COMIDINHAS

No papel principal

Dedicada ao preparo de batatas rosti, casa em Santa Teresa oferece quinze versões da receita

Por: Fabio Codeço - Atualizado em

COMIDA ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪ | ATENDIMENTO ✪✪✪

Fernando Frazão
(Foto: Redação Veja rio)

Na origem um prato camponês, em geral preparado de manhã, para ajudar a enfrentar a lida, a batata rosti logo passou a ser apreciada em outras refeições do dia. Ao lado de carnes e salsichas, ganhou o mundo e tornou-se célebre representante da culinária de seu país natal, a Suíça. Acompanhamento requisitado na cidade, foi alçada recentemente à condição de protagonista. É esse o tratamento dispensado à receita no Rösti & Grill, inaugurado há dois meses na Rua Áurea, em Santa Teresa, próximo ao Armazém São Thiago.

Como o nome do negócio anuncia, trata-se de uma casa especializada na iguaria feita, na sua forma tradicional, de batata cozida e ralada grossa, depois frita com cebola, temperos e bacon.

O termo "rösti" é usado também para designar qualquer alimento que, após o preparo, fica dourado e crocante. Sócios na empreitada, Felipe Murray e Cornelius Rohr, descendente de suíços, oferecem a versão original (R$ 14,00) e outras catorze variedades de recheio - alguns bem brasileiros, como carne-seca desfiada com cebola e queijo mussarela (R$ 21,00). Para os vegetarianos, é boa aposta a união de funghi e shiitake com mussarela de búfala (R$ 22,00). Sequinhas, douradas e crocantes, como manda o figurino, as batatas chegam ao lado de salada verde fresquinha. Para incrementar a refeição, é possível combiná-las com grelhados - outra das atrações locais anunciada na fachada. Picanha ao molho campanha (R$ 26,00) e salsicha defumada com ervas (R$ 26,00) são duas opções. O pedido inclui a versão tradicional do quitute e mix de folhas. Simples e pequenino, o endereço abriga a clientela em uma despojada varanda.

Rösti & Grill. Rua Áurea, 2, Santa Teresa, ☎ 2146-4000 (30 lugares). 12h/23h (fecha ter.). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2011.

Fonte: VEJA RIO