CINEMA

Tropicália para sempre

Mostra na Caixa Cultural celebra o movimento e sua influência na cultura brasileira

Por: Caio Werneck - Atualizado em

Paulo Salomao
(Foto: Redação Veja rio)

Batizada de Pão e Cinema ? 45 Anos de Tropicália, a mostra que ocupa a Caixa Cultural de terça (10) a domingo (15) traz variadas produções do período em que surgiu e ganhou corpo o movimento tropicalista. Na programação, com 26 títulos, entre curtas e longas, há duas pré-estreias: os documentários Quatro Elementos em Si ou O Guru Selvagem, de André Martinez, com Jorge Mautner e Nelson Jacobina, que ganha exibição na quarta (11), às 19h, e Hélio Oiticica, de César Oiticica Filho, eleito a melhor produção do gênero no Festival do Rio 2012, que passa na sexta (13), às 19h. Tropicália (2012), documentário de Marcelo Machado, escalado para domingo (15), às 15h, trata especificamente do movimento musical protagonizado por Tom Zé, Caetano Veloso e Gilberto Gil, entre outros. A lista se completa com clássicos, a exemplo de Terra em Transe (1967), de Glauber Rocha, na terça (10), às 13h, e raridades como Mito e Contramito da Família Pernambucobaiana. Dirigido por Jomard Muniz de Brito, em 1974, com Cae­tano, Gil, Dedé e o jornalista Geneton Mo­raes Neto, o curta abre a sessão do documentário Hélio Oiticica.

Caixa Cultural (78 lugares). Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3875, ? Carioca. R$ 2,00. Bilheteria: 10h/20h (ter. a dom.).

Confira a programação completa em abr.io/cinema-tropicalia

Fonte: VEJA RIO