CRIANÇAS

Bonecos animais

Companhia Pia Fraus usa marionetes de bichos para abordar a relação entre pais e filhos

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

Newber/Casa da Lapa/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Um passarinho que pede ajuda à mãe para aprender a voar, o filhote desafinado de uma família de sapos cantores, um cardume de piranhas famintas e uma onça às voltas com um macaquinho impertinente são alguns dos bichos que vão invadir a cidade. A partir de sábado (19), eles estarão no palco do Teatro Nelson Rodrigues, a bordo do espetáculo Filhotes da Amazônia, da premiada companhia paulista Pia Fraus. Com texto de Beto Andreetta, um dos fundadores da trupe, e direção de Wanderley Piras e Adriana Telg, a peça ? que estreou em 2009 e vem pela primeira vez ao Rio ? se vale dos animais da floresta como metáfora para abordar a relação entre pais e filhos.

Mantendo a tradição do grupo, a montagem é baseada na técnica do teatro de bonecos. Três atores e manipuladores ? Cristiano Bacelar, Fábio Caniatto e Natália Gonsales ? dão vida a cinquenta marionetes que representam várias espécies animais. Para confeccioná-las, foram usados apenas materiais naturais, como cordas, palha, cabaças e madeira. O cenário, assinado por Andreetta, faz referência ao universo indígena, com uma oca que serve de central para a manipulação dos bichos. Inteiramente sem falas, as histórias são embaladas por uma trilha que evoca a musicalidade dos nativos da floresta.

Filhotes da Amazônia. Livre. Caixa Cultural ? Teatro Nelson Rodrigues (388 lugares). Avenida República do Chile, 230, Centro, ☎ 2262-5483, ? Carioca. → Sábado e domingo, 16h. Bilheteria: 13h/20h (ter. a sex.); a partir das 10h (sáb. e dom.). Grátis. Senhas distribuídas uma hora antes. Até 4 de dezembro. Estreia prometida para sábado (19).

Fonte: VEJA RIO