CRIANÇAS

Uma peça com sotaque

Espetáculo português, O Príncipe Feliz é a única atração para os pequenos no Festlip

Por: Lais Botelho

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Idealizado pela atriz e produtora Tânia Pires, o Festival Internacional de Teatro da Língua Portuguesa (Festlip) surgiu em 2008 com a proposta de unir por meio das artes países que compartilham esse mesmo idioma. A partir de quarta (27), o evento segue para a sexta edição, espalhando peças, palestras, exposições, oficinas, shows e mostras pela cidade. Novidade deste ano, o Festlipinho, parte da programação dedicada aos pequenos, apresenta O Príncipe Feliz, peça da companhia portuguesa Magia e Fantasia. O espetáculo, com sessões gratuitas na sexta (29), no Morro de São Carlos, e no domingo (31), no Parque Lage, aborda o relacionamento entre uma andorinha (Mônica Cunha) e a estátua do príncipe do título (Paulo Lage). Criado sem conhecer as tristezas do mundo, ele passa a ter contato com a realidade após ser transformado em uma escultura de pedra. Direção de Paulo Lage (45min). Rec. a partir de 5 anos.

Morro de São Carlos (300 lugares). Rua União, 58, Estácio. Sexta (29), 16h. Grátis. Parque Lage

(80 lugares). Rua Jardim Botânico, 414, Jardim Botânico. Domingo (31), 16h. Grátis.

Fonte: VEJA RIO