CINEMA

Frances Ha

Diretor Noah Baumbach ressurge com uma adorável comédia dramática filmada em preto e branco

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪✪

Rafael Andrade/Folhapress
(Foto: Redação Veja rio)

Depois de A Lula e a Baleia (2005), o diretor Noah Baumbach não acertou mais a mão. Mas ressurge agora com uma adorável comédia dramática filmada em preto e branco. Frances, interpretada pela graciosa Greta Gerwig, tem 27 anos e estuda numa companhia de balé na esperança de ser uma profissional. Trata-se, enfim, de uma sonhadora sem grana cuja amizade por Sophie (Mickey Sumner) é aparentemente inabalável. Um dia a amiga avisa: vai sair do Brooklyn, onde elas dividem um apartamento, e se mudar para Manhattan. Frances, porém, consegue um canto na casa de dois amigos. Também roteirista, Baumbach segue a protagonista por um caminho de erros escorado no humor e na melancolia, encontrados nas esquinas de uma Nova York ora solidária, ora solitária. Por seus papos verborrágicos, Frances parece saída de um filme de Woody Allen. A homenagem à nouvelle vague marca presença sobretudo na insólita passagem da personagem por Paris. Direção: Noah Baumbach (Frances Ha, EUA, 2012, 86min). 14 anos. Estreou em 23/8/2013.

Atrás das câmeras: o diretor Noah Baumbach e a atriz Greta Gerwig namoram desde 2011

Pai famoso: a atriz Mickey Sumner é filha do cantor Sting

Fonte: VEJA RIO