A HISTÓRIA DO BARQUINHO

Premiado texto de Ilo Krugli ganha nova montagem

Com direção de André Paes Leme, Grupo Canto da Viração dá vida ao roteiro poético sobre coragem e liberdade

Por: Lais Botelho - Atualizado em

TL-pag-simples-Maria-Elisa-Franco-(1)
Anna Bello, Ronaldo Mota, Pedro Poema, Suzana Nascimento, Diego Abreu e Isadora Medella: no elenco (Foto: Maria Elisa Franco)

No começo da década de 70, Ilo Krugli, argentino radicado no Brasil, fundador do grupo Ventoforte, inovou no teatro infantil com um texto poético sobre coragem e liberdade. A linguagem sutil, quase cifrada, justificava-se nos anos de ditadura militar, mas não impediu A História do Barquinho de tornar-se um clássico do gênero: a peça superou as amarras do tempo, ganhou prêmios e foi adaptada no exterior. Uma nova montagem, dirigida por André Paes Leme e encenada pelo Grupo Canto da Viração, ocupa o Oi Futuro Ipanema a partir de sábado (11). Em cena, o barquinho Pingo Primeiro (Pedro Poema), ao ver desfilar pelas águas a bela flor Irupê (Anna Bello), decide ir atrás da amada. Para tanto, abandona a âncora e se lança ao mar. Krugli, que hoje vive fora do Rio, vem à cidade para assistir à primeira sessão (60min). Rec. a partir de 6 anos. Reestreia prevista para sábado (11).

Oi Futuro Ipanema (120 lugares). Rua Visconde de Pirajá, 54, Ipanema, ☎ 3201-3010. Sábado e domingo, 16h. R$ 15,00. Bilheteria: a partir das 14h (sáb. e dom.). Até 21 de dezembro.

Fonte: VEJA RIO