CRIANÇAS

Fábula brasileira

Peça inspirada na obra do folclorista Câmara Cascudo diverte pequenos e adultos na plateia

Por: Bruna Talarico - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪✪

Guillermo Ribas/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Em montagem dirigida por Marcia do Valle, uma peça escrita por Eridiana Rosa e Luiz Fernando Pinto saiu do Festival de Teatro Cidade do Rio de Janeiro, realizado no início do ano, premiada em cinco categorias: melhor espetáculo, direção, ator, atriz coadjuvante e iluminação. Em cartaz no Sesc Rio Casa da Gávea, Urucuia Grande Sertão, inspirado na obra do folclorista Luís da Câmara Cascudo (1898-1986), justifica cada troféu. A sessão, diversão garantida para os pequenos, também entretém com sobras os adultos incluídos no programa.

Pedro Yudi interpreta o monarca viúvo e solitário, líder de um reino fictício no sertão brasileiro. Influenciado pelo avançar da idade e pela vontade de ter netos, ele determina que seu fiel servo, Jaime (Moisés Salazar, um dos premiados, impagável), arrume um rapaz para se casar com sua filha, a jovem princesa (Michele Lima). Orgulhosa, ela se julga a pessoa mais inteligente do império e resiste aos pretendentes ? quem parece mais empolgada é sua conselheira Albertina, uma espécie de periguete do reino interpretada pela divertida Thiane Leal (eleita a melhor atriz coadjuvante no festival). Mesmo com tanta banca, a herdeira acaba cedendo aos encantos do franzino e sagaz Amarelo (Luiz Fernando Pinto), um tremendo malandro. Ao longo da trama, a quebra de estereótipos resulta em bela lição. Na esmerada produção, sobressaem o colorido e versátil cenário, a musicalidade do texto e as tiradas de improviso do elenco.

Urucuia Grande Sertão (60min). Rec. a partir de 5 anos. Estreou em 10/11/2012. Sesc Rio Casa da Gávea (80 lugares). Praça Santos Dumont, 116, Gávea, ☎ 2239-3511. Sábado e domingo, 16h. R$ 20,00. Bilheteria: a partir das 13h30 (sáb. e dom.). Até 16 de dezembro.

Fonte: VEJA RIO