Recomenda

Meating Homemade Burgers é novidade na Gávea

Casa engorda a lista de boas hamburguerias da cidade com duas sugestões feitas de cupim e peito bovino  

Por: Fabio Codeço - Atualizado em

comida ✪✪✪✪ | ambiente ✪✪✪| ATENDIMENTO ✪✪✪

IndieBurger_MeatingHomemadeBurgers_Rafael-MóscaDivulgação
Indie burger, ladeado por chips de batata-doce: R$ 29,90 no total (Foto: Rafael Mósca)

O cordão das hamburguerias gourmets não para de crescer na cidade. A casa de nome irreverente, um trocadilho com as palavras inglesas meat (carne) e meeting (encontro), engordou essa lista no fim de novembro, quando abriu as portas na Gávea — o bairro, aliás, já contava com a Brother’s Burger, empreitada recente do mesmo gênero. Por trás da fachada amarela, a decoração inspirada na arte urbana sobressai pelo divertido papel de parede que domina o salão, além de mesas e cadeiras de ferro com tampo e assento de madeira, tubulações aparentes e trilha sonora apoiada no rock’n’roll. Seguindo o modelo de cardápio em que menos é mais, são sugeridas apenas duas opções de hambúrguer, ambas feitasa partir da mistura de cupim e peito bovino, emoldurados por ótimo pão de batata. O indie leva ainda queijo emmental, bacon caramelado com uísque Jack Daniel’s e molho aïoli. No classic, o disco de carne vem coberto por queijo gouda, salada e molho à base de páprica. Postos à prova,os dois vieram com a carne no ponto correto e bom equilíbrio entre os complementos, servidos por R$ 22,90 cada um. Para acompanhar, decida entre a tradicional batata palito e os originais chips de batata-doce (R$ 7,00 cada pedido), dois acertos de produção própria. Na linha de milk-shakes (R$ 11,00 a unidade), o inusitado sabor de abóbora com canela divide atenção com a receita de chocolate e a de cheesecake, que tem a doçura amenizada pelo cream cheese.

+ X-tudo: matéria de capa sobre o sabduíche americano e sofisticadas versões criadas por chefs 

Marquês de São Vicente, 3B, Gávea, 3114-0660 (34 lugares). 12h/0h (qui.até 2h; sex. a dom. até 1h; fecha seg.).Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2014.  

Fonte: VEJA RIO