mais saudável

Chefes investem em receitas caseiras de granola

Mistura de cereais oferece inúmeros benefícios ao organismo. Saiba onde comprar as versões artesanais e aprenda a fazer a sua em casa

Por: Luna Vale - Atualizado em

Granola
(Foto: Divulgação)

Criada no século XIX, a granola atrai uma legião de fãs graças a grande concentração de fibra se nutrientes. A mistura de sementes e cereais é calórica, mas saudável, ao conter vitaminas, proteínas e ferro, além de uma ótima forma de consumir alimentos que fazem bem ao organismo como chia, linhaça e óleo de coco. Promove o rejuvenescimento da pele e ajuda a prevenir doenças cardiovasculares.

+ De carona na onda fit, casas investem em opções sem açúcar

De olho na crescente procura por uma alimentação mais saudável, chefes investem em receitas próprias para revender em seus restaurantes. “Normalmente essas granolas prontas tem 80% de aveia, que é o ingrediente mais barato. Como fazia pra mim, me preocupava com quantidades equilibradas de cada item para ficar gostoso e não com o preço”, conta Natalie Passos, do Naturalie Bistrô.

+ Uma seleção de receitas fit para turbinar o seu treino

Além de não gostar do sabor das granolas compradas no mercado, a chef Carolina Figueiredo, do Market Ipanema, começou a produzir sua própria receita para ter certeza da origem dos produtos vendidos no restaurante. “Por mais que esteja escrito no rótulo, nunca temos certeza do que levam os produtos industrializados”, afirma, ressaltando que chega a vender cerca de 600 potes de granola por mês.

Segundo a nutricionista Luciana Harfenist, a grande vantagem do produto artesanal é a certeza da origem e da qualidade dos ingredientes. Além de ser  possível adequar as receitas para cada perfil. “O vegetariano, deve investir em quinoa e amaranto, ricos em proteínas. Para quem quer emagrecer, recomendo aveia e oleaginosas que promovem saciedade e canela que é termogênico”.

Confira abaixo um roteiro de onde comprar e clique nos links para ver a receita e aprender a fazer em casa:

Granola_Market Ipanema
Granola à venda no Market Ipanema (Foto: TomasRangel)

A chef Carolina Figueiredo prepara três opções da mistura de grãos: a de aveia leva linhaça dourada, gergelim branco, castanha do Pará e melado de cana, e outros ingredientes (R$15, 350g). A sem glúten com quinoa vermelha, semente de abóbora e de chia, amêndoas e óleo de girassol (R$15, 350g) e a versão salgada que leva amêndoas, amendoim, azeite extra virgem, flor de sal, gergelim negro, sementes de abóbora, de chia e de girassol (R$10, 200g).

Receita de granola de aveia

Receita de granola salgada

Pomar Orgânico  Granola
Granola à venda no Pomar Orgânico (Foto: Divulgação)

Comandado pela chef Andrea Henrique, os produtos são sem glúten e sem lactose. A granola feita com ingredientes como água de flor de laranjeira, açúcar demerara, linhaça dourada, coco em flocos, semente de girassol e cramberry é vendida em três tamanhos 100g (R$8,50); 200g (R$17); 300g (R$25,50).

Naturalie Bistrô_ granolas
Granola à venda no Naturalie Bistrô (Foto: Alexander Landau)

Os potinhos em que são vendidas as granolas especiais produzidas na casa com fava de baunilha, cacau, aveia e agave são recarregáveis. Na primeira compra, o valor é de R$ 65 (400g), mas ao levar a embalagem para refil, o preço cai para R$39. Confira aqui a receita.

Empório Jardim_Produtos da Casa (geleia, queijo, granola, manteiga, requeijão)_
Granola no café da manhã do Empório Jardim (Foto: Tomás Rangel)

Dentre a variedade de produtos feitos na casa, a granola leva amêndoas laminadas, flocos  de arroz, suco de laranja, coco, mel e gérmen de trigo. Quem quiser apenas experimentar, pode pedir a porção com 60g (R$ 2,40) para comer no bistrô. Já para levar para casa, o pote de vidro retornável, com 80g (R$ 7,90), tem desconto de R$ 1 no refil .

  • Granola Real
Granola Real
Granola Real (Foto: João Roma)

No fim de outubro do ano passado, o casal Juliana e Lucas começou a produzir as próprias receitas em casa. O produto tem base de aveia e leva ingredientes como sementes de linhaça e de girassol, castanha do pará, amêndoas, mel do interior de Minas e coco seco nas versões com ou sem passas. A preocupação com a geração de lixo reflete nas embalagens, feitas com portes de vidro reaproveitados, de papel reciclado ou no modo refil. Um pote de 250g da tradicional sai por R$15,00 e o de 500g, por R$25,00, com entregar sem taxas no no Centro, na Zona Sul e na Ilha do Governador.  Contato pelo Facebook ou pelo email agranolareal@gmail.com

Fonte: VEJA RIO