estão também outras programações culturais – entre elas, a animação Kirikou, sobre uma lenda africana, em que um recém-nascido superdotado será responsável pela salvação da sua aldeia; a peça de teatro Beleza Negra, uma comédia musical sobre a união dos povos que presta homenagem a grandes personalidades negras; e oficinas de percussão e turbante.

Na sexta (21), o espaço recebe o show da banda AR21 (AfroReggae 21), com repertório que mistura pop, reggae e rock. O cineclube exibe o longa-metragem Prezado Mandela, que retrata a trajetória do maior movimento de moradores de favelas da África do Sul e sua luta contra remoções. Após a exibição do filme, haverá um debate com o historiador Mario Brum e a cientista política Kalinca Copello.

Banda AR 21
A banda AR 21 se apresenta na sexta (21) (Foto: Divulgação)

No sábado (22), o boteco do Parque Ary Barroso terá um cardápio voltado para a Bahia, região do Brasil com maior influência africana. No mesmo dia, o Coletivo CRUA realiza uma edição especial do Cinegrada, com exibição de filmes que valorizam a identidade negra. O Fotoclube Alemão fará a inauguração da exposição de imagens produzidas nos últimos quatro anos dentro do Complexo do Alemão.

No encerramento do festival, o espaço recebe o projeto da A história da Mulher Pássaro, com contos que misturam ciências e fantasia. Será apresentado também o documentário de Emilio Domingos, A Batalha do Passinho, que acompanha de perto o fenômeno e mostra a evolução da dança. Após a exibição, será realizado um baile de passinho. O encerramento contará ainda com uma roda de choro com professores, alunos e convidados da Escola Portátil de Música.

A Arena Dicró fica na Avenida Brás de Pina, s/n, no Parque Ary Barroso, Penha (acesso pela Rua Flora Lobo). Mais informações pelo telefone 3486-7643. A entrada é gratuita, com exceção do show AR21, que custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

+ Veja mais atrações gratuitas na cidade

Confira abaixo a programação completa:

Quinta (20)

  • 10h às 21h - Feira de artesãos
  • 10h - Cineclube Infantil - Kirikou
  • 11h30 - Espetáculo Beleza Negra
  • 14h - Oficina de percussão
  • 16h - Oficina de turbante
  • 18h - Desfile

Sexta (21)

  • 10h - Rodada Hacker
  • 16h30 - Cineclube (Prezado Mandela) e debate com Mario Brum e Kalinca Copello
  • 19h - Roda de Danças Populares - Grupo Dandalua
  • 21h - Banda AR21

Sábado (22)

  • 8h30 - Espetáculo Amas de Leite
  • 10h às 21h - Feira de artesãos
  • 10h - Oficina de Dança Afro
  • 10h - Contação de Histórias
  • 12h - Boteco especial Bahia
  • 14h - Cinegrada
  • 16h - Malícia Urbana Crew
  • 16h - FotoClube Alemão

Domingo (23)

  • 10h - A História da Mulher Pássaro
  • 12h - Boteco especial Bahia
  • 14h - Cinegrada
  • 15h - Roda de Choro
  • 17h - Documentário Batalha do Passinho
  • 18h30 - Passinho Carioca

Fonte: VEJA RIO