CRIANÇAS

Nada de preguiça

Lucia Coelho, 76 anos, encena a história de Macunaíma, o anti-herói indolente de Mário de Andrade

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

roteiro-criancas-abre.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Seis anos após a Semana de 22, marco inaugural do modernismo no país, o escritor Mário de Andrade (1893-1945) lançou um dos livros mais emblemáticos do movimento: Macunaíma. Alegoria do povo brasileiro, o protagonista que dá nome ao romance é um anti-herói indolente e mentiroso. Em 1969, a história chegou ao cinema, com direção de Joaquim Pedro de Andrade e um inesquecível Grande Otelo no papel principal. Agora, pelas mãos de uma experiente profissional do teatro infantil, a diretora Lucia Coelho, ganha versão para crianças: Macunaíma ? Uma História de Amor estreia no sábado (5), no Teatro do Jockey.

O espetáculo é resultado de um mergulho de quase dois anos da diretora na obra do escritor modernista. Aos 76 anos, ela repete a dobradinha habitual com a irmã, Marília Monteiro, 85 anos, autora da adaptação. O elenco conta com oito atores do grupo Navegando. Raphael Logam vive Macunaíma, o índio negro que sai de sua tribo no norte do país em direção a São Paulo, e no caminho se apaixona pela indígena Ci (Iza Lanza). Na ficha técnica de respeito aparecem Caíque Botkay (direção musical e composições), Jorginho de Carvalho (iluminação), Ciça Modesto (cenografia) e Cláudio Tovar (figurinos).

Macunaíma ? Uma História de Amor. Rec. a partir de 6 anos. Centro de Referência Cultura Infância ? Teatro do Jockey (150 lugares). Rua Bartolomeu Mitre, 1110, Gávea, ☎ 3114-1286. Sábado e domingo, 16h30. R$ 15,00. Bilheteria: a partir das 15h (sáb. e dom.). Estac. na Rua Mário Ribeiro, 410 (R$ 4,00 a hora). Até 24 de junho. Estreia prometida para sábado (5).

Fonte: VEJA RIO