retrô

Operação Sonia Silk traz imaginário dos anos 1970

Filmados em duas semanas, os longas O Rio Nos Pertence, o Uivo da Gaita e O Fim de uma Era estarão em cartaz no Estação Net Rio a partir desta sexta (5)

Por: Redação Veja Rio - Atualizado em

operação sonia silk
(Foto: Divulgação)

Na década de 1970, auge da pornochanchada, Julio Bressane e Rogério Sganzerla fundaram a produtora Belair que, em seis meses, produziu seis filmes. Um deles foi o longa Copacabana Mon Amour, que conta a história de Sonia Silk, uma prostituta que sonha se tornar cantora da Rádio Nacional. A personagem emblemática vivida por Helena Ignez dá nome à série de filmes dirigidos por Bruno Safadi e Ricardo Pretti que estreia nesta sexta (5), no Estação Net Rio.

Mantendo o espírito de experimentação e diálogo com diferentes gêneros, a mostra traz três fitas estreladas pelos atores Leandra Leal, Mariana Ximenes e Jiddu Pinheiro. O Rio Nos Pertence, o Uivo da Gaita e O Fim de uma Era fazem parte da trilogia, filmada em 2012, em cartaz por até a próxima quinta (11).

Confira abaixo a programação/ Sala 1:

Copacabana Mon Amour – Sexta: 18h40/ Sábado: 15h20/ Domingo: 17h/ Segunda: 13h40/ Terça: 20h20/ Quarta: 22h

O Uivo da Gaita – Sexta: 13h40, 20h20/ Sábado: 18h40/ Domingo: 13h40, 20h20/ Segunda: 15h20, 20h20/ Terça: 15h20, 22h/ Quarta: 17h/ Quinta: 13h40, 18h40

O Rio Nos Pertence – Sexta: 15h20, 22h/ Sábado: 18h40/ Domingo: 13h40, 20h20/ Segunda: 17h, 22h/ Terça: 17h/ Quarta: 13h40, 18h40/ Quinta: 15h20, 20h20

O Fim de uma Era – Sexta:17h / Sábado: 13h40, 20h10 (Debate após sessão)/ Domingo: 15h20, 22h/ Segunda: 18h40/ Terça; 13h40, 18h40/ Quarta: 15h20, 20h20/ Quinta: 17h, 22h

Fonte: VEJA RIO