BLOCOS

18 de fevereiro

- Atualizado em

8h Céu na Terra

18-sabado-1.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Nascido dentro do Núcleo de Cultura Popular Céu na Terra (fundado em 1998 por amigos das áreas de música, artes plásticas, circo e teatro), este bloco busca reviver a magia dos antigos carnavais, por meio de desfiles acústicos, sem carros de som, e do incentivo ao uso de fantasias. Seus cinquenta músicos tocam trompetes, trombones, saxes, tubas, surdos, caixas, agogôs, tamborins e cavaquinhos. E o bloco chega a contar até com naipes de acordeons. Aqui, a tradição faz a diferença.

CONCENTRAÇÃO 8h, na Praça Odilo Costa Neto, Santa Teresa. COMO CHEGAR 206 e 214. PERCURSO Sai pela Rua Áurea, seguindo pela Rua Oriente, depois pela Rua Progresso, indo até o Largo das Neves. EXPECTATIVA DE PÚBLICO 10?000. REPERTÓRIO Marchinhas tradicionais e de autoria da própria banda. MAIS INFORMAÇÕES ceunaterra@oi.com.br.

9h Cordão da Bola Preta

Roupa branca com bolinhas pretas. Esse é o uniforme oficial de um dos blocos mais antigos da cidade, que completa 93 anos em 2012. A cantora Maria Rita é a madrinha desta simpática agremiação, que estará homenageando os 100 anos que o ator Mário Lago completaria agora. ?Quem não chora não mama / segura, meu bem, a chupeta?, parte do refrão de seu hino, são talvez os versos mais conhecidos da folia carioca.

CONCENTRAÇÃO 9h, na Cinelândia, Centro. COMO CHEGAR metro Cinelândia. 121, 232, 370 e 438, entre outros. PERCURSO Sai pela Avenida Rio Branco, indo até a Igreja da Candelária, na esquina com a Avenida Presidente Vargas. EXPECTATIVA DE PÚBLICO 1,5 milhão. REPERTÓRIO Marchinhas, sambas-enredo e o hino do próprio bloco. MAIS INFORMAÇÕES 2240-8049 e www.cordaodabolapreta.com.br. Confira também o desfile do dia 10.

10h Empolga às 9

Estes aqui são mesmo feras da batucada. O bloco tem bateria própria (com sessenta componentes), e não precisa pegar emprestados ritmistas de escolas ou agremiações mais tradicionais. Sua história é nova, iniciada em 2003 - e faz a cabeça da galera jovem, com um repertório que junta maracatu e funk, Tim Maia e Ben Jor. E também samba de verdade, marchinhas e frevos. O tema deste ano é o Cristo Redentor, que em 2011 completou oitenta anos de idade. O enredo sobre o monumento vem se somar a uma série de outros bons motes, laudatórios ou irreverentes, que o Empolga tem apresentado nos últimos desfiles, como os tropeços da seleção e o aquecimento global.

CONCENTRAÇÃO 10h, na Avenida Atlântica, em frente à Rua Rainha Elizabeth, Posto 6, Copacabana. COMO CHEGAR a General Osório (optar pela saída da Rua Sá Ferreira, a 800 metros do Posto 6). 123, 132, 382 e 432, entre outros. PERCURSO Vai pela Avenida Atlântica até a altura da Rua Figueiredo de Magalhães. EXPECTATIVA DE PÚBLICO 35?000. REPERTÓRIO Sambas-enredo antigos, frevos, MPB e samba-funk. MAIS INFORMAÇÕES www.empolga.com.br. Confira também o desfile do dia 12.

Fonte: VEJA RIO